Celebration, o primeiro meio de hospedagem sustentável de Olímpia

Publicado em 19 de agosto de 2015 às 14h17
Atualizado em 19 de agosto de 2015 às 15h21

Por Ieda Rodrigues / Lettera — Em Olímpia, o sol brilha praticamente o ano todo. A temperatura média anual é de 23,3 graus, mas mesmo no inverno é fácil a máxima passar dos 30 graus. Aproveitando as excelentes condições climáticas, o Celebration Resort Olímpia, empreendimento do Grupo Ferrasa que está operando em soft opening, é o primeiro meio de hospedagem sustentável da estância turística. A água de todos os 264 apartamentos do empreendimento, assim como a usada no restaurante, é aquecida com o calor do sol. A iluminação de todo o resort é 100% de lâmpada de LED, que consome menos energia que as convencionais.

Vista-coletores-solares-(1)

Para aquecer a água, a cobertura do Celebration Resort Olímpia, um prédio de 13 andares, foi projetada para funcionar como uma miniusina. Lá estão instalados 180 coletores de radiação solar, bombas solares de recirculação e nove reservatórios de água quente tipo Boiler, totalizando 30 mil litros de armazenagem. A água do reservatório do subsolo, em temperatura ambiente, é bombeada para a cobertura. Ao circular pelos coletores, é aquecida e, então, é armazenada em reservatórios especiais que ajudam a manter a temperatura. “Quando o hóspede abre o chuveiro no seu apartamento, ele mistura a água fria do reservatório inferior com água quente do superior para obter a temperatura que deseja”, explica o engenheiro Gilberto Tonelli, gerente de Obras e Manutenção do Grupo Ferrasa.

Como suporte, o Celebration Resort Olímpia também tem um sistema de oito aquecedores a gás, igualmente instalados na cobertura, para aquecer a água em dias de baixa insolação. É uma garantia para dias chuvosos e eventualmente nublados. “Mas, por enquanto – o resort começou a operar em junho – praticamente não foi utilizado”, comenta o engenheiro. No verão, a expectativa é que o aquecimento a gás não precise ser acionado. Como chuveiro é um dos itens que mais consome energia, a economia é muito significativa. “É energia limpa, renovável. Ao usarmos esta tecnologia, eliminamos a caldeira central e a queima de combustível fóssil, o que é um ganho ambiental”, completa Tonelli.

Celebration-Resort-11Visando tornar o resort sustentável, o Grupo Ferrasa fez uma modificação no projeto elétrico inicial do empreendimento, que era de iluminação com lâmpadas convencionais. A iluminação instalada é 100% com tecnologia LED. “Como de 2012 para cá tivemos um avanço na tecnologia, com maior oferta de lâmpadas de LED no mercado, mudamos o projeto. Todos os 264 apartamentos, assim como as áreas de uso comum e as administrativas, têm iluminação de LED, cujas lâmpadas são muito mais eficientes do que as comuns”, considera o engenheiro.

Enquanto uma lâmpada convencional gasta 40W para produzir uma determinada quantia de luz, a de LED instalada em vários pontos do hotel precisa de apenas 4,8W. O segredo é que a energia consumida pelo LED é revertida em iluminação e não em calor, consequentemente não desperdiça energia. “A adoção da tecnologia proporcionou uma economia de 60% no sistema luminotécnico”, ressalta Tonelli. Outra grande vantagem é a durabilidade. A vida útil da lâmpada de LED chega a passar de 50 mil horas contra aproximadamente 7 mil horas da fluorescente tubular.

Como o LED não possui em sua composição metais pesados, como chumbo e mercúrio, não é necessário descarte especial, o que é exigido para as lâmpadas fluorescentes. Há, ainda, mais um motivo para a adoção da tecnologia: o LED não emite radiação IV/UV, o que evita danos à pele, plantas e também objetos ou produtos expostos como roupas, calçados, móveis, decorações e obras de arte. “Apesar da iluminação com tecnologia LED, hoje em dia, custar 30% mais que a convencional, esta diferença de valor do investimento compensa e é recuperada em pouco tempo”, completa Tonelli.

A adoção das duas tecnologias, do aquecimento da água com o calor do sol e da iluminação com lâmpadas de LED, propicia aos clientes do Celebration Resort Olímpia todo conforto e modernidade que esperam com o menor impacto possível ao meio ambiente. “Receber bem, propiciar conforto, está no DNA do Grupo Ferrasa. Fazer isso consumindo menos energia e emitindo menos gás carbônico, portanto da forma mais sustentável possível, é motivo de orgulho, mais um motivo para celebrar. O nome Celebration não é por acaso: o resort é lugar para celebrar a família, o lazer, encontros, acontecimentos, trabalho… enfim, celebrar a vida, a natureza”, ressalta Manoel Carlos Cardoso, diretor de Operações, Entretenimento e Hospitalidade do Grupo Ferrasa.

Sobre o Celebration Resort Olímpia

O Celebration Resort Olímpia é um empreendimento do Grupo Ferrasa com 264 amplos e confortáveis apartamentos e completo em lazer para a família que entrou em operação soft opening em junho passado. O complexo de três piscinas inclui uma de borda infinita, que é o charme do resort, uma para adultos com hidromassagem e outra, rasinha, só para as crianças, além de dois aconchegantes ofurôs. Dispõe de área de recreação para as crianças e para os adolescentes, bar estrategicamente localizado, um belo e charmoso restaurante, academia com aparelhos de última geração e centro de convenções. “Nossa equipe foi treinada por consultores renomados e durante o período de soft opening refinamos o atendimento. Agora, estamos prontos para a inauguração, em setembro”, afirma Sérgio Ney Padilha Garcia, diretor Executivo do Grupo Ferrasa.

Sobre o Grupo Ferrasa

Com mais de 35 anos no mercado, o Grupo Ferrasa, também proprietário do Thermas Park Resort & Spa, programa inaugurar mais dois empreendimentos do setor de turismo em 2016: o moderno parque aquático Hot Beach, que terá praia artificial, piscinas com ondas, rio lento artificial, bar molhado, toboáguas kamikazes, restaurantes, e o Hot Beach Resort Olímpia, um complexo com 484 apartamentos, restaurante, lounge bar e centro comercial projetado com padrões internacionais. E em 2020, entregará um outro empreendimento, o Hot Beach Suítes. Com mais estes três empreendimentos em Olímpia, o Grupo Ferrasa passará a ter 1.238 apartamentos e um parque aquático, ingressando no top dez do setor no Brasil.

Assunto(s): ,

Leia também:

Faça um comentário