Aprovado poço com vazão de 400 mil litros por hora de água quente do Hot Beach

Publicado em 09 de junho de 2015 às 11h37
Atualizado em 09 de junho de 2015 às 11h38

“Extremamente satisfatória”. Assim foi classificada a perfuração do poço que abastecerá o parque aquático Hot Beach, de Olímpia. A operação foi concluída em maio e contou com uma perfuratriz de petróleo, por conta da profundidade do poço.

O empreendimento está sendo construído pelo Grupo Ferrasa e tem inauguração prevista para o próximo ano em Olímpia.

hot-beach

 

Localizado a 1.060 metros sob a superfície, o poço surpreendeu positivamente pela grande vazão – cerca de 400 mil litros por hora – e pela temperatura média das águas termais, 50ºC.

Iniciada há seis meses, a operação foi considerada de risco por conta da posição do Aquífero Guarani em relação ao solo, mas foi concluída de forma bem-sucedida.

 

“Principal atrativo do parque, a água quente está garantida no Hot Beach. Este poço vai abastecer todo o complexo com cerca de 10 milhões de litros e será essencial para seu funcionamento”, comenta Sérgio Ney Padilha Garcia, diretor executivo do Grupo Ferrasa. Ele explica que o poço agora passará por testes quadrimestrais, sob supervisão do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), para então receber a licença definitiva de funcionamento.

perfuratriz

 

Chegando na reta final das obras, o parque aquático já começa a tomar forma. Alguns dos tobogãs, brinquedos e demais equipamentos já estão sendo montados e devem ser instalados nas próximas semanas. Em até três meses, deve chegar o restante dos aparelhos, que estão sendo importados do Canadá e do México.

 

Hot Beach

 

O Hot Beach Resort Olímpia é mais um empreendimento do Grupo Ferrasa, da sociedade Ferrato e Sant’Anna de Olímpia. O complexo está em fase avançada de obras em uma área de 140 mil m², em Olímpia, no interior de São Paulo. Com inauguração prevista para setembro de 2016, o Hot Beach Resort Olímpia contará com 484 apartamentos de 40 m² e restaurante projetado com padrões internacionais, além de cozinha show, bar com estrutura para eventos musicais, lounge bar e centro comercial.

 

Já o parque aquático Hot Beach, além de praia artificial para o turista e ampla área aquática para crianças, terá piscinas com ondas, rio lento artificial com água quente e natural, piscina com bar aquático, integrada ao restaurante, deck molhado, sombrites em madeira rústica e toboáguas kamikazes. Os investimentos chegam à casa dos R$ 130 milhões.

Assunto(s):

Leia também:

Faça um comentário