Quinze anos de cadeia por tentar matar a ex-namorada em Rio Preto

O auxiliar administrativo Jamil Ribeiro Júnior, 25 anos, foi condenado a 15 anos de prisão, em regime fechado, por tentar matar a ex-namorada Thamiris Barbosa, 22, com um golpe de barra de alumínio na cabeça e atropelada, dia 18 de fevereiro de 2010, numa estrada de terra perto do clube de campo do Palestra, em Rio Preto.

reu

O réu, que está preso desde o dia do crime, foi submetido a julgamento popular ontem. Os jurados acataram a tese da acusação, feita pelo promotor Marcos Antonio Lelis Moreira. A condenação foi por tentativa de homicídio duplamente qualificado.

O promotor sustentou que Jamil agiu por vingança, porque a ex-namorada não queria mais a relação, e com dissimulação e surpresa. “Não podemos dizer que hoje o amor está no banco dos réus: é o egoísmo puro do macho preterido.” A vítima fraturou o cotovelo direito, teve torção no tornozelo, e vários hematomas no corpo.

Ao ser interrogado, o réu manteve a versão dada à Justiça em junho de 2010, de que não se lembra do momento das agressões. O advogado Edervek Delalibera, que fez a defesa do réu, pediu a retirada das qualificadoras, para que a pena fosse por tentativa de homicídio simples. O advogado alegou que Jamil não quis matar a ex-namorada, e sim teve uma reação explosiva diante da negativa dela em reatar o namoro. Ele deverá recorrer da decisão.

Segundo a denúncia, Jamil buscou a vítima no serviço para um último encontro, dizendo que lhe daria um presente. Na estrada de terra, a orientou a ficar de olhos fechados, e começou a lhe golpear. Thamiris sofreu vários tipos de agressão, e escapa porque se escondeu dentro de um rio. Ele foi preso pouco depois, na rodovia Euclides da Cunha. (Graziela Delalibera / Diarioweb – Foto: Pierre Duarte)

Mulher não atende latido do cão e leva tiro no braço em sua cozinha

Uma mulher de 25 anos levou um tiro no braço esquerdo quando estava de costas na cozinha de sua casa, na tarde desta segunda-feira (13), por volta das 15h55. A ocorrência foi atendida pela Polícia Militar na rua Virgílio Fiorotto, no CDHU, através dos policiais da ROCAM Fernando e Hial.

Sabrina Carolina Luiz, de 25 anos, deu entrada na Santa Casa de Misericórdia de Olimpia, socorrida por populares, alegando que se encontrava na cozinha de sua residência, de costas para a porta, quando ouviu seu cachorro latindo muito, mas não foi ver o que estava ocorrendo porque o animal sempre late muito constantemente, porém ouviu um barulho parecendo ser de uma bomba, momento em que notou que seu braço esquerdo havia sido atingido por um disparo de arma de fogo, dilacerando-o.

A vítima disse que não viu nenhuma pessoa nas proximidades de sua residência, e que não tem nenhum desafeto na vizinhança.

Ela foi submetida à intervenção cirúrgica e permanece sob observação médica. O caso foi registrado como tentativa de homicídio, através do delegado de Polícia Civil João Brocanello Neto.

Dupla tentativa de homicídio: marido contra mulher e filho contra o pai

Duas tentativas de homicídio foram registradas no início da noite deste domingo (12), em Guaraci: um pai contra a esposa e o filho, para defender a mãe, contra o pai. A mulher de 53 anos continua internada na Santa Casa daquela cidade com um corte profundo na cabeça.

Por volta das 19h30, os policiais militares Valter e Colevatti foram acionados via 190 para a rua Carlos de Campos, 1114, fundos, em Guaraci, onde estava ocorrendo uma desinteligência familiar. Ao chegarem no local, os soldados se depararam com Gilmar de Jesus, 55 anos, com uma barra de ferro na mão, e com lesões em seu braço e mão direita. E Gilmar de Jesus Filho, 28 anos, portando um facão mediano e com manches de sangue. Ambos foram desarmados e, ao socorrerem o marido, o filho conseguiu fugir do local.

Os PMs tomaram conhecimento de que a vítima, esposa de Gilmar de Jesus e mãe de Gilmar de Jesus Filho, Ismênia Aparecida Oliveira de Jesus, 53 anos, estava sob atendimento médico na Santa Casa de Guaraci com um corte profundo na cabeça, devido à agressão de seu marido.

Após Gilmar ser medicado na Santa Casa local, recebeu voz de prisão por tentativa de homicídio contra a esposa, através da delegada Débora Cristina de Nóbrega Abdala, Gilmar de Jesus teve de ser transferido para a Santa Casa de Olímpia, onde encontra-se em observação médica, uma vez que o dedo da mão foi cortado.

O filho, Gilmar de Jesus Filho, continua foragido, e responderá por tentativa de homicídio contra o seu pai tão logo seja capturado.

Tentativa de homicídio contra comerciária no domingo envolve vários suspeitos

A Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) vai investigar uma tentativa de homicídio que teria disso praticada contra a comerciária Tatiane Correia, de 31 anos de idade, moradora na Rua Júlio Ferrante, número 50, no Jardim São José, em Olímpia. Há suspeitas do envolvimento de familiares de seu namorado, o representante comercial Gibson Alexandre, morador na Cohab 1.

Segundo a polícia, a tentativa de homicídio teria ocorrido no início da tarde do domingo, dia 10, por volta das 12h20, quando ela foi abordada por dois elementos encapuzados, quando trafegava pela Rua São João, próximo ao cruzamento com a Rua 9 de Julho, no centro de Olímpia.

De acordo com o que informou à polícia, ela teria sido abordada por dois elementos, que ocupavam um veículo Gol dourado, que aparentava péssimo estado de conservação, e levada até à estrada municipal conhecida por Estrada do Gratão, na região sul do município de Olímpia, onde foi agredida pelos homens.

Tatiane Correia foi encontrada caída e desmaiada em um pomar de laranjas, cerca de 10 metros da estrada, por dois funcionários da Fazenda Santa Barbara, Francisco Muniz de Oliveira, de 39 anos, e Luiz Carlos Ferreira, de 43 anos, depois de aproximadamente três horas. Ela foi socorrida até ao pronto socorro da Santa Casa de Olímpia onde foi medicada. Consta que ela chegou em estado de choque.

Depois de se recuperar, Tatiane relatou que no local onde foi encontrada, os dois elementos – um vestindo camiseta preta e bermuda jeans e o outro vestindo camiseta vermelha e calça jeans – alegando que estavam fazendo aquilo porque ela estaria envolvida com  um homem casado, começaram a lhe agredir, inclusive com uma garrafa, e que a riscaram todo o corpo com um caco de vidro. A situação perdurou até que desmaiou e foi abandonada pelos dois.

Também na polícia consta uma declaração de seu ex-amásio Silvandro, que teria recebido uma mensagem de texto em seu telefone celular com a informação de que ela estaria morta. A mensagem dizia “já era, pode ir buscar o corpo”.

LESÃO CORPORAL DOLOSA
Ocorre que ela já havia sido agredida no início da noite do sábado, por volta das 18h15, quando seguia para sua casa e passava em frente ao número 969 da Rua 9 de Julho, no centro, por quatro pessoas que aparentemente teriam ligação de parentesco com o seu namorado.

De acordo com o que consta na polícia as agressões ocorreram quando um Fiat Uno parou e do qual desceu um elemento de nome Renan, que seria filho do namorado de Tatiane, e duas mulheres.

Depois de ter sido agredia pelos três com socos e chutes, Renan teria feito uma ligação telefônica e em seguida chegou um veículo Eco Esporte, do qual desceu uma mulher dizendo ser irmã do namorado de Tatiane que disse ter vindo de São Paulo fazer um funeral e que também lhe agrediu. (Valter Carucce, Ifolha)

Tentou matar a cunhada na noite desta quarta no bairro Santa Fé

Uma mulher 21 anos ficou gravemente ferida no pescoço depois de um supeito invadiu a casa dela pela janela, no bairro Santa Fé em Olímpia.  O caso ocorreu na madrugada desta quarta-feira (23), às 1h20.

RAIMUNDO-NONATO-SOUZA-FAUSTINO-(2)

TAILA-VIT.HOMIC.Segundo a Polícia Militar, que atendeu a ocorrência, o suspeito da agressão é o cunhado da vítima e se chama Raimundo Nonato Souza Faustino, 32. Ele teria agredido Taila Cristina de Jesus, 21 anos, com uma faca depois que a irmã dela pediu o fim do relacionamento.

Os policiais – cabo Ladário e soldados Ivan e Henrique, disseram ainda que o rapaz teria consumido drogas antes de invadir a residência. No local, haviam duas crianças, uma de um ano e outra de quatro meses. A vítima caminhou até a casa do vizinho para buscar ajuda.

Raimundo Nonato, depois da agressão voltou a casa onde mora nos fundos da residência da vítima e deixou marcas de sangue pela cama. Um vizinho chamou a polícia que prendeu o homem em flagrante. Aos PMs, o suspeito disse que não sabia de nada, mas estava com manchas de sangue no rosto, pescoço e na barriga. Ele foi encarcerado na cadeia de Severínia.

A mulher que foi socorrida e permanece internada na Santa Casa da cidade onde passou por cirurgia. Segundo funcionários do local o estado de saúde é considerado grave, permanecendo na UTI.

No local, além da faca de cozinha com 20 centímetros de lâmina, foram apreendidas uma bermuda, uma camiseta, uma lata de cerveja em formato de cachimbo de crack e 10 gramas de cocaína.

RAIMUNDO-NONATO-SOUZA-FAUSTINO

TENT.HOMIC.-EM-TAILA-SANTA-FE-(3)

TENT.HOMIC.-EM-TAILA-SANTA-FE-(2)

TENT.HOMIC.-EM-TAILA-SANTA-FE-(4)

Segurança do Recinto é raptado, ameaçado de morte, amarrado e jogado à beira da SP-425

Um segurança do evento ocorrido no Recinto do Folclore saiu para comprar medicamentos, por volta das 00h50 de hoje (12), quando foi abordado, levado à rodovia SP-425, e o ameaçaram de morte.

festa-capa

Valdisnei Aparecido Alves Pereira, 25, de Rio Preto, foi encontrado pelos policiais militares Ivan e Passarela, acionados via 190, caído na rodovia Assis Chateaubriand, km 137.

O Resgate dos Bombeiros também foi acionado e o conduziram até o Pronto-Socorro da Santa Casa de Misericórdia de Olímpia.

O segurança contou que estava na festa de lançamento da ABBI, que culminou com o show da dupla João Carreiro e Capataz, quando, por volta das 00h50, saiu para comprar medicamentos quando alguns indivíduos o abordaram próximo ao Recinto e o levaram até à rodovia.

Os marginais disseram que iriam matá-lo, o amordaçaram e o amarraram com cadarço em torno de seu pescoço e, por fim, o abandonaram jogado à rodovia, tomando rumo ignorado.

A vítima ficou em estado de observação no Pronto-Socorro e não corre risco de morte.

Homem que desferiu 15 facadas na namorada é preso pela PM depois de 26 dias escondido

O autor das 15 facadas desferidas contra a sua então namorada Gisele Cristiane da Silva, 30, na madrugada do último dia 27, foi preso preventivamente no início da noite de hoje, por volta das 18h30, na avenida Constitucionalista, 471, bairro Santa Ifigênia.

o-casal

Luís Ricardo Guimarães, 28, morador na Avenida do Folclore, no Santa Ifigênia, foi preso em flagrante quando foi avistado pela viatura da Polícia Militar de Olímpia, que tinha conhecido do mandado de prisão contra ele. Leia mais…