Cooperativa de Catadores está sendo formada para atender programa de coleta seletiva

Por meio de uma parceria entre a autarquia Daemo Ambiental e Secretaria de Assistência Social, Desenvolvimento e Direitos Humanos, de Olímpia, está sendo criada uma Cooperativa de Catadores, já que a sua constituição está em fase final.

Na quarta-feira (9), foi realizada reunião no auditório do Daemo com representantes da Assistência Social acerca das ações que ainda precisam ser desenvolvidas para a conclusão do Programa de Coleta Seletiva.

reuniao-coleta-seletiva

Basicamente, as ações são: a constituição da Cooperativa, a construção da Central de Triagem, que está sendo gerenciada pela Secretaria de Obras e Engenharia; contratação de empresa de coleta, que está sob a responsabilidade da Secretaria de Planejamento e Habitação; conscientização da população por meio da educação ambiental; determinação de roteiros de coleta e operacionalização da Central de Triagem pelos cooperados.

Desde abril do ano passado, o Programa de Coleta Seletiva vem sendo desenvolvido por meio de várias reuniões com os catadores, capacitação tanto dos cooperados quanto da equipe técnica gestora do programa, contratação de empresa de consultoria especializada para formalização da cooperativa e envolvimento das escolas municipais por intermédio de concurso para a escolha do mascote, nome e paródia.

reciclagem

A realidade do Programa de Coleta Seletiva é um processo complexo e burocrático e envolve a participação de várias secretarias municipais e, principalmente, depende da adesão da população.

A Prefeitura pretende iniciar as atividades do Programa ainda no ano de 2015 e, assim, atender o  Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos.

Daemo destina pneus e madeiras do lixo para reaproveitamento

A autarquia Daemo Ambiental, de Olímpia, busca estratégias para atingir as metas do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos, se adequando à Política Nacional de Resíduos Sólidos. Por isso, até agora, mais de mil pneus foram coletados e foram encaminhados à uma empresa de reciclagem de Jundiaí (SP), por meio de convênio.

DSC07078

A autarquia mantém, desde abril de 2015, um ponto de entrega voluntária de pneus na Avenida João Rimoli Neto, 634, Jardim Menina Moça II, que atende terças e quintas-feiras, das 8h às 10h30 e das 12h30 às 16h30.

20150812074012(1)

Na última segunda-feira (10), o Daemo Ambiental, que é responsável pela gestão do Parque Ambiental do município, em parceria com uma olaria, destinou aproximadamente 50 metros cúbicos de madeira para o reaproveitamento do seu poder calorífico na confecção de tijolos.

A ação visa diminuir o volume de madeira proveniente da construção civil, evitar riscos de incêndio e destinar adequadamente o resíduo.

Iguegami e Poty realizam ação ecológica em prol do Abrigo São José e AVCC de Severínia

foi realizado na manhã desta quarta-feira (10) um evento de entrega de Coletores de PET e Lata nos Supermercados Iquegami de Olímpia e Severínia.

DSCN7288

DSCN7258

Toda a renda da venda dos recicláveis será revertida para as instituições “Abrigo de Idosos São José” de Olímpia e AVCC (Associação de Voluntário de Combate ao Câncer) de Severínia.

DSCN7287

DSCN7241

O Supermercado Iquegami e a Bebidas Poty juntaram-se no Projeto “Sustentabilidade gerando Solidariedade”.

Cooperativa Seletiva de Lixo de Olímpia já tem nome, mascote e até músicas de conscientização

Na manhã desta quarta-feira (19), na sede do CRAS da Santa Ifigênia, os integrantes da Cooperativa Seletiva de Lixo do município de Olímpia estiveram reunidos com a secretária de Assistência Social, Ana Claudia Casseb Finato Zuliani, e com a equipe da autarquia de água e esgoto, DAEMO Ambiental, para a escolha do nome, da logomarca, e das músicas que farão parte da campanha de conscientização dos olimpienses.

copperativa-(1)

O nome escolhido foi CORAN – Cooperativa Olimpiense de Reciclagem Amigos da Natureza, idealizado pela aluna Joice Cristina de Oliveira Albano, 3º A da EMEB Professora Zenaide Rugai Fonseca. O desenho do mascote que se tornará a logo da Cooperativa, o Garrafito, é da EMEB Joaquim Miguel do aluno Gabriel Eduardo Cassane de Oliveira do 5º C.

copperativa-(2)

E as músicas temas foram da EMEB Luisa Seno, a aluna Júlia Nalini Carvalho do 5º ano, fez a parodia Resíduos Sólidos adaptação da música Festa da Ivete Sangalo. Da EMEB Reinaldo Zanin, a adaptação foi da música Remexe das Chiquititas, de autoria da professora Grasiela e dos alunos do 4º ano B. E a da EMEB Joaquim Miguel dos Santos, são dos alunos dos 5º B: Gabriel Monteiro Marques, Isabela Carmo dos Santos, Naiara Catelari, também adaptação da música Festa da Ivete Sangalo.

copperativa-(3)

“Dez escolas participaram da seleção e escolhemos as três melhores músicas que irão ser vinculadas com a Cooperativa”, disse a Ana Lúcia Volfe da Divisão de Meio Ambiente do DAEMO: “Sabemos que através das crianças conseguimos conscientizar os pais, por isso trabalhamos com elas hoje para o amanhã. Elas vivenciam isso e vão modificando a cultura pré- moldada de pais e avós, por isso é eficaz a participação delas nestes projetos”.

luiza

reinaldo

“Com este intuito acionamos a Secretaria da Educação para que as crianças contribuam com a Cooperativa e mais ainda com o Meio Ambiente. Esta escolha das musicas e desenhos servem como incentivo e forma de prestigia-los, trazendo para este projeto a importância de aprender desde cedo a virtude de reciclar e os benefícios que trarão para nossa cidade e os integrantes da Cooperativa”, finalizou Ana Claudia.

joaquim

Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos é apresentado em audiência

A Audiência Pública sobre a primeira etapa do PMGIRS – Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos – Resíduos Sólidos Domiciliares, que ocorreu no dia 25 de setembro, às 19h, na Câmara Municipal de Olímpia, contou com a presença de representantes da sociedade civil, vereadores, secretários, além do Superintendente Antônio Jorge Motta e funcionários do DAEMO Ambiental. A Audiência Pública teve o objetivo de fomentar a discussão e aceitar sugestões de toda a população, pois o que o Plano propõe faz parte do dia-a-dia, por isso a presença dos olimpienses é indispensável.

Nessa primeira etapa, o professor-doutor José da Costa Neto, Coordenador do corpo técnico da UFSCAR (Universidade Federal de São Carlos), que está elaborando o PMGIRS, apresentou o diagnóstico e o prognóstico sobre os Resíduos Sólidos Domiciliares, que são os resíduos que produzimos em nossas casas. Foram apresentados dados quantitativos da caracterização realizada na Estância Turística de Olímpia, como pode ser observado no quadro a seguir:

DSC_3872

A partir desses dados foi gerado o seguinte gráfico (clique para ampliar):

1-(6)

A partir desse estudo, concluiu-se que Olímpia tem um grande potencial para a compostagem e reciclagem, devido a grande geração de matéria orgânica e materiais recicláveis.

3-(7)

Assim, foram definidos alguns prognósticos quanto ao acondicionamento, coleta, tratamento e destinação final dos resíduos domiciliares. A equipe técnica da UFSCAR sugeriu que o acondicionamento dos resíduos domiciliares fosse feito de forma diferenciada, utilizando sacos azuis para recicláveis, verdes para os resíduos orgânicos e preto para os rejeitos. A coleta para esses resíduos também será diferenciada utilizando o que os técnicos chamam de “ilhas”, com contêineres diferenciados para cada tipo de resíduos, como na imagem abaixo:

2-(8)

O tratamento desses resíduos será realizado no Parque Ambiental, através da compostagem para resíduos orgânicos, e a triagem e comercialização de resíduos recicláveis será realizada pela Cooperativa de Trabalho, que está sendo formada no município.

Assim, todo o planejamento, desde o acondicionamento, coleta e tratamento, possibilitará que de um total de 100% de todo o resíduo gerado nas casas, apenas 16%, que são os rejeitos, irão para o Aterro Sanitário.

4-(2)

O PMGIRS ainda não está finalizado e em breve será convocada mais uma Audiência Pública.

Dica do Blog: quer fechar saquinhos plásticos com segurança e reciclando garrafas pet?

Ideia para reciclar reutilizar tampas de garrafas pet. Primeiro, corte logo abaixo do gargalo usando tesoura, estilete ou outro cortador… Consta do Blog do Zé Marcos, de Araçatuba, enviada por Hellena Mara.

175841242

Passe o saco plástico por dentro do gargalo cortado. Quer saber como ficou? Clique ao lado. Leia e veja mais…

Líder do prefeito quer programa de coleta e reciclagem de óleos e gorduras

* Com o programa o óleo usado (e muitas vezes jogado nas pias) servirá para reaproveitamento e não mais para poluir rios e mananciais da cidade.

oleonapia A Câmara de Olímpia deliberou agora há pouco, na noite desta segunda (5), projeto de lei de autoria do líder do vereador Luiz Salata (PP), projeto de lei que “Cria o Programa Municipal de Descarte, Coleta, Armazenamento e Reciclagem de Óleos e Gorduras” no município. Na próxima segunda (12), provavelmente será colocado em primeira discussão e, pelo seu conteúdo de proteção ambientalista e reciclagem, deverá ser aprovado.

É bem verdade que algumas empresas já reciclam e estimulam a devolução de óleos usados, trocando-os por bônus e até mesmo por óleo limpo. E também é verdade que o ex-vereador Marco Antonio Parolim de Carvalho já tentou, em passado recente, mais especificamente em 2007, um programa tratando de partes relacionadas a este atual projeto, mas foi arquivado pela Câmara.

Leia mais…

No Congresso de Serra Negra, Geninho convence Graziano: R$ 200 mil para reciclagem

* Recentemente, o secretário estadual do Meio Ambiente havia dado R$ 150 mil para reciclar galhos. Agora, mais R$ 200 mil para resíduos da construção civil.

54º Congresso Estadual de Municípios, na cidade de Serra Negra, o prefeito Geninho Zuliani (DEM) provou que é possível, em meio a um evento onde muitos vão até por questões turísticas, obter bons resultados.

Leia mais…