Fim da era das ‘rádios políticas’ em Olímpia. Daud inaugura “Espaço Livre AM”

“Estamos concretizando um novo conceito de rádio AM em Olímpia, mais informativa, com um jornalismo eficiente, dinâmico e isento, prestadora de serviços, divulgando projetos culturais, esportivos, educativos e musicais. Acima de tudo, incentivando o exercício da cidadania, levando conhecimento, informação e diversão às pessoas. E, importantíssimo: proporcionando, como o próprio nome da emissora diz, um espaço livre para as pessoas que querem e precisam ser ouvidas. Uma rádio democrática, aberta a todas as religiões e crenças, sem distinção de raça, cor ou partidos”.

capa-radio

Com essas garantias, o empresário Miguel Ângelo Daud abriu a cerimônia de inauguração da ex-Menina AM, hoje Espaço Livre AM 720 KhZ, no salão Olimpus Eventos, às 18h30, desta quinta-feira (28), com a presença de diversos secretários municipais, empresários, lideranças, convidados e da nova equipe que, desde à manhã de hoje, oferece nova programação ao ouvinte da cidade e região. O vice-prefeito Gustavo Pimenta (PSDB) representou o prefeito Geninho Zuliani (DEM), que encontra-se na capital paulista.

Em seu discurso de apresentação, Miguel Daud abriu “a Rádio Espaço Livre nasce alicerçada sobre os sólidos pilares que dois grandes empreendedores e apaixonados por radiodifusão construíram em longa jornada, e hoje aqui presentes: Silvio Roberto Bibi Mathias e Jorge de Souza, este atuante no segmento, a nossa gratidão a ambos”.

DSC_1480

Miguel não deixou de agradecer aos antecessores: “Gratos também a duas pessoas que nos proporcionaram a oportunidade de dirigirmos uma emissora de rádio, hoje Espaço Livre AM: doutores Luiz Fernando Carneiro e José Augusto Zambon Delamanha, e aos amigos conselheiros Joseph Rossi e João Luís Stelari”. O ex-prefeito e o ex-vice não estavam presentes.

DSC_1457

Outros amigos, alguns presentes, também receberam a homenagem de Daud: “Ao amigo e sócio Marcos Eugênio Balbo, sempre presente; ao amigo e primo Paulo Bonini, acompanhado pela esposa Sara, que me fortalece com o seu carinho e admiração; aos amigos de longa data Vera Bernardes e Sérgio Ney, que transmitem alento, alegria e animação; à minha sobrinha Andréia Daud Colombo, colaboradora nos esclarecimentos das minhas dúvidas e incertezas, muito obrigado, e à outra sobrinha, Ana Paula Lopes, que nos proporcionou os enfeites com flores nessa apresentação, muito magnífica; e, finalmente, a minha irmão Marilisa, que não podendo estar aqui, me enviou algumas palavras doces, de irmã mais velha”.

DSC_1565

O empresário não esqueceu a sua nova equipe de trabalho: “Meu respeito e admiração à equipe que compõe, hoje, a Espaço Livre; aos mais antigos, como João Zanolla, Jesus Hortêncio, Orlando Costa, João Prates, Márcio Matheus, Ronaldo Moretti e à dona Aparecida Marchioni, alegre e carinhosa. E aos que mais recentemente nela se incorporaram, como Rodrigo Cardona, Hilda Toledo, Valter Carucce, Aline Salomão, Clayton Souza (Nego 10), Rafael Silva, Carlos Giaconello (Carlão), os professores Ivo de Sousa e João Ricardo, e o nosso técnico especializado em radiodifusão José Irênio”.

DSC_1441

Miguel lembrou-se, também, de agradecer à antiga colaboradora da então Menina AM, Lina Arantes: “Somos gratos e muito à você, Lina, que tanto se dedicou e colaborou por um longo tempo”.

DSC_1545

Finalmente, o empresário agradeceu à Lettera Comunicação, responsável pela nova imagem da emissora, treinamento de funcionários, pesquisas, enfim, “uma empresa extremamente eficiente, que desde o início deste ano nos auxilia no sentido de estruturar e modernizar nossa rádio, impulsionando a Espaço Livre”.

Finalmente, cada novo integrante fez a sua apresentação, e do programa que irá apresentar, com o respectivo horário.

DSC_1460

A nova emissora localiza-se em prédio próprio de Daud, à rua Washington Luís, 576, ao lado da UPA (Unidade de Pronto Atendimento 24 Horas).

GALERIA DE FOTOS

Clique na imagem abaixo e confira a cobertura fotográfica do Diário:

flickr-radio

Siga o Diário de Olímpia no Twitter, Facebook e Flickr

Ex-Menina AM, hoje é Espaço Livre AM. Miguel Daud é o novo ‘homem do rádio’ de Olímpia

Pense numa mudança radical. Desligar uma emissora de rádio e ligar outra. É isso o que já ocorre desde á às 5h desta quinta-feira (28), em Olímpia. O programa Espaço Sertanejo inaugura oficialmente a rádio Espaço Livre AM (ex-Menina AM), com novos programas, quadros, formatos e estrutura artística. Tudo é novo, mas o mais importante é o que os ouvintes logo vão perceber: a presença constante da rádio na vida da cidade, com cobertura e divulgação dos fatos o tempo todo.

sede-nova

A mudança de nome tem outro sentido: as AMs vão deixar de existir, no País, em breve. Só FM. E Menina já tem FM na cidade. E a nova denominação traz, também, a carga do novo sentimento do rádio olimpiense, apagando qualquer passado relacionado à política, por exemplo.

equipe-de-jornalismo-radio

“A proposta é ser uma emissora focada na prestação de serviço”, explica o empresário Miguel Ângelo Daud, proprietário de uma organização de luto na cidade e detentor da concessão dos cemitérios da cidade e distritos e. agora concessionário da emissora e responsável pela nova fase. Ele viu na rádio a oportunidade de se aproximar ainda mais dos moradores da cidade, oferecendo serviços, cultura e lazer.

A programação da rádio será baseada na boa música e informação de qualidade. Isso será feito por meio de um jornalismo imparcial e muito atuante. E também nas ações de utilidade pública.

Um exemplo: durante um programa de sertanejo universitário serão divulgadas informações relacionadas a esse universo, como festas, rodeios e prestação de serviço.  Dessa forma, a rádio Espaço Livre AM cumpre o papel de ser um instrumento de utilidade pública, sem esquecer o entretenimento.

A nova emissora será apresentada para convidados num coquetel nesta quinta-feira. Os profissionais da rádio Espaço Livre estarão presentes para contar ao público como será a atuação na programação da emissora.

O trabalho de consultoria para reposicionamento da emissora é feito pela Lettera Comunicação, de Bauru (SP), desde março deste ano. Antes de apresentar a proposta de mudança, foram realizadas duas pesquisas. Uma delas foi de audiência e mostrou um panorama do segmento rádio em Olímpia. A outra foi de clima organizacional, com informações sobre o público interno, suas expectativas e sugestões de melhoria.

Miguel-DaudAs duas pesquisas confirmaram uma convicção: para ter sucesso, uma emissora de rádio AM precisa estar presente diariamente na vida da comunidade. Dessa forma, consegue fazer a diferença.

O proprietário da rádio acreditou nessa proposta e deu liberdade para o desenvolvimento do conceito, o que possibilitou a transformação da rádio Espaço Livre AM num “case” de sucesso no mercado.

“É um desafio”, admite Miguel Daud. E também uma oportunidade.

Experiente nos negócios, ele encara de frente a possibilidade de atuar no mercado radiofônico. Hoje está perto de ser considerado um “homem de rádio”. “Estou me aproximando disso”, brinca.

Novidades

O jornalismo está presente em toda a programação da emissora. São duas edições diárias do Informa Olímpia, às 7h e às 12h; e boletins de hora em hora. Entre os novos programas, um dos destaques é o Tudo de Bom, apresentado por Rafael Silva e Aline Salomão todas as tardes. Trata-se de uma proposta divertida e jovem, com músicas, interação e quadros especiais como correio elegante, papo pet e entrevistas sobre comportamento. Outro programa, o Sertanejão 720, tem apresentação de João Zanolla e é direcionado ao público jovem que gosta do universo country.

Outra novidade é o Sábado Premiado, em que há interação entre os anunciantes e o público por meio de blitz e sorteio de prêmios. Nos domingos, o Sabor de Samba, apresentado por Nego 10, é aberto aos pedidos musicais dos ouvintes.

A tradicional programação religiosa, com a Hora da Ave Maria, o 120 Minutos com Padre Ivanaldo, a Mensagem de Esperança da Igreja Adventista, a participação do pastor Benedito Campassi e a transmissão de duas missas aos domingos (às 7h e às 19h) também tem espaço na emissora.

“Queremos construir uma empresa atuante e sólida”, completa Miguel.

ADEUS, AMs

A velha e boa rádio AM vai ganhar novo fôlego no Brasil, com a migração das emissoras para a faixa FM. Como nenhum aparelho eletrônico moderno, incluindo os celulares, recebem o sinal AM, as rádios que operam nessa faixa estavam perdendo público velozmente, principalmente entre os mais jovens.

O presidente da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), Daniel Slaviero, explicou que, com a futura liberação do espectro de 700 mega-hertz (MHz), onde hoje operam as televisões analógicas, parte desse espaço será ocupado pelas rádios AM, como é o caso da, até hoje, Menina AM. E, como em Olímpia, já existe uma FM com este mesmo nome, é natural a mudança nesse momento de renovação.

“Hoje a faixa de frequência do FM atual vai de 88 MHz a 108 MHz. Os canais 5 e 6 vão de 76 MHz a 88 MHz. É o que agente chama de faixa contígua ao FM. O decreto conterá que nos municípios onde tem outorga e todas as AM cabem no espectro atual de FM elas migram automaticamente e devolvem sua frequência AM para o governo. E nas emissoras que vão para os canais 5 e 6, elas começam a operar e terão um prazo de transmissão simultâneo até cinco anos”, explicou.

Siga o Diário de Olímpia no Twitter, Facebook e Flickr

Uaslei Barboza traz uma ‘mega chance’ de se divertir e ganhar na Menina FM

O radialista Uaslei Fabrício Barboza comanda, a partir deste sábado (3), às 14, um novo quadro na rádio Menina FM de Olímpia: Mega Chance.

Segundo ele, será um programa irreverente, dinâmico, informativo, musical, com muita participações ao vivo e, claro, como o próprio nome sugere, sorteios de muitos prêmios, inclusive dinheiro.

A sintonia todos já conhecem: 93,3 MhZ, às 14h. Sintonize e saiba como ganhar.

Aliás, o casal Uaslei e Vanessa são os comandantes do Vivatto Restaurant e Império do Chopp no Thermas Olímpia Resort. Ambos abertos ao público em geral, não somente aos hóspedes. Vale a pena conferir.

Prefeito Geninho retorna à Menina AM, após 3 anos e 9 meses de ferrenha oposição

O prefeito Geninho Zuliani (DEM) não nega a pretensão de seguir carreira política, talvez como próximo passo para deputado estadual, mas garantiu hoje, em entrevista inédita à Rádio Menina AM, que cumpre o governo de quatro anos para o qual foi reeleito no último domingo com larga diferença ao lado de dois concorrentes. A entrevista teve início às 11h56 e terminou às 12h31, ‘ao vivo’, sabatinado pelos radialistas Orlando Costa, João Prates e Márcio Matheus, que, nos últimos quatro anos, fizeram ferrenha oposição.

DSC_6317

“É um prazer voltar à esta emissora, estou muito feliz, é uma grande oportunidade de falar da nossa vitória e quero agradecer muito ao povo de Olímpia que reconheceu o nosso trabalho”, disse o prefeito reeleito, ao iniciar a sua fala nos estúdios da Menina AM.

A ENTREVISTA NA ÍNTEGRA

Como recebeu essa vitória esmagadora em Olímpia?

Geninho: “Durante os últimos 30 dias nossas pesquisas já mostravam essa vitória, no dia da eleição a gente fica um pouco tenso, mas recebi a notícia como uma motivação a mais pra trabalhar mais por Olímpia. Foi uma confirmação do que o povo de Olímpia esperava do nosso governo, sem perseguições com secretariados técnicos. Tivemos que ter coragem pra trazer pessoas competentes de fora e bancar as críticas da imprensa, governar também é saber administrar as críticas, saber enfrentar a opinião pública quando estamos com a razão, e depois de passar por tudo isso no 1º ano, as obras foram aparecendo, a melhoria na qualidade de vida foi aparecendo. E depois de mais de 240 obras iniciados sendo 217 entregues a população, o olimpiense mais velho nunca tinha visto tanta coisa boa acontecer em tão pouco tempo, nós que sofremos tanto na eleição passada, ganhamos a eleição por apertados seiscentos votos, depois ficamos mais quarenta dias eleito, sem saber se tomaríamos posse ou não, depois que tomamos posso os adversários diziam que não pagaríamos os fornecedores em dia, que não pagaríamos os funcionários em dia, que não fecharíamos o ano, que não iríamos investir em educação, não melhoraríamos a saúde, então fomos vencendo estas etapas e barreiras e fomos conquistando ao longo desses quase quatro anos as pessoas que não votaram na gente na última eleição, mas que começaram a acreditar, viram que Olímpia precisava de um modelo de gestão diferente, enxergaram na gente a mudança e mim a pessoa certa para liderar essa cidade, e não foi uma campanha de 90 dias, foi uma campanha de quatro anos, foram treze, quatorze horas de trabalho diário, viagens à Brasília e São Paulo, pra buscar recurso, conseguimos dialogar com a Câmara Municipal e todos que quiseram dialogar com a gente, sempre os espaços foram abertos, então na hora eu recebi o resultado com muita felicidade e depois com muita tranquilidade, porquê pra mim eleição se ganha na primeira vez com discurso, pregando a mudança o quê precisava ser feito, a cidade vinha de um governo que estava muito mal, e o povo queria essa mudança, chegou 4 anos depois tínhamos duas opções, mudar ou continuar, e a população decidiu continuar, o voto é uma procuração que a população me deu pra trabalhar mais quatro anos e eu quero honrar cada voto que eu recebi, foram mais de vinte mil votos, fui o prefeito mais bem votado da região administrativa de Barretos, fui o segundo da macro região, independente disso marcamos a história e eu não quero decepcionar nem o povo nem a mim, fazendo um segundo mandato com muito trabalho e ação, prestigiando esse povo de Olímpia que está com a alto estima levantada.

Os outros dois candidatos e você fizeram uma campanha muito tranquila, mais limpa, onde o povo teve mais tranquilidade para escolher, você concorda que foi assim?

Eu concordo e quero agradecer aqui os meus adversários, em especial ao João Magalhães que, acima de tudo, é meu amigo, foi vereador junto comigo. Acho que o João teve coragem de colocar o seu nome, representar a oposição nesse processo, e o João com seis mandatos de vereador deixou uma eleição ganha pra encarar esse processo e ser o representante daqueles que queriam outra via política. E ele fez uma campanha muito limpa, até quero agradece-lo publicamente, quanto a Helena eu não tive muito contato com ela durante a campanha, ouvi críticas muitos contundentes em seus discursos nos comícios, mas acredito que agora ela vai refletir um pouco a maneira de fazer campanha pra poder ir ao encontro do que o eleitor pensa.

O senhor fez 7 vereadores da Câmara, isso também é uma grande vitória no legislativo?

Isso, na campanha passada fizemos 3, o Primo Gerolim, o Lelé e o Beto Puttini, agora foram 7, mas temos diálogo com os dez eleitos, hoje mesmo consegui falar com o Ferezin e o Hilário para dar os parabéns, não consegui falar com o Marcelo da Branca ainda, mas vou falar, e acho que fizemos uma Câmara muito boa, acho que os sete vereadores que representam nossa base de sustentação na Câmara são pessoas que tiveram uma votação expressiva, o Beto Puttini que já está indo para o seu quarto mandato, foi um ótimo secretário de Turismo, Cultura, Esportes e Lazer, ; o Bertoco que representa um segmento importante, o Guto Zanette é um jovem que tem se despontado bastante, o Marcão Coca retornando à Câmara, o Becerra que já foi presidente da Câmara agora volta a ser vereador, foi uma felicidade termos um representante das igrejas evangélicas, que hoje representam 36% da população de Olímpia, que é o Pastor Leonardo, e o nosso líder Salada que é suplente atualmente e volta agora com um mandato legítimo, resgatando a dignidade que merece.

Você pretende interferir no que diz respeito a Eleição da mesa?

Ontem eu falei com todos eles e disse que vou deixa-los à vontade, eu saio de viagem amanhã pra descansar três dias e quando eu voltar a gente vai se falar mais sobre isso. Dos dez vereadores eleitos, quatro já foram presidentes, então eu acho que todos tem que ter oportunidade, ser ordenador de despesas, a gente sabe de alguns que tem vontade outros que abrem mão, mas acho que ainda está muito cedo pra ver isso. Acho que temos um quadro favorável pra fazermos nosso presidente, as falar em nome ainda é muito cedo.

Quanto a trazer vereadores para o secretariado o S. tem vontade de trazer algum deles para a prefeitura?

O beto vai voltar a secretaria ainda esse ano pra deixar tudo redondo, pra 2013 a gente ainda não sabe. Ao contrário da política do passado eu tenho comigo que o político que vem se destacando tem que ter oportunidade pra mostrar do que ele é capaz, a exemplo do Beto Puttini, do Guto do Bertoco entre outros, demostrando que a gente sempre dá oportunidade pra que cada um deles possa mostrar o seu trabalho. Então aqueles que tiverem perfil e interesse de trabalhar conosco em nosso governo vamos pensar nisso com muito carinho, pois é minha vontade ter essas pessoas pra reforçar o governo e dar oportunidade pra eles crescerem, a exemplo do Beto que pode mostrar seu lado executor e que o ajudou muito nessa eleição. Apesar de o nosso governo ser técnico, vamos buscar aqueles que têm vocação e condição para ocupar algumas pastas no nosso governo.

Devido à expressiva votação, a responsabilidade aumenta em relação ao primeiro mandato?

Ter 73% não significa que você será um bom prefeito, a exemplo de Fernandópolis aonde o atual deputado estadual Carlão Pignatari lá atrás foi reeleito com mais de 80% dos votos e fez um governo ainda melhor que o primeiro, o Emanuel de Barretos foi reeleito com mais de 70% de votos e fez um mandato muito pior que o primeiro, portanto aumentou a responsabilidade sim, mas o que importa são aqueles projetos que vamos continuar, aquilo que já está empenhado, licitado, por exemplo, nós vamos começar um novo mandato construindo 197 casa em Baguaçu, 150 em Ribeiro, uma praça do PAC no Campo Belo, construindo 21 milhões no tratamento de esgoto, e 14 milhões pra buscar água, então é um governo que começa com um recurso de 40 milhões em obras com recursos de fora então temos certeza que cuidando bem e fiscalizando essas obras já temos que vamos começar bem independentemente de qualquer coisa. Olímpia ficou mais difícil de ser administrada, por que a qualidade de vida aumentou, quando você aumenta de 27 pra 52 médicos, salta de sete mil pra quinze mil consultas, a cada três consultas gera um procedimento, então dobramos também a quantidade de exames, e melhorando assim a qualidade no serviço de saúde prestado a população, quando você investe no apostilamento da educação, entrega dos uniformes, merenda de qualidade, você tem que dar sequência nisso, então hoje nossa saúde consome hoje depois da UPA ela consome 32% do nosso orçamento, a educação consome 27%, mais a folha de pagamentos, os investimentos no social, no esporte, quando você vê o orçamento está praticamente comprometido, então governar é saber priorizar, nós decidimos que a saúde iria gastar 32%, não só os 15% que manda a constituição, óbvio se você fizer uma pesquisa e perguntar qual a nota pra saúde você não encontrará um dez, porque o SUS sempre traz uma grande demanda, educação a mesma coisa, nós melhoramos dois pontos na avaliação do IDEB, mas precisamos continuar a investir, a pavimentação asfáltica os primeiros recapes feitos em 2009 daqui a pouco começa a aparecer os buracos novamente, então todo esse trabalho precisa continuar, por isso que não pode sentar na cadeira, então nós vamos fazer uma comitiva com o prefeito, vice e vereadores para irmos à Brasília, para buscar o resto de recurso que Brasília tem no final do ano, daquela verba que foi enviada a prefeitos que não deram conta de fazer a obram, então ela volta e nós vamos lá agora buscar, pra continuar essa política de recapeamento sem usar o dinheiro o IPTU de Olímpia. Pra que o pouco dinheiro que sobra do recurso próprio possa ser investido em nossa praças e avenidas, pra cidade ficar sempre bonita para a população.

 

Você fica 2 ou 4 anos?

Fico 4 anos, todos perguntam isso, e eu não tenho dúvidas que eu tenho vontade de um dia crescer na política, nosso ultimo deputado Fernando Cunha teve na sua reeleição treze a quatorze mil votos, faltou pouco pra se eleger, ele tinha uma estrutura muito grande fora da cidade, mas eu acho que com esses vinte mil votos pra prefeitos e os vários agregados de nosso micro região eu acho que dá pra Olímpia começar a sonhar novamente, mas os desafios são muitos grandes, a gente fica os próximos quatro anos, é difícil garantir, assinar papel porque a política é muito dinâmica, eu não posso deixar a prefeitura de Olímpia e correr um risco de não me eleger deputado pela nossa região, então faríamos isso se fosse uma coisa certa, se eu tivesse uma garantia que eu me elegeria deputado e que nosso governo continuasse da mesma forma, porque eu sei que o Gustavo também pensa dessa forma, dobraria nossa força, porque seria na prefeitura o mesmo grupo e um deputado pra ajudar, mas a principio fomos eleitos pra mais quatro anos, até porque se eu perder eu não volto para a prefeitura é um renúncia que tem que ser muito bem pensada, mas eu quero deixar isso mais pra frente porque ainda temos muitas coisas pra fazer pela cidade.

Uma questão dos professores. Vai ter alteração no comando da secretaria da educação?

Ainda é muito cedo pra responder isso, estamos em um momento de fechamento de contas da prefeitura, e nesse momento minhas conversas com os secretários são para que fechem aos máximo as torneiras, o que não for imprescindível adiar para janeiro, pra não corrermos nenhum risco na lei de irresponsabilidade fiscal. De uma forma geral Deus me iluminou muito na escolha dos meus secretários, cada um é muito importante, tem o seu perfil, sei que uma parte agrada a uns a outra não, mas o que importa pra mim são os números, e os números tem beneficiado a população, então o secretário não tem que ser simpático, até porquê ele não teve voto, ele tem que ser técnico, pegar aquele pequeno orçamento que ele tem nas mãos e fazer o máximo possível. A Eliana foi uma grande secretária da educação, uma pessoa presente, que trabalhou todos os dias , conseguiu fazer uma união muito forte de esforços, comprometida, diretora de escola há mais de 25 anos, e todos os secretários desse governo não estão nomeados para a próxima gestão, agora nós vamos avaliar o trabalho de cada um e nos próximos 15 dias começaremos a avançar nesse sentido.

Quando começam as obras de tratamento de esgoto?

Existe um atraso que não é brincadeira, se estivesse em nossas mãos já estaria licitado. Mas me prometeram que até sexta feira o edital está na praça, estamos pra iniciar as duas maior obras de saneamento da região, pra limpar o olhos d’água, pra limpar o turvo e pra limpar o rio grande e Olímpia será a grande colaboradora. E com o tratamento de esgoto poderemos avançar no que diz respeito a sermos estância turística.

E não adianta enchermos a cidade de hotéis e resorts e não termos água pra abastecimento, então com essa ETA do cachoeirinha e com a desativação de mais de sessenta poços, a economia de energia elétrica vai chegar a quase 200 mil reais por mês. Vamos acelerar, a ETA já está licitada, falta apenas o DAEE por na praça o edital da ETE, pra ficarmos daqui a 24 meses com essas duas obras prontas. A ETE é uma obra um pouco mais complicada e demorada, mas acredito que em dois anos estão prontas.

O senhor garantiu nos comícios e programas de rádio durante a campanha que não irá vender o DAEMO. É isso mesmo?

Tentaram criar um fato nas eleições, eu não tenho motivo pra vender o DAEMO, reestruturamos, fizemos nova sede, arrecada, tem 3 milhões em caixa e 35 milhões a fundo perdido do governo federal e estadual, vender o DAEMO me parece uma ideia fora de propósito para qualquer ser humano em sã consciência, mas toleramos isso na campanha, sabemos que fazia parte. Claro que não vamos vender nem privatizar, e pra garantir isso a longo prazo, fizemos um decreto a Câmara que para isso acontecer será preciso dois terços dos votos e não maioria simples como estava. E se puder vamos criar ainda mais dispositivos pra nenhum futuro prefeito vender.

A gente vê Araçatuba com uma ótima arrecadação vendendo, vemos outras cidade com má gestão fazendo isso também, tem gente que fala “ há, mas o Walter Trindade é chato, cortou a água, onde já se viu isso? Ele é muito rígido, só que está ai, nosso patrimônio, quanto vai valer o DAEMO depois que fizermos os 35 milhões de saneamento básico? De prédio próprio que a oposição me criticou de prédio luxuoso, tem cem funcionários do DAEMO que ficaram chateados com isso, não tem nada de luxo lá, a não ser um computar uma mesa e uma cadeira, é uma irresponsabilidade fazer isso. Mas faz parte do processo eleitoral.

As famílias que estão cadastradas do CAD único e recebem bolsa família tem descontos de até 60% na conta de água, então estamos trabalhando com uma tarifa 30% mais barata que a SABESP, com uma boa qualidade de água, bom abastecimento mesmo com essa grande estiagem que tivemos, então fica aqui bem claro que o DAEMO Ambiental é uma grande empresa e orgulho de todos nós.

Quanto a nova prefeitura, existe mesmo um projeto para a construção de uma nova prefeitura?

Existe sim, o prédio atual está sem condição, então retomamos o prédio na praça Rui Barbosa que estava com o DAEMO e à partir da semana que vem vamos mudar, o Prefeito, secretaria de planejamento, Jurídico, protocolo geral, nós vamos transferir o CNPJ da prefeitura da nove de Julho para a Praça Rui Barbosa. Lá atrás do Bazar das Noivas a prefeitura alugou por R$ 5 mil mês, quase 18 mil metros quadrados, lá está toda a Secretaria de Obras, a palavra pátio não existe mais, o secretário de obras está olhando para todo mundo, a engenharia que estava nos fundos da prefeitura foi toda mudada pra lá, e também está lá a garagem municipal e os serviços saem todos de lá. Levamos os serviços de administração pra lá também, construímos refeitórios, banheiros. Também desativamos um barracão que a prefeitura mantinha alugado pra central de compras e também uma casa que ficava em frente só pra fazer licitação e levamos pra lá também, e devolvemos assim seis prédios alugados com essa locação.

A nossa intenção agora é comprar essa área, estamos fazendo um levantamento pra ver se utilizamos aquele dinheiro levantado no jardim centenário para efetuarmos a compra.

No Jardim Centenário nossa intenção é fazermos um prédio da prefeitura para centralizarmos toda administração, fora a garagem municipal, para que todos os atendimentos fiquem no mesmo prédio, será um poupa tempo grandão da prefeitura onde a pessoa resolve tudo naquele mesmo prédio, e a gente leva mais desenvolvimento para aquela região. E doamos por enquanto de boca uma parte de trás para a justiça fazer o novo Fórum de Olímpia, bancado com o dinheiro do Governo do Estado de São Paulo. Se realizarmos esse sonho desse prédio de quatro andares modulados da prefeitura e o Fórum junto a gente leva o desenvolvimento pra lá, desafoga o transito do centro, deixando apenas para área comercial. Existe esse sonho e vamos tentar realiza-lo nesse próximo mandato.

E na área rural, qual são seus projetos para esse próximo mandato?

Eu tenho que reconhecer que ouve uma deficiência de nossa parte nesse primeiro mandato no que diz respeito as estradas rurais, mas sempre digo que governar é priorizar, e quando colocamos investimentos como o da saúde e educação, algum setor acaba sofrendo. Isso unido a um azar, porque 2010 devido as chuvas não conseguimos trabalhar um mês sequer. Quando tínhamos 4 milhões pré-aprovados pelo BNDES pra trocar toda nossa frota pra comprar novos equipamentos, apareceu uma dívida do ex prefeito Antônio Carlos Moreira, o chamado ARO lá no Banespa de 96 , que fez com que não tivéssemos nossa cadastro aprovado, é a única pendencia que a prefeitura ainda têm, era de 600 mil reais na época e agora é de quatro milhões, mas entramos com um mandato de segurança e pode ser que ele seja liberada em breve. Esses 4 milhões nos daria uma condição muito boa de comprarmos equipamentos para arrumar e dar manutenção em nossas estradas rurais, foi um banho de água fria naquele momento. Conseguimos em 2011 recuperar 70% das estradas, mas abemos que estamos em débito com os produtores rurais e eles serão prioridade em 2013.

Band FM de Olímpia investe em programação e promoções locais para cativar o ouvinte

logo-band-fmDesde segunda-feira (19), a Band FM de Olímpia, 95,9 MHz, está com uma nova programação e um novo site na internet. A emissora está valorizando os horários locais e diversificando o seu conteúdo, fazendo com que o ouvinte tenha mais interação com programas e promoções locais.

Entre as novidades está a recontratação do radialista e estudante de jornalismo Cléber Luís, que além de apresentar os programas “Quem Ama não esquece”, tocar músicas românticas, sempre conta uma história de amor vivida pelos ouvintes. Leia mais…

Gallette, Sílvia e Guilherme Kiill expõem a realidade da Santa Casa e do Hospital do Olho: Prefeitos e turismo precisam ajudar mais

DSC08165“Se os prefeitos da microrregião ajudassem a Santa Casa, assim como o setor de turismo, como hotéis e pousadas, e o do agronegócio canavieiro, como a Associação dos Canavieiros que destinam verbas para Catanduva, o hospital não estaria na crise em que está”, afirmou no começo da tarde de hoje o provedor Marcelo Gallette.

Acompanhado da secretária Silvia Forti Storti, da Saúde, e do oftalmologista Guilherme Kiill Júnior, responsável pelo Hospital do Olho, o provedor foi ao estúdio da Rádio Menina AM, ao meio dia, rebater as constantes críticas de seus apresentadores e de alguns veículos de imprensa que, nas últimas semanas, colocaram a Santa Casa num turbilhão de acusações de mau atendimento e até omissão de socorro. Leia mais…

Salata vai à Rádio Menina para desmentir "críticas infundadas e sem consistência"

O líder do governo Luiz Salata (PP), após um jejum de cinco anos sem ser entrevistado ou ir aos estúdios da Rádio Menina AM, foi no começo da tarde desta quarta (4), pessoalmente rebater as últimas críticas feitas pelos apresentadores em relação à sua atuação legislativa e, também, às ações do governo municipal.

09

"As críticas são infundadas e sem consistência", disse o vereador no estúdio. Ele discorreu sobre os temas recentemente criticados, tais como os sinais de TVs abertas do SITv (Sistema Integrado de TV de Olímpia), da Santa Casa, Hospital do Olho, projetos legislativos e outras questões. Leia mais…

CANIL NÃO FOI FECHADO ONTEM E NEM EMPRESÁRIO SOLTA CÃES QUE AMEAÇAM ‘MOÇAS DO DISTRITO’

GAFES NA LATINHA — O canil de Olímpia, embora com muitos problemas e com projeto em andamento de um novo local totalmente eficiente e adequado às necessidades animais e humanas, não está desativado. E nem o empresário e vereador José Elias Morais (Zé das Pedras), DSC00147líder do PMDB na Câmara, está soltando cães que mantém no canil de sua empresa durante as manhãs para que ‘ameacem trabalhadores’ do Distrito Industrial.

Essas duas informações são, portanto, mentirosas, e foram veiculadas pela manhã desta quarta (30), pelos radialistas Orlando Costa e Márcio Matheus da Rádio Menina AM, fazendo com muitas pessoas procurassem a Prefeitura, a Secretaria de Saúde, e este Portal de Notícias em busca da realidade sobre cães errantes e, especialmente, sobre o destino do atual Canil Municipal. Leia mais…

Horário de concessão pública de rádio é usada para cidadão falar besteira e fazer gracinhas

willianO ‘artista plástico’ Willian Antonio Zanolli ocupou quase meia hora do programa “Cidade Aberta”, da Rádio Menina AM, que consta ser comandada pelo grupo do ex-prefeito Luiz Fernando Carneiro (PMDB), para justificar que “não quer a demissão de 149 integrantes da Frente de Trabalho” e que não impetrou nenhuma ‘ação judicial, e sim que é a vontade do promotor do Trabalho em adequar essas frentes’.

Além disso, usou o nome deste profissional indevidamente, Leonardo Concon, nas usuais gracinhas que costuma fazer com a honra alheia quando exerce, voluntariamente, como ele gosta de frisar, a colaboração no semanário Folha da Região. Leia mais…

Vizinhos da antena ‘provisória’ da Band FM reclamam de interferências e insegurança

DSC02281Conforme já foi amplamente noticiado neste Blog, a Band FM, assim como a Difusora AM, estão de prédios novos devido à uma ação judicial de despejo movida pelos proprietários do Bazar Distribuidora contra a Empresa de Radiodifusão Baggio e Martinelli. O problema está sendo com a antena precária da Band FM.

Segundo consta, a emissora AM está operando no mesmo local em que está instalada a sua antena, num terreno próximo à chamada estrada do Baixão. Entre animais e até cães pitbull, os funcionários tem ainda de driblar dificuldades e até o jornalismo está fora do ar porque, dizem, a radialista se recusa a trabalhar em tais condições. A FM está operando no prédio onde funciona a casa noturna Constantino, com antena amarrada numa das colunas, sem qualquer alvará específico para tanto, irritando moradores e causando insegurança. Leia mais…

Rádio Menina deixa ouvinte xingar o DAEMO e seu diretor Valter Trindade até com palavrões

* A Rádio Menina foi criada Decreto nº 85.888, de 8 de Abril de 1981, para fins ‘educativos e culturais’. Nem um, nem outro, são aplicados hoje.

Valter Trindade Dentro de sua linha que se quer passar por ‘polêmica e crítica’ ao atual governo municipal, a Rádio Menina AM, concessão pública para “finalidades educativas e culturais, visando aos superiores interesses do País e subordinada às obrigações instituídas”, contraria o dispositivo legal desta concessão ao abrir espaço para ouvintes, que sequer suas identidades são conferidas, que ofendem as instituições e as pessoas que nelas trabalham.

Leia mais…

União começa a executar Rádio Menina: quase R$ 193 mil. Seriam dívidas eleitorais?

* Como se sabe, a emissora foi campeã em desobediência à legislação eleitoral na defesa do grupo do ex-prefeito Carneiro e levou quatro multas.

A Fazenda Pública Federal está executando a Rádio Menina AM de Olímpia para cobrir um débito de R$ 192.306,68 através de duas ações, uma através do advogado Alessandro de Franceschi, no valor de R$ 139.324,73, e outra através da advogada  Graciela Manzoli Bassetto, no valor de R$ 52.981,95, ambos representantes legais da União.

Leia mais…

Geninho anuncia em FM de Rio Preto que DAESP virá dia 17 para escolha de área para aeroporto

Geninho Zuliani * Na FM Independência, Geninho disse que futuro aeroporto terá a parceria da Guarani, Thermas e outras empresas.

O prefeito Geninho Zuliani (DEM), de Olimpia, falou ao vivo, na tarde deste domingo (7), na FM Independência, de São José do Rio Preto, como presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Turvo/Grande, acompanhado de seu secretário executivo adjunto Hélio Sérgio Suleiman.

O tema tratado girou em torno do trabalho que vem sendo feito, pioneiramente, pela Bacia, no sentido de diminuir a poluição nos rios da região e outras questões ambientais.

Ouça, na Rádio Blog, a parte final da entrevista com o prefeito Geninho Zuliani, momento em que anuncia que, no próximo dia 17 a DAESP (Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo) virá vistoriar três áreas pré-definidas para a construção do futuro aeroporto de Olímpia, para vôos turísticos fretados, onde uma delas, a escolhida, deverá ser desapropriada em breve.

Juíza condena Niquinha a pagar R$ 10 mil por xingar Geninho, várias vezes, na Rádio Menina

niquentovereador O ex-vereador (ex-vice-presidente da Câmara Municipal) Antonio Delomodarme, atual dirigente postiço da Associação dos Funcionários Públicos Municipais de Olímpia (há uma pendenga judicial, para variar, neste caso também), vulgo Niquinha, foi condenado a pagar R$ 10 mil de danos morais ao prefeito Eugênio José Zuliani, Geninho (DEM), por acusações feitas na rádio de seu grupo político, onde trabalha o seu genro, a Rádio Menina AM, por diversas ocasiões, época em que Geninho era vereador e o ex-vereador, réu em questão, posava de paladino da Justiça.

A sentença foi registrada anteontem, quinta (25), datada do dia anterior, exarada pela juíza da 1ª Vara, Andréa Galhardo Palma. Várias testemunhas foram ouvidas, inclusive o ex-prefeito Luiz Fernando Carneiro (PMDB), onde este disse que os xingamentos de Niquinha ‘não tiveram o dom de ofender”.

No site do Tribunal de Justiça, aliás, tem outras ações de Delomodarme, inclusive de execuções fiscais.

Quer ler mais? Clique abaixo.

Clique para saber de todo o caso e ler a íntegra da sentença…

Rádio Comunitária da Associação de Willian Zanolli já pode operar por 10 anos

* Há mais de um mês, está autorizada. E o Blog descobriu.

radio_comunitaria A RADCOM – Associação Comunitária Cultural e Educadora de Olímpia, após uma espera de cinco anos, já pode explorar o serviço de Rádio Comunitária em Olímpia, após cumprir longo rito de processo administrativo e de aprovação, tanto no Ministério das Comunicações como no Congresso Nacional, recentemente. A permissão, sem caráter de exclusividade, é por dez anos.

alienistasA informação foi descoberta pelo Blog, ocasionalmente, durante pesquisa no Diário Oficial da União (DOU), de atos referentes ao município, como é de nosso hábito, inclusive em instâncias judiciais e outras, em busca de informações sempre exclusivas.

Segundo informações, um dos postulantes (aí o Google não mostrou quem é de quem) desta rádio comunitária seria um integrante de um semanário da cidade. E a pergunta, natural, que todos fazem: quem é a Associação Comunitária e Educadora de Olímpia e quais os propósitos desta rádio comunitária? A quem servirá? Mais uma emissora de rádio na cidade? Será independente? Clique abaixo e saiba de todo o processo descoberto pelo Blog agora há pouco.

EDITADO: Agora, nos comentários, o artista plástico e repórter da Folha da Região, Willian Antonio Zanolli (foto), revela que ele é o presidente da Associação. Enfim, agora sabemos. O Blog, mais uma vez, fez um gol.

Leia mais…

Julião Pitbull demitido da Rádio Menina AM. Radialista não descarta ‘perseguição’

O jornalista e radialista Julio Cesar Faria, conhecido como ‘Julião Pitbull’ foi demitido da Rádio Menina AM, emissora que, nos bastidores políticos, é tida como de propriedade de um grupo afinado com o ex-prefeito dos últimos oito anos Luiz Fernando Carneiro (PMDB).

Segundo informações preliminares, já havia rumores nos bastidores da emissora e na cidade sobre a sua demissão.  Continue lendo…