Prefeitura vende quase todos os lotes do Aroeiras: só restaram dois para nova licitação

A Prefeitura de Olímpia vendeu lotes do Residencial Quinta das Aroeiras a partir de R$ 25.483,00 nesta segunda-feira (10), através da Concorrência 03/2013. Dos 21 lotes, todos da Quadra “Q”, de propriedade da Prefeitura, apenas dois não foram vendidos, e 14 deles foram à vista. Agora, os demais serão objeto de nova licitação a ser marcada.

ImageGen

Foram 19 lotes com lances mínimos de R$ 25.486,00 e dois com metragem maior, sendo um R$ 48.993,00, do Lote 1 da Quadra ‘Q’, e R$ 38.103,00, lote 21 da Quadra ‘Q’.

ImageGen (2)

O loteamento possui ótima localização, pista para caminhada, academia a céu aberto e acesso fácil pelas avenidas principais da cidade.

ImageGen (1)

Agora, é esperar a nova licitação para os dois lotes restantes.

Primeiro dia de lançamento do Jardim Botânico obtém 70% de vendas

Conforme anunciado, neste final de semana – sábado (18) e domingo (19) – está ocorrendo o lançamento oficial do Residencial Jardim Botânico, no próprio local, com a presença das imobiliárias, corretores e empreendedores. Desde a abertura das vendas, às 9h, até por volta do meio dia, 70% dos 529 lotes já tinham sido vendidos. Mais um empreendimento imobiliário de sucesso que se soma ao ‘boom’ do setor dos últimos anos devido ao turismo em efervescência em Olímpia. Ainda dá tempo de comprar, o plantão continua até este domingo.

DSC_1699

São 421 lotes residenciais e 108 comerciais. O comando da coordenação de vendas é de Marcos Ziolli, que já possui histórico de sucesso em outros empreendimentos em Olímpia no setor: Quinta das Aroeiras, Villa Lobos e Alto Cote Gil. Entre os corretores a expressão era a de que “os melhores lotes estavam sendo disputados acirradamente”. De fato, os adesivos de bolinhas vermelhas atestavam que, no mapa de vendas, eles já tinham dono.

DSC_1704

É o maior loteamento residencial, localizado em área nobre, defronte o Ginásio de Esportes e outro loteamento recém-vendido, o Villa Lobos, que dotará a zona sul da cidade com o primeiro Jardim Botânico de cerca de quatro alqueires, a ser executado por dois grandes nomes da Botânica brasileira: Harri Lorenzi e Ricardo Marinho, da escola Burle Marx.

DSC_1677

O proprietário da área é o olimpiense Flávio Sacchetin, da NVS, com parceria da Ennepar Engenharia, de Brasília, de Ronaldo Mendonça; Goianenge Construtora, de Goiânia (GO); e WS Negócios Imobiliários, de Marcos Ziolli, na gestão e coordenação de vendas.

DSC_1692

Todos os nomes são de extrema confiança no setor, citando, por exemplo, a Goianenge com 66 anos de existência e a Ennepar com 37, sem contar a família Sacchetin, em Olímpia, e o trabalho que vem fazendo Marcos Ziolli em diversos empreendimentos, todos de sucesso e já em fase adiantada de concretização.

DSC_1690

O conceito de unir um Residencial com toda a infra-estrutura moderna – ciclovia e pista de caminhada com iluminação indireta e fiação subterrânea; academia ao ar livre, Pórtico de Entrada, arborização do loteamento cientificamente planejada – com o conceito de Jardim Botânico, um projeto de natureza, combinando harmoniosamente as espécies, com plantas inclusive com risco de extinção para que sejam observadas, conservadas e bem cuidadas, é único em Olímpia e na região.

DSC_1685

Os empreendedores escolheram essa imensa área verde para inaugurar o Jardim Botânico, aproveitando as riquezas naturais existentes no local. Harry Lorenzi (engenheiro agrônomo), Ricardo Marinho (Engenheiro Agrônomo, paisagista e artista plástico) e Fabiano Hayasaki (Arquiteto renomado) juntaram suas experiências para este empreendimento com qualidade nunca visto na região.

DSC_1686

Área total do loteamento: 426.000,00m2, área de lotes: 218.600,83m2, áreas verde: 97.821,00m2, área de lazer: 5.385,28m2. Como já citado, serão 529 lotes, sendo 421 residenciais e 108 comerciais.

DSC_1706

Neste final de semana, o preço já estará bem acessível: R$ 44.400 com parcelas de R$ 419,39.

DSC_1696

DSC_1678

DSC_1679

DSC_1680

DSC_1681

DSC_1683

DSC_1687

DSC_1688

DSC_1689

DSC_1691

DSC_1693

DSC_1694

DSC_1697

DSC_1698

DSC_1700

DSC_1701

DSC_1702

DSC_1703

DSC_1705

DSC_1707

DSC_1709

Royal Star: mais de um terço dos 504 apartamentos vendidos

A WGR – Construtora e Incorporadora Ltda., de Goiânia (GO), comemora o sucesso de vendas do Royal Star Thermas Resort, com mais de um terço dos flats  vendidos em 70 dias. No total, serão 504 apartamentos e trata-se da continuidade do complexo que teve início com o Royal Thermas Resort, cujos 456 apartamentos estão 100% vendidos. Juntos, somam 65 mil metros quadrados de área, com os dois ‘Resorts’; 960 apartamentos, mais de 2 mil leitos criados, e um investimento de quase R$ 75 milhões.

DSC_0039

Nesta edição do Diário, mostramos a evolução da obra do Royal Star, ao lado do Royal, já em fase de acabamento.

DSC_0041

O grupo reintegra seu compromisso da entrega do complexo com mais de um ano de antecedência da data prevista em contrato, isto e, o Royal Thermas será entregue na copa do mundo 2014 e o Royal Star nas olimpíadas de 2016.

royalcapa

Segundo o diretor comercial do grupo, Gustavo Rezende, em entrevista ao Diário de Olímpia, “trata-se de produto exclusivo e por ter acesso direto ao Thermas dos laranjais, além da valorização e retorno do empreendimento acima do mercado imobiliário em todo Pais. Clientes extremamente satisfeitos são nosso lema”.

Em recente apresentação do projeto ao setor imobiliário da cidade, o empreendedor Winston Costa Rezende, com os filhos Pedro, Gustavo e o engenheiro responsável pela obra, Filipe, distribuíram um luxuoso catálogo, revelando detalhes do investimento.

Royal-Star-440

Este novo investimento da WGR Construtora e Incorporadora – que tem a parceria do Thermas dos Laranjais, Imobiliária Apoio e Invest Imóveis – tem o custo orçado, hoje, em R$ 40 milhões. O primeiro empreendimento, o Royal Thermas Resort, está orçado em R$ 35 milhões, também em valores desta terça-feira (23). Portanto, mais R$ 75 milhões sendo investidos no turismo olimpiense.

O Royal Thermas Resort, com 450 apartamentos, possui alas norte e sul, torres já erguidas e bem ao lado do Thermas dos Laranjais. O novo Resort, o Royal Star, terá mais duas alas, leste e oeste, em um terreno de 18,7 mil metros quadrados e, de construção, 33.255 metros quadrados. Serão 504 flats, sendo 448 standard com 40 metros quadrados e 56 master com 50 metros quadrados.

DSC_0050

Serão, também, 16 pavimentos, sendo dois mezaninos e mais 14 pavimentos padrão: 32 flats cada um, sendo 18 por ala. O prazo da obra é de 60 meses, ou seja, até às Olimpíadas de 2016.

O Royal Star terá oito elevados, quatro por ala, além de lojas comerciais, restaurante para mil pessoas, bistrô, salão de beleza, brinquedoteca, salas de cinema (adulto e infantil), salão de jogos, centro multi-uso para 300 pessoas e espaço para ginástica e massagem.

Já na área externa, o Star terá: praça do Luau e das Flores, arena de espetáculo, solariuns, espaço gourmet, playground, redário, jardins, duchas, três quadras (poliesportiva, tênis e areia), vestiários e estacionamento rotativo com manobrista.

DSC_0121

E quem não quiser usufruir do Thermas dos Laranjais, o Star, assim como o Royal, terão piscinas de águas quentes e frias, adulto e infantil; ofurôs com hidromassagem, bar molhado, SPA com piscina raiada e sauna.

LAZER E LUCRATIVIDADE

Segundo os empreendedores, a fórmula dos empreendimentos do grupo WGR é unir ‘lazer e lucratividade com o seu melhor investimento’. Segundo explicou o incorporador Winston, o turismo se tornou uma “excelente fonte de investimento e para garantir a rentabilidade de seus empreendimentos, a WGR Construtora pensa minuciosamente em todos os detalhes. O Royal Star será administrado por um ‘pool’ hoteleiro, onde o investidor usufrui do imóvel e o aluga durante todo o ano”.

Ele explicou que “o pool hoteleiro valoriza o imóvel e garante retorno rápido e lucrativo”.  E o Grupo GR conhece bem essa fórmula, afinal há mais de 15 anos vem se dedicando a construir imóveis de excelência, como o Thermas Paradise, em Rio Quente (GO); o Millenium Thermas Residence Service, em Caldas Novas (GO) e o Splendor Thermas Apart Service, também em Caldas Novas.

VEJA COMO ESTÃO AS OBRAS

We cannot display this gallery

Residencial Valência: apartamentos prontos para morar e homenagem ao pioneiro da laranja

O mercado imobiliário de Olímpia continua aquecido e, desta vez, surge um empreendimento pronto para morar, ou investir: o Residencial Valência. É um condomínio fechado, de 11 apartamentos, com área de lazer contendo salão de jogos, espaço gourmet e piscina.

Foto-externa---Frontal

Os apartamentos estão prontos para morar, todos de 2 dormitórios, ambiente integrado (sala de estar, sala de jantar e cozinha), área de serviços e banheiro. A área dos apartamentos são de 46m2, aproximadamente. Os valores à vista estão a partir de R$ 148.000,00, e também se aceita financiamento bancário.

Foto-externa---perspectiva

A HOMENAGEM

logo-valencia“Thermas dos Laranjais”, “Jardim dos Laranjais”… Enfim, são várias às menções à laranja, produto agrícola que é responsável por parte significativa da renda da região de Olímpia. Contudo, pouca gente sabe quem trouxe a laranja para Olímpia.

Foi em 1946, quando um agricultor, chamado Alderico de Paula Souza, decidiu plantar em seu sítio um pomar de laranja para fins comerciais, sendo que a primeira variedade de laranja plantada foi a valência.

Após 67 anos, no local onde se encontrava esse pomar, hoje está o atual bairro dos Jardim dos Laranjais. Nomear este edifício como Residencial Valência é uma homenagem a este pioneiro da laranja em Olímpia, não por acaso localizado na rua que leva o seu próprio nome.

Outras informações podem ser obtidas pelo site www.mapsinc.com.br ou pelo telefone (17) 9782-3616.

Para quem quer se manter atualizado das novidades do Residencial Valência, vale a pena visitar e curtir a página do Facebook do Residencial Valência (http://www.facebook.com/Residencial.Valencia.SP).

Os interessados em saber mais sobre o Residencial Valência também podem consultar um corretor credenciado de sua confiança.

Todos estão convidados para visitar o apartamento decorado. Os móveis em madeira foram planejados pela Italínea.

Endereço: Rua Alderico de Paula Souza, 95. Jardim dos Laranjais, Olímpia-SP. Está localizado ao lado do Jardim Centenário (antigo campo de aviação) e do bairro Vila Nova.

VEJA MAIS

We cannot display this gallery

Villaggio D’Itália entrega mais 56 apartamentos em agosto e o momento é de investir

As torres 3 e 4 do Residencial Villaggio D’Itália devem estar concluídas, e entregues as chaves aos seus 56 moradores, em agosto. O Diário foi conferir o andamento das obras nesta quarta-feira (5) e, de fato, os blocos estão em fase adiantada de construção e os apartamentos dos andares inferiores já recebem acabamentos, como gesso e janelas.

DSC_9745

A garantia da entrega em agosto é de um dos empresários que compõem a empresa, o corretor de imóveis Carlos Savian. As torres, 1, 2 e 7, já foram entregues em fevereiro passado. Além dele, compõe a Remasa Empreendimentos o empresário olimpiense Ronald Remondy Júnior e o construtor Marcos Buck (Buck Construtora, de Rio Preto).

“Quem quiser aproveitar para adquirir um imóvel, ou fazer um ótimo investimento, o momento é agora”, assinala Savian, que explica: “O valor ainda é o de construção. Depois de agosto, com as novas torres concluídas e entregues aos moradores, o valor, evidentemente, passa a ser outro, muito mais valorizado”.

DSC_9719

O morador recebe, além das chaves, um memorial descritivo relatando cada detalhe do empreendimento, tais como área de lazer, piscina aquecida, salão de festas, playground, portaria 24 horas, elevadores e demais benefícios previamente anunciados”, assinala Savian.

No local, já está demarcada a área das duas torres finais – 5 e 6. Tão logo as torres 3 e 4 sejam concluídas, os funcionários iniciam as duas torres finais, para a entrega em 2014.

Nas fotos, confira, também, a paisagem ao redor, vista da torre 7, de onde o Diário fez o registro fotográfico.

GALERIA DE FOTOS

We cannot display this gallery

ACOR é fundada no Dia do Corretor, anuncia campanha contra ilegais e convida a região

Foi oficializada nesta segunda-feira (27), Dia do Corretor de Imóveis, a ACOR – Associação dos Corretores de Imóveis de Olímpia e Região, em café da manhã oferecida pela Remasa Empreendimentos no salão de festas do Villaggio D’Itália, centro da cidade.

DSC_4124

A adesão à nova entidade – que tem como finalidades o fortalecimento da categoria e defesa contra os ‘picaretas’, ou seja, vendedores não legalizados, tendo em vista o ‘boom’ imobiliário em  franca ascensão devido ao impulso que o setor turístico vem dando para que Olímpia cresça a passos largos – foi quase total neste dia de sua oficialização. Agora, a ideia é avançar com a ACOR nas cidades da comarca, tais como Severínia, Altair, Cajobi, Embaúba e Guaraci.

DSC_4118

Na abertura, o vice-presidente Carlos Savian deu as boas vindas aos corretores e contou a história do Villaggio D’Itália, de como ele, e o empresário Ronald Remondy Jr., e posteriormente a Buck Engenharia, acreditaram no empreendimento em que, naquele momento, eles estavam, com três torres concluídas e já entregues, e outras duas em construção e que deverão ser entregues, com mais 56 apartamentos, em agosto do ano que vem.

DSC_4119

“No início, poucos davam crédito que Olímpia teria condições de abrigar mais 200 novos apartamentos, hoje a realidade é outra, as três torres, de um total de sete, já foram entregues, essas duas em obras serão entregues em agosto e já temos uns 20 apartamentos vendidos, e assim a cidade vai crescendo e, com isso, o setor imobiliário impulsionando ainda mais essa nova realidade olimpiense”, disse Savian.

DSC_4123

Ele destacou, também, que “adquirir um apartamento no Villaggio é um grande investimento, pessoas que adquiriram por um valor hoje estão vendendo por 30 a 40 por cento a mais, porque a valorização é constante, o mesmo ocorre enquanto o apartamento é construído. Quem acreditou nele, na planta, sai lucrando mais, e assim por diante”.

DSC_4122

Sobre a nova entidade, fundada no Dia do Corretor de Imóveis, Carlos Savian destacou que “ela surge para que todos ganhem, inclusive o comprador, o investidor, toda a cidade. Não é para fecharmos a porteira em volta da gente e decidirmos quanto iremos ganhar, formando cartel, mas se unindo, porque o Sol nasce para todos, é preciso mostrar, com a entidade, que todos estamos falando a mesma linguagem, o que irá nos diferenciar será a forma de atendimento, a ética, a condução do negócio perfeito, o pós-venda”.

DSC_4104

Na sequência, a mesa dos trabalhos foi formada por ele, Savian, e com o presidente Eduardo Vendramel e primeiro secretário Cássio Crepaldi. Ao dar as boas vindas a todos, e cumprimentá-los pelo Dia do Corretor, Vendramel colocou os associados a par da condução burocrática e legal da ACOR, destacou alguns dos benefícios que ela traz para a categoria e foi incisivo ao deixar claro que, doravante, ela atuará para denunciar os que não estiverem dentro da lei, porque exercer profissão regulamentada sem que esteja habilitado é crime de exercício ilegal da profissão.

CAMPANHA CONTRA OS PICARETAS

“Vamos até fazer campanha publicitária alertando aos investidores para que tenham cuidado com os falsos corretores. Profissionais precisam de registro para trabalhar”, disse Vendramel, que é advogado, e está fazendo pós-graduação em Direito Imobiliário. “Fora disso, quem promove intermediação de imóveis de terceiros sem possuir estes requisitos, comete o ilícito penal de exercer ilegalmente a profissão de Corretor de Imóveis. Tal conduta está prevista na Lei de Contravenções Penais como crime assim designado: DAS CONTRAVENÇÕES RELATIVAS À ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO – Art. 47. Exercer profissão ou atividade econômica ou anunciar que a exerce, sem preencher as condições a que por lei está subordinado o seu exercício: Pena – prisão simples, de quinze dias a três meses, ou multa”, lembrou.

Assim, a prática ilegal da profissão de Corretor de Imóveis resulta em dois desdobramentos: o primeiro, representado pela autuação administrativa por parte do CRECI, que a ACOR fará em nome de toda a categoria devidamente legalizada e, o segundo, pela lavratura de Termo Circunstanciado na Polícia Federal para que o infrator responda na esfera penal pela Contravenção Penal.

DSC_4116

Além das punições previstas à luz do Direito Penal, o falso corretor, por estar também cometendo um ato ilícito para o Direito Civil, responde por perdas e danos que porventura causar a qualquer cidadão em virtude da sua conduta desonrosa e proibida por lei.

“Em tempos de crescimento imobiliário, é comum aproveitadores também darem golpes, vendendo o que não existe, basta procurarem no noticiário que são milhares de casos assim no País, por isso a ACOR, inclusive para moralizar e dar um ordenamento ético e jurídico nas transações imobiliárias da cidade, surge também para dar credibilidade para quem compra, para quem investe o seu dinheiro”, disse Vendramel.

DSC_4114

É importante pedir e pesquisar sempre a carteira do Creci fornecida pelo corretor, ler muito bem o contrato, conversar com o proprietário do imóvel e só depois fechar negócio. Na sede da ACOR, provisoriamente na Galeria da Américo Brasiliense, 1030, haverá um funcionário para auxiliar o corretor credenciado e, também, para dirimir dúvidas dos proprietários de imóveis ou empreendimentos. “E já estamos nos filiando à ACIO (Associação Comercial e Industrial de Olímpia) para que, talvez, eles também nos dê algum suporte”, disse o presidente da ACOR.

DSC_4126

CONVITE REGIONAL

Vendramel convidou, também, os corretores e estagiários da comarca e região para que se filiem à nova entidade: “Ela não é só de Olímpia, e sim de todos da região. Acho fundamental que venham colegas de outras cidades e façam coro em defesa de nossa categoria. Não somos sindicato, mas vamos unificar as ações e combater o bom combate em favor dos que estão legalizados e dos que agem com ética, corretamente”, disse.

DSC_4128DSC_4131DrRicardoDSC_4130

Eleita a primeira diretoria da Associação de Corretores de Imóveis de Olímpia e Região

Foi fundada nesta terça-feira (7), com eleição da primeira diretoria executiva e conselho fiscal, a Associação de Corretores de Imóveis de Olímpia e Região (ACOR), na sede da subsecção da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), às 10h.

DSC_2045

A primeira reunião da categoria ocorreu no último dia 31, motivados por dificuldades e problemas de um segmento que, nos últimos anos, saltou de quatro imobiliarias para 11, com mais de 100 profissionais envolvidos, princinpalmente os ainda não credenciados pelo CRECI (Conselho Regional de Corretores de Imóveis). O ‘boom imobiliário’, onde grandes empreendimentos são lançados praticamente a cada semestre, e vendidos no mesmo dia, também motiva e, ao mesmo tempo, traz problemas de percurso à categoria.

DSC_2034

O secretário de Governo Paulo Marcondes, representando o prefeito Geninho Zuliani (DEM), convidado pela categoria, reafirmou a parceria e a confiança do governo municipal à nova entidade, colocando-se à disposição para, junto ao CRECI-SP, fortalecê-la ainda mais, doravante.

DSC_2033

O advogado e corretor Eduardo Vendramel, uma das lideranças que incentivou a criação da ACOR, apresentou um modelo de estatuto, adequado à realidade olimpiense, que foi aprovado por aclamação, após resolvidas algumas dúvidas. Em seguida, também foi aclamada a primeira chapa única, da diretoria executiva, da ACOR, ficando assim constituida: Eduardo José Vendramel, presidente; Carlos Eduardo Savian, vice-presidente; Cássio Antoino Crepaldi, 1º secretário; Eliana Tolfo da Silva, 2ª secretária; Maria Antonio Baggio Coppi, 2ª tesoureira.

DSC_2040

E, para o Conselho Fiscal, eleito entre corretores voluntários presentes à reunião (não poderia fazer parte da chapa porque é necessária independência para fiscalizar e aprovar contas), foram eleitos, também por aclamação, três membros efeitos e três suplentes. Efetivos: Joana D’arque Cardoso Storte, Fabrício Fernando Boniotto e Germano Antonio Sérgio. Suplentes: Andreia Divina Monteiro Marçon, Davidson Lobato Drumond e Marco Antonio Perroni.

DSC_2036

A próxima reunião será no dia 27, Dia do Corretor de Imóveis, já com a entidade devidamente legalizada, às 9h, no Residencial Villagio D’Italia, num café da manhã oferecido pela Remasa Empreendimentos.

DSC_2032

DSC_2028DSC_2035DSC_2039DSC_2044

Profissionais se reúnem para criar a Associação dos Corretores de Imóveis de Olímpia

Foi lançada nesta terça-feira (31) a semente da Associação dos Corretores de Imóveis de Olímpia e Região (ACOR) com a presença de mais da metade dos corretores credenciados ao CRECI (Conselho Regional de Corretores de Imóveis). A primeira reunião ocorreu nas dependências da Olímpia Imobiliária, às 10h.

DSC_1429

Devido ao ‘boom’ imobiliário na cidade, e também com a chegada de novas empresas e profissionais – todos legalmente inscritos no quadro do Conselho Regonal de Corretores de Imóveis – vieram, também, problemas e dificuldades, entre eles a concorrência de pessoas não habilitadas, sequer estagiárias ou em processo de regularização e, ao mesmo tempo, estes profissionais já regulamentados sentem a necessidade de organizar melhor a venda dos empreendimentos, especialmente os novos, oferecendo, assim, mais credibilidade, legalidade e garantia ao investidor.

DSC_1417

A nova Associação de Corretores de Imóveis de Olímpia não pretende agir como um fiscal do CRECI-SP que, para tanto, já tem o seu delegado regional, no caso Carlos Savian (Imobiliária Apoio), mas, segundo se pode apurar dos debates, ela estará aberta para estagiários das empresas e pessoas interessadas em se cadastrarem ao CRECI ou, ao menos, obedecer as regras estatutárias da nova entidade.

DSC_1419

“Será uma entidade que possa empreender medidas de defesa ao mercado imobiliário, não apenas agindo em benefício de nós, profissionais, mas também do cliente, que passa a comprar um imóvel com a garantia de não apenas um corretor, mas de uma entidade que dará o seu aval à negociação”, disse Eduardo Vendramel (Imobiliária Confiança), acrescentando ainda que “a criação da entidade será um marco na história dos corretores e imobiliárias de Olímpia, e agradeço a presença de corretores antigos e reconhecidos, como, por exemplo, Carlito Pagotto e Irineu Moré, o que imprime maior credibilidade à essa iniciativa”.

DSC_1428

Por isso, a Associação dos Corretores da cidade, que estará aberta também aos profissionais da comarca e região, será fundada no dia 27 de agosto – Dia do Corretor de Imóveis – durante reunião para leitura, discussão e aprovação, de seu Estatuto, em café da manhã oferecido pela Remasa Empreendimentos, no Villaggio D’Itália, às 9h. Antes, porém, na próxima terça-feira (7), no auditório da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), na Praça Rui Barbosa, ao lado do Fórum, haverá a segunda reunião para encaminhar a fundação da entidade, elegendo a sua primeira diretoria e conselho e, através do Diário de Olímpia, ficam convidados os demais interessados em participar.

DSC_1418

“Acho a ideia louvável porque vem reforçar a atuação do CRECI-SP, do qual sou delegado regional, porque, na verdade, o Conselho não tem como função fiscalizar diretamente o exercício profissional, mas, sim, fiscalizar a atuação do próprio profissional credenciado e, claro, mediante denúncia e provas o CRECI poderá intervir em situações irregulares, mas com uma Associação a força dos profissionais será redobrada e o CRECI receberá com maior atenção qualquer evento em que possa intervir, a nova entidade não tem como objetivo fechar o cerco em torno de 47 profissionais, hoje integrantes do CRECI-SP em Olímpia, muito pelo contrário, ampliar esse círculo, proteger as prerrogativas das imobiliárias e corretores pessoas físicas, lutando pela defesa e respeito profissional e, por fim, quem sai ganhando é o investidor que compra um imóvel com a máxima segurança”, disse Carlinhos Savian.

DSC_1422

DSC_1424

Olímpia Imobiliaria já nasce grande e anuncia o “Alto Cote Gil”

Surge na cidade uma nova opção para comprar, vender ou alugar: Olímpia Imobiliária, da corretora Eliana Tolfo, que saiu de outra empresa para dirigir a sua própria equipe, e já nasce com uma infra-estrutura que, segundo ela, já está realizando bons negócios imobiliários. E com site próprio para oferecer sempre a melhor opção em imóveis: www.olimpiaimobiliaria.com.br

imobcapa

A empresa conta com uma equipe de corretores credenciados (CRECI), com atendimento ímpar da secretária Lucimar, assistência jurídica do advogado Fernando Soncin na formalização dos contratos, e outros que se preocupam em fazer a melhor consultoria e negócio para compra, venda e aluguel. A sede fica na área central da cidade, com recepção, sala dos corretores, sala administrativa, jurídica e até um cafezinho para fechar um bom negócio.

DSC_9347

A Olímpia Imobiliária investe firme em publicidade, facilitando assim que o interessado localize facilmente seus imóveis, tanto em folhetos de classificados, quanto emissoras de rádio, Diário de Olímpia, e outros meios de Comunicação.

DSC_9340

Eliana, através da empresa anterior em que fez parte da sociedade, ficou conhecida, e reconhecida, na cidade e no meio imobiliário, assim decidiu formar a sua própria equipe, a sua empresa, trabalhando com ética, clareza, profissionalismo e, acima de tudo, dentro do que prega o CRECI – Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo.

DSC_9341

ALTO COTE GIL

Eliana Tolfo revela que, para agosto, está previsto o lançamento do Alto Cote Gil, um novo loteamento na cidade. “Faça o seu cadastro conosco e assim que o empreendimento for divulgado o interessado poderá escolher seu lote”.

DSC_9339

“Não temos ainda a tabela oficialm mas segundo o engenheiro do loteamento, Marcos Ziolli, começa com 250m2. O loteamento será num lugar privilegiado, alto, plano, vale a pena conferir”, acrescenta a corretora da Olímpia Imobiliária.

DSC_9340

SERVIÇO

OLÍMPIA IMOBILIÁRIA LTDA.

Eliana Tolfo – Creci 110103
(17) 9773-0381/8130-7566
(17) 3279-8897/3279-7223
Rua Joaquim Miguel dos Santos, 570 – Centro – Olímpia/SP
www.olimpiaimobiliaria.com.br

DSC_9345

DSC_9344DSC_9342

DSC_9349

Moradores do Villaggio D’Itália realizam a primeira reunião de condomínio

Os moradores do Villaggio D’Itália se reuniram na manhã deste sábado (17) para a primeira reunião de condomínio, coordenada pela Remasa Empreendimentos, no salão de festas do local.

reuniao1

Desde o dia 23 do mês passado, eles passaram a receber as chaves das três primeiras torres já concluídas, das sete programadas pelos empreendedores Marcos Buck (Buck Engenharia), empresário Ronald Remondy Júnior, e corretor Carlos Savian (Apoio Imobiliária). Dos 84 apartamentos, só restam quatro para serem vendidos, segundo revelou Savian na assembleia.

DSC_6228

Alguns apartamentos já tem famílias morando e outros ainda ajustam colocação de piso, móveis planejados, armários embutidos, e demais detalhes, devendo até maio estarem a maioria ocupados.

DSC_6211

Com a presença dos incorporadores e de seu advogado Matheus De Jorge Scarpelli, os moradores elegeram o presidente da reunião entre eles, Manoel de Jesus Valverde e, a partir daí, cumpriram a pauta da assembleia (veja no final desta matéria), elegendo o primeiro síndico e seu vice – Carlos Savian e o comerciante Luiz Antonio Fonseca (Fon), os três conselheiros e seus suplentes, a administradora do condomínio e demais dúvidas dos condôminos.

DSC_6236

Carlos Savian e Ronald Remondy deram as boas vindas aos presentes e se mostraram satisfeitos com o cumprimento, à risca, do cronograma do empreendimento, sob a responsabilidade da Buck Engenharia. Até alguns dos condôminos, que tem imóveis em outros edifícios da cidade ou fora de Olímpia, endossaram esse compromisso que foi seguido à risca, sem atrasos. “Sei que não é fácil comprar um imóvel na planta, mas vocês confiaram na credibilidade da Remasa e de seu projeto, e hoje estão com as chaves de seus apartamentos”, assinalou Carlos Savian.

DSC_6234

A Remasa anunciou que até o mês que vem, abril, funcionários de portaria, limpeza e demais despesas comuns, estarão sob a sua responsabilidade, e que a partir de maio, serão assumidas pelos condôminos. “Os incorporadores estarão presentes para resolver questões que poderão surgir e, também, para o ‘start’ à essa vida nova que vocês passam a ter aqui”, destacou Marcos Buck.

DSC_6244

Em seguida, diversas questões foram debatidas entre moradores e incorporadores, como garagem, presença de animais domésticos, e demais assuntos em comum.

DSC_6235

Por fim, cada morador recebeu uma cópia de um pré-estatuto do Condomínio Villaggio D’Itália, que será debatido, votado e registrado, numa próxima assembleia, dentro de 90 dias.

DSC_6256

O comerciante Antonio Carlos Fonseca, o Fon, acompanhado de sua esposa Ni e filha Gislaine, mostraram os seus apartamentos. Fon concluiu a instalação de armários embutidos, e um primo virá morar a partir desta semana, em seu apartamento no segundo andar.

DSC_6258

Gislaine, embora resida no Canadá, casada com o empresário e engenheiro nuclear canadense Victor da Rosa, comprou um apartamento no quarto andar.

DSC_6259

E, finalmente, foi oferecido um café da manhã aos presentes, do Buffet Dat Badan, com as empresárias Natália e Camila acompanhando o serviço.

A PAUTA DA ASSEMBLEIA

1 – Eleição de Síndico e subsíndico; 2 – eleição de membros do conselho 3 efetivos e 3 suplentes; 3 – contratação de administradora; 4 – contratação de funcionários Zelador/portaria; e, 5 – entrega de regimento interno para análise do Conselho Fiscal e Consultivo.

Presidente da assembleia:  Manuel de Jesus Valverde; Secretário da assembleia: Matheus De Jorge Scarpelli; Síndico eleito por unanimidade: Carlos Eduardo Savian; Subsíndico eleito por unanimidade: Luiz Antonio Fonseca; Membros efetivos do Conselho Fiscal: – todos por unanimidade: Valentim Correia Neto, Marcos Antonio Camargo e Ronald Remondy Junior.

Membros suplentes do conselho fiscal: – todos eleitos por unanimidade: Manoel de Jesus Valverde, Renato Pereira e Carlos Renato de Oliveira.

Ficou decidido por unanimidade a contratação da empresa: Escritório Contábil Zanetti, representada por Antonio João Zanetti para administração do condomínio.

Finalmente, também por unanimidade, ficou acertada a contratação dos funcionários do condomínio: quatro de portaria e dois de limpeza.

We cannot display this gallery

Primeiros proprietários do Villaggio D’Itália começam a receber as chaves nesta quinta

A Remasa Empreendimentos Imobiliários começa a entregar a partir desta quinta-feira (23) as chaves dos apartamentos das torres 1, 2 e 7, do condomínio Villaggio D’Itália.

102_5897

E ainda dá tempo para quem quiser fazer um bom negócio imobiliário, e com as chaves em mãos, porque restam pouquíssimas unidades à venda para que sejam completados as 84 destas torres.

102_5902

A informação é de um dos empresários que compõem a empresa, o corretor de imóveis Carlos Savian. Além dele, compõe a Remasa o empresário olimpiense Ronald Remondy Júnior e o construtor Marcos Buck (Buck Construtora, de Rio Preto).

102_5901

“Foram enviadas circulares aos proprietários para agendarem o recebimento das chaves com o apartamento pronto conforme memorial descritivo entregue quando de sua compra, e com área de lazer, piscina aquecida, salão de festas, playground, portaria 24 horas, elevadores e demais benefícios previamente anunciados”, assinala Savian.

102_5906

Nessa circular, segundo ele, foi marcada a primeira assembléia-geral entre os proprietários, no dia 17 de março, com a finalidade de constituir a primeira administração de condomínio do Villaggio.

102_5913

O Diário de Olímpia fotografou as torres já concluídas. Confira:

102_5899102_5900102_5903102_5904102_5905102_5907102_5908102_5909102_5910102_5911102_5912102_5914102_5916102_5918102_5919102_5920

Plantão no Quinta das Aroeiras para zerar os últimos lotes à venda até sábado

Está funcionando desde ontem, e vai até sábado (28), o plantão para a mega campanha de venda dos últimos lotes do Residencial Quinta das Aroeiras, à margem da SP-422, saída para Severínia, nas proximidades da Cohab 2e loteamento Menina Moça.

100_5542

Além das condições financeiras facilitadas, segundo garante a incorporadora Dream House Empreendimentos, outra novidade: quem comprou poderá indicar um amigo e, assim, este efetuando a compra de um terreno, ganhará a quitação de uma parcela para cada amigo que trouxer e, claro, comprar. E os corretores estão otimistas.

100_5536

Lançado no final de 2010, devido ao sucesso de vendas, a infra-estrutura já está com obras em fase final, liberando para construir em pouco tempo.

100_5539

Para a corretora Eliana Tolfo, da Conquista Negócios Imobiliários, “a aquisição de terreno no Quinta das Aroeiras é mais do que uma excelente oportunidade para construção, seja de casa ou comércio, dependendo do lote que escolher, é sim um grande investimento devido à valorização desse mercado, cada vez mais crescente em Olímpia”.

100_5541

Haverá plantão de vendas no local nesses dias de campanha.

No panfleto está sendo divulgado uma parcela de R$ 498, que refere a uma entrada de R$ 7.900 e mais sete anuais de R$ 750.

AROEIRASNOVO

Quinta das Aroeiras: últimos lotes à venda em mega campanha entre os dias 25 a 28

Como já havia sido antecipado no Diário de Olímpia.Com na semana passada, o loteamento aberto Quinta das Aroeiras está com a campanha “Estoque Zero” em relação aos últimos lotes remanescentes à venda. Mas, a vendas estão trancadas por ora, sendo liberadas apenas nos dias 25 a 28 deste mês.

100_5465

Lançado pela Dream House Empreendimentos Imobiliários no final de 2010, devido ao sucesso de vendas, a infra-estrutura já está com obras em fase final, liberando para construir em pouco tempo.

Para a corretora Eliana Tolfo, da Conquista Negócios Imobiliários, “a aquisição de terreno no Quinta das Aroeiras é mais do que uma excelente oportunidade para construção, seja de casa ou comércio, dependendo do lote que escolher, é sim um grande investimento devido à valorização desse mercado, cada vez mais crescente em Olímpia”.

Eliana, que trabalha em sociedade com José Zuliani, está confiante no sucesso da campanha de zerar o estoque do Quinta das Aroeiras, tendo em vista os contatos que tem feito e a procura que tem recebido em sua imobiliária nos últimos dias, tendo em vista a divulgação no Diário de Olímpia.Com e as chamadas publicitárias por toda a cidade.

O loteamento fica à margem da SP-442, saída para Severínia, nas proximidades da Cohab 2 e loteamento Menina Moça. Terá pista para caminhada, academia a céu aberto e a vantagem de não ter despesa mensal de condomínio.

Além disso, outra novidade: quem comprou poderá indicar um amigo e, assim, este efetuando a compra de um terreno, ganhará a quitação de uma parcela para cada amigo que trouxer e, claro, comprar.

Haverá plantão de vendas no local nesses dias de campanha.

No panfleto está sendo divulgado uma parcela de R$ 498, que refere a uma entrada de R$ 7.900 e mais sete anuais de R$ 750.

aroeirasv

Dream House oferece os últimos lotes do Quintas das Aroeiras, já com infra-estrutura

A Dream House Empreendimentos comunica aos investidores de Olímpia que ainda restam cerca de apenas 40 lotes, entre comerciais e residenciais, para serem vendidos do primeiro condomínio aberto, o Residencial Quinta das Aroeiras.

100_5465

Quinta das Aroeiras terá pista de corrida e praça de exercícios. No total, são 465 lotes (444 à venda, 21 dominiais) em 17 quadras. Restam pouco menos de 40 lotes para serem arrematados, informam os empreendedores ao Diário de Olímpia.Com.

Não há plantão permanente no local, mas, todos os dias, observa-se corretores credenciados no local levando pessoas interessadas, como foi o caso de Eliana Tolfo, da Imobiliária Conquista, nos últimos dias, apresentando os lotes remanescentes.

100_5466

Com o sucesso das vendas, as obras de infra-estrutura, que tinham prazo de dois anos para serem concluídas, iniciou-se meses após o lançamento do empreendimento imobiliário.

Pelas fotos tirada pelo Portal de Notícias hoje, observa-se que toda a infra-estrutura está praticamente concluída.

O LOTEAMENTO

Lançado em novembro do ano passado, no total, são 395 lotes para residências e 49 para o comércio. A área é de quase 227 mil metros quadrados, vizinha ao Conjunto Habitacional “Jardim Luiz Zucca” (Cohab2), saída para Severínia.

100_5467

Villaggio D’Italia entregará as três primeiras torres em janeiro e lança a venda de mais duas, agora com 84 meses para pagar

Quem adquiriu um dos 84 apartamentos das três primeiras torres do Residencial Villaggio D’Italia receberá as chaves juntamente com o Ano Novo de 2012, conforme o cronograma que vem sendo anunciado pela incorporadora Remasa Empreendimentos. E ainda dá tempo para começar o ano de casa nova porque restam pouquíssimas unidades à venda.

CAPA

O condomínio fechado possui 196 apartamentos de dois ou três dormitórios com suíte, através de sete torres, na rua Floriano Peixoto, 600, centro da cidade. E a boa notícia dada por um dos incorporadores, Carlos Savian, é a de que mais 56 apartamentos de dois dormitórios, das torres 3 e 4, começam a ser vendidos, esticando o parcelamento de 72 para 84 meses. Leia mais…

Recorde de vendas no mercado imobiliário de Olímpia: 280 lotes do futuro condomínio aberto Villa Lobos são vendidos no mesmo dia

topo-logo100% VENDIDO EM APENAS 1 DIA – Essa é a inscrição que os outdoors do Reserva Parque Villa Lobos terão a partir das próximas horas em Olímpia. A marca é inédita no mercado imobiliário da cidade e região: em apenas sete horas, 280 lotes de 360 metros quadrados foram vendidos, resultando em quase R$ 15 milhões se fossem todos vendidos à vista, mas os futuros compradores terão até 144 meses para pagarem.

100_4159

Desde ontem, filas de corretores e interessados já se formaram no plantão de vendas na área de nove alqueires de um dos incorporadores, o médico ginecologista João Wilton Minari. Segundo consta, 180 lotes já tinham sido reservados desde ontem pelos corretores. Leia mais…