SP-322 está classificada como regular no noroeste paulista

Por Alini Fuloni – Pesquisa da Confederação Nacional de Transportes (CNT) aponta que a Rodovia Armando de Salles Oliveira (SP-322) está avaliada como regular nos quesitos pavimento, geral e geometria, e boa, para a sinalização. A classificação regular é por apresentar buracos, trincas, afundamentos, ondulações, entre outros problemas.

A Pesquisa CNT 2014 avaliou 106 quilômetros de extensão da SP-322 e está disponível no site pesquisarodovias.cnt.org.br. Foram 30 dias de coleta, entre 19 de maio e 17 de junho, período em que a rodovia já estava em obras de implantação de terceira faixa e acostamento.

Realizada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) e pelo Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Sest Senat), a Pesquisa compreende o levantamento das condições de toda a malha federal pavimentada e, nas malhas estaduais, dos trechos mais relevantes para o transporte de cargas e de passageiros.

Desde sua primeira versão, em 1995, o levantamento vem evoluindo por meio do aperfeiçoamento da metodologia, da adoção de novos recursos técnicos e tecnológicos e da ampliação da malha rodoviária avaliada.

Atualmente, a Pesquisa abrange toda a extensão pavimentada das rodovias federais e das principais rodovias estaduais do país, alcançando, em 2014, 98.475 km Pesquisados.

Nos últimos dez anos, a extensão avaliada cresceu 20,1%. Somente em 2014, foram analisados 1.761 quilômetros a mais que em 2013, o que representa uma elevação de 1,8%).

Relatório – Foram avaliados aspectos do pavimento, da sinalização e da geometria da via, o que permite a classificação dos trechos como ótimo, bom, regular, ruim e péssimo.

Os resultados são apresentados por tipo de gestão (pública ou concedida), de rodovia (federais ou estaduais), por região e por unidade da Federação.

(Alini Fuloni, com informações CNT)

Polícia Rodoviária autuou mais de 600 motoristas no feriado prolongado

Por Alini Fuloni – De 30 de abril a 3 de maio, 614 motoristas foram autuados por infrações em rodovias da região. Segundo o comando da 1ª Cia do 3º Batalhão de Polícia Rodoviária, 1059 veículos foram fiscalizados. Das 614 autuações, 113 para motociclistas e 42 referentes a infrações por embriaguez ao volante. 

  

O período corresponde ao feriado prolongado de 1ª de maio, Dia do Trabalhador. A operação foi desenvolvida em rodovias das regiões de Araraquara, São Carlos, Jaboticabal, Bebedouro, Barretos, Itápolis e Catanduva.

Em comparação com o mesmo período do ano passado, a Polícia Rodoviária destaca a redução de 18% de autuações, que estão diretamente relacionadas com ocorrências de acidentes, ultrapassagens em local proibido e embriaguez.

A Polícia Rodoviária destaca que, além de fiscalização de trânsito, a operação Dia do Trabalho 2015 desenvolveu ações de prevenção criminal com equipes especializadas no combate ao crime – TOR (Tático Ostensivo Rodoviário).

Ainda com o aumento médio de 19% no volume de tráfego, coincidente com as previsões, inclusive das concessionárias e do DER, a Polícia Rodoviária enaltece a redução de 7% no número de acidentes de trânsito em relação ao mesmo período do ano passado.

Acidente com vítima => redução de 39%
Acidente sem vítima => redução de 31%

Entre as ações desenvolvidas pelo policiamento rodoviário, destaque para a Operação Cavalo de Aço (fiscalização de motocicletas), Alcoolemia (identificação de motoristas sob efeito de bebida alcoólica ou substância entorpecente) e Vagalume (veículos com problemas no sistema de iluminação).

SP-322 receberá obras de restauração a partir do fim do mês

O DER, Departamento de Estradas de Rodagem, dará início no próximo dia 27 as obras de restauração da pista, pavimentação dos acostamentos e implantação de faixas adicionais na Rodovia Armando Sales de Oliveira, a SP-322, entre os municípios de Olímpia e Icém.

Secretário-Estadual-Duarte-Nogueira,-o-Prefeito-Geninho-Zuliani-e-o-Secretário-de-Governo-Pitta--

De acordo com a diretora da regional do DER de Barretos, DR-14, a engenheira Heliane Rodrigues Borges, a rodovia foi dividida em dois lotes para receber as obras, “o Lote 06 corresponde entre os municípios de Olímpia e Guaraci, do Km 449 até o Km 478,40, com 29,40 km de extensão; já o Lote 07 corresponde entre as cidades de Altair a Icém, entre o Km 478,40 e o km 500,40, totalizando 22 km de extensão”. As obras estão orçadas no valor de R$ 91.016.528,62, sendo um total de R$ 54.254.000,29 destinados ao Lote 06 e R$ 36.762.528,33 ao Lote 07.

A diretora ainda informa que a empresa que será responsável por realizar as obras é a Constroeste Construtora e a Participações Ltda e “o prazo para a conclusão dos dois contratos é de doze meses”, acrescenta.

 

Obras na Assis Chateaubriand

A rodovia SP-425, a Assis Chateaubriand, que passa pelo município de Olímpia também está em obras. O trecho que pertence à cidade recebe melhorias e adequações como recapeamento da pista de rolamento, pavimentação dos acostamentos, implantação de faixas adicionais, sinalização horizontal e vertical e melhorias nos sistemas de drenagem superficial.

Em relação a estas obras, durante a missa realizada na Usina Guarani, o Prefeito Geninho Zuliani em conversa com o Secretário de Logística e Transportes de São Paulo, Duarte Nogueira, reivindicou a obra do trevo em desnível da antiga Cutrale.

Redução de 24% nos acidentes nas estradas da região durante a Semana Santa

O Comando da 1ª Cia do 3º Batalhão de Polícia Rodoviária informa o resultado da Operação Semana Santa 2015, desenvolvida nas rodovias das regiões de Araraquara, São Carlos, Jaboticabal, Bebedouro, Barretos, Itápolis e Catanduva, subordinado a esta Cia, no período de 2 a 5 de março passado.

ACIDENTES

Ainda com o aumento médio de 45% no volume de tráfego, coincidente com as previsões, inclusive das Concessionárias e do DER; verificou-se à redução de 41% no número de acidentes de trânsito em relação ao período de 2014;

Acidente com vítima, redução de 13% comparado ao ano passado; e acidente sem vítima, redução de 54%.

ACIDEN2

Dentre as ações desenvolvidas pelo policiamento rodoviário destacam-se a Operação Cavalo de Aço, voltada para fiscalização de motocicletas, Operação Alcoolemia, voltada para a identificação de motoristas que estejam dirigindo sob efeito de bebida alcoólica ou substância entorpecente, Operação Vaga-lume, Ultrapassagem, visando identificar veículos com problemas no sistema de iluminação.

Foram fiscalizados 785 veículos, sendo lavradas 453 autuações, incluindo 28 autuações em motociclistas.

O total de autuações diminuiu em 46% com relação à operação de 2014, sendo priorizada a fiscalização de infrações que estão diretamente relacionadas com a ocorrência de acidentes, como às de ultrapassagem em local proibido e embriaguez.

Foram registrados 25 autos de infração por embriaguez ao volante.

É importante destacar que além das ações de fiscalização de trânsito, o Policiamento Rodoviário desenvolveu nesse período ações de prevenção criminal valendo-se das equipes especializadas no combate ao crime – TOR (Tático Ostensivo Rodoviário).

ACIDEN3

Vai viajar no Carnaval? Procon divulga orientações, fique atento

O Procon do Estado de São Paulo divulgou em seu site algumas orientações para quem vai viajar durante o Carnaval. Segundo a entidade o planejamento é o ponto de partida, seguido da pesquisa de preços, seja qual for a opção escolhida pelo viajante. Confira abaixo as principais orientações.

KONICA MINOLTA DIGITAL CAMERA

Para quem optar pelos pacotes de viagens, a orientação é verificar o custo desse pacote e os serviços inclusos. No caso de viagens internacionais, conferir o câmbio e a documentação necessária. É importante ler atentamente o contrato e as condições de cancelamento e guardar uma via desse contrato datada e assinada, além de todos os prospectos, anúncios e folhetos publicitários.

Para quem vai alugar uma casa ou apartamento, é preciso vistoriar o local, de preferência com o proprietário ou representante, e relacionar por escrito as condições gerais do imóvel. Procurar referências na internet e informações com pessoas que já tenham ocupado o local. O Procon não aconselha o pagamento integral da locação e recomenda a exigência de confirmação de recebimento, além de guardar recibos e outros documentos que comprovem a transação.

Para quem for viajar de avião, em caso de atrasos ou cancelamentos, o consumidor deve procurar o responsável pela aviação civil dentro do aeroporto ou o balcão de embarque da companhia. De acordo com as regras da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), a partir de uma hora de atraso a empresa tem que garantir acesso à internet e telefonemas. A partir de duas horas, o passageiro pode exigir alimentação. Mais de quatro horas, a companhia tem que disponibilizar acomodação ou hospedagem e transporte.

Se a opção de transporte for o ônibus, a desistência da viagem deve ser comunicada com até três horas antes do embarque. O reembolso será em dinheiro ou crédito, conforme escolha do consumidor. Se o passageiro não comparecer nem fizer declaração de desistência, perde o direito ao reembolso, mas fica mantida a validade do bilhete para remarcação ou transferência em até um ano, contado a partir da primeira emissão. A transportadora não pode cobrar por bagagens de até 30 quilos.

Em caso de atraso de mais de uma hora, a empresa deve providenciar o embarque em outra companhia com serviços equivalentes, se o consumidor concordar.

Para atrasos de mais de três horas, a empresa deve arcar com alimentação e hospedagem dos passageiros, quando for o caso.

Usuários estão insatisfeitos com sistema Pare-Siga das obras da SP-322

Por Alini Fuloni — A cada dia aumentam a insatisfação e a preocupação de motoristas que passam pelo trecho de Olímpia a Bebedouro, da Rodovia Armando de Salles Oliveira (SP-322), que desde agosto do ano retrasado passa por obras de melhorias e implantação de acostamento e terceira faixa. Entretanto, a insegurança maior está sendo no sistema Pare/Siga, em que os usuários devem aguardar a liberação da pista para que os veículos no sentido contrário possam passar.

pare-siga

No início do mês, a psicóloga Julisa Morales Calve quase se envolveu em acidente pela falta de comunicação entre os funcionários que liberavam os veículos na pista. Ela seguia sentido Monte Azul a Cajobi e o funcionário não sinalizou com a placa de pare. “Após quatro metros, vários carros vieram em minha direção, tive que jogar meu carro entre os cones no acostamento contrário e, imediatamente, reclamei para o próximo rapaz que sinalizava o outro segmento da pista, que pediu desculpas, mas não notificou ninguém porque ficaria ‘ruim’ falar no rádio sobre o companheiro e que até a Polícia Rodoviária havia feito a mesma reclamação no mesmo dia”, relata.

Em apenas três dos vários comentários no perfil, monteazulenses alertam que já passaram pela mesma ou parecida situação e apoiam a iniciativa de Julisa Calve em reclamar publicamente. “Manifesto aqui todo meu apoio. Que seja feito algo para evitar que graves acidentes aconteçam devido à falta de preparo dos trabalhadores, que evidentemente não foram treinados para exercer tal função”, conclamou uma moradora.

Já outra moradora diz que passou pela mesma situação de Julisa. “Estava saindo de Monte Azul e não tinha nenhuma sinalização para parar logo após o trevo. Andei um pouco e logo veio um carro na mesma direção. O rapaz (que estava prestando o serviço), mais a frente, me parou dizendo que era para ter parado antes e que tinha outro sinalizando lá, mas não tinha ninguém”, comenta.

Outro morador de Monte Azul exemplificou mais um perigo quando os próprios veículos da construtora transitam na contramão. “Já vi várias vezes esse fato. Por muita sorte não presencie acidentes, pois os motoristas ficam desesperados e, no último instante, eles (da empresa) desviam. Um absurdo! Infelizmente, vejo que logo terão acidentes de grandes proporções”, relata.

Reclamações protocoladas

A psicóloga também registrou o ocorrido no DER (Depto. de Estradas de Rodagem) e aguarda providências para que os funcionários sejam capacitados. “Essa empresa tem condições de equipe para tal? Como cidadã, estou cumprindo meu papel. Estou muito preocupada com fato de tantas outras pessoas relatarem o mesmo que eu”, diz Julisa referente aos comentários que recebeu após publicação na rede social.

Já à empresa Almeida & Filho, de Volta Redonda (RJ), que presta o serviço desde o trecho urbano de Bebedouro a Cajobi, a psicóloga Julisa também enviou nota de repúdio para, em caso de primar por qualidade, tome conhecimento dos fatos e treine ou substitua os funcionários para a função.

Ela enaltece na nota: “Falta de organização gera acidente, acidente gera morte, morte acaba com a vida de alguém e esse alguém sempre tem alguém à sua espera em casa e que, por incompetência de outros, a espera pode ser eterna e muito dolorosa. Falo em nome de todos os motoristas e destas famílias que ‘esperam’ em suas casas”.

OBRAS TAMBÉM REQUEREM PRUDÊNCIA

boxSemanalmente, o jornal acidade, de Monte Azul Paulista, divulga acidentes nas rodovias da região em que a maioria é motivada pela imprudência de motoristas. Apesar da falta de sinalização em alguns trechos e até a capacitação de funcionários na prestação de serviços diretamente aos usuários, é importante que se mantenham a prudência e a paciência até que as obras sejam concluídas.

Há sete anos, o segurança Rogério Rodrigues de Almeida frequenta constantemente a Rodovia Armando de Salles Oliveira (SP-322). Antes era de moto e agora utiliza mais o carro para o trabalho e, dificilmente, fica mais de três dias sem seguir pela rodovia. Felizmente, ele nunca sofreu acidente, mas já presenciou muitos, inclusive um na semana passada, perto de Severínia, em que um caminhão de fraldas tombou às margens da pista.

Com as obras em andamento, ele vê constantes imprudências de motoristas que colocam em risco a vida de outros. “É notória a imprudência dos motoristas quanto ao tempo de espera. Quando é liberado o sinal verde de siga, a pressa em se locomover é bastante e, às vezes, perigosa. Já presenciei irresponsáveis usando o “acostamento” para levar vantagem. Falta paciência, serenidade, responsabilidade, respeito e, principalmente amor à vida própria e alheia”, lamenta.

O segurança Rogério Almeida deixa sua mensagem aos motoristas que frequentam principalmente as rodovias. “Lembrem-se sempre: veículos não são brinquedos e, sim, uma arma. É preciso saber utilizar com prudência e cautela, sempre”, conclui.

DER GARANTE FISCALIZAÇÃO NAS OBRAS

A assessoria de comunicação da Secretaria de Transportes garante que serão tomadas providências com relação a manifestação da psicóloga Julisa Calve protocolada em 4 de junho. “Quanto a Operação Pare e Siga, ela é realizada para que não seja necessária a interdição total da rodovia para realização das obras. O DER reitera que mantém a fiscalização da empresa contratada e exige boa qualidade no serviço prestado, mesmo com empresas terceirizadas, sem vínculo direto com o órgão estadual”, diz em nota.

Ao acidade, o DER diz ainda que a empresa Almeida & Filho atendeu o pedido, no início do ano, para o reforço da sinalização indicativa das obras. Mas lembra que a definitiva (pintura de faixas e placas) só será feita após a conclusão da obra, prevista para fevereiro de 2015.

Vale lembrar que é o próprio DER que, mensalmente, fiscaliza os serviços prestados nas obras da Rodovia Armando de Salles Oliveira, através de fiscais e do apoio de empresa contratada, especializada em supervisão de obras. “A medição de progressão da obra é realizada a cada 30 dias.  É importante esclarecer que a rodovia será entregue em perfeitas condições de uso aos usuários e motoristas”, conclui a nota do DER.

O acidade tentou contato telefônico com a Almeida & Filho, porém não obteve retorno.

Obras da Rodovia Assis Chateaubriand beneficiam os trevos de Olímpia

O Governo do Estado de São Paulo, através do DER – Departamento de Estradas de Rodagem, vem realizando diversas obras de recuperação e implantação de melhorias na SP-425, Rodovia Assis Chateaubriand, no trecho jurisdicionado pela Divisão Regional de Barretos, desde o município de Miguelópolis até o limite entre os municípios de Olímpia e Guapiaçu, no Rio Turvo, do km.23+900 m ao km.157+550 m, compreendendo seis contratos com empresas construtoras.

trevo-baguacu

De acordo com o engenheiro Marco Aurélio Macedo Pereira, Diretor da DR.14, no município de Olímpia, estão previstas obras de ampliação nos dispositivos de entroncamento da rodovia com o Acesso a Olímpia no km.137+280, antigo Minerva, assim como no km.146+040, na Vicinal do Bairro Lambari e no km.149+370, acesso a Baguaçu, além da implantação de novo dispositivo (trevo) no acesso à Usina Cruz Alta, que será em desnível (com viaduto), sendo os demais do tipo rotatória alongada com retorno pela faixa da esquerda. “Considerando que os valores contratados são referentes a todos os serviços constantes das planilhas orçamentárias dos projetos executivos, estimamos que o investimento relativo somente aos trevos no município de Olímpia é de aproximadamente R$ 8.600.000,00”, disse o diretor.

As obras contratadas, além das melhorias e adequações previstas nos dispositivos (trevos), tem como objeto o recapeamento da pista de rolamento, pavimentação dos acostamentos, implantação de faixas adicionais, sinalização horizontal e vertical e melhorias nos sistemas de drenagem superficial. “A data prevista para a conclusão das obras no trecho do município de Olímpia é de 27 de julho de 2015, incluindo os segmentos dos dispositivos (trevos)”, afirmou o engenheiro Marco Aurélio.

Ainda segundo Marco Aurélio, considerando as proporções de cada contrato relativas aos serviços inseridos no município de Olímpia, o valor total do investimento no município é de aproximadamente R$ 53 milhões.

SP-322 entre Olímpia e Icém também receberão melhorias

 

No dia 25 de junho foi assinado o contrato entre o BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) e o DER (Departamento de Estradas de Rodagem) que viabilizará a execução de obras de recapeamento da pista, pavimentação dos acostamentos e implantação de faixas adicionais da SP-322, Rodovia Armando Sales de Oliveira.

A segunda etapa de melhorias será no trecho entre Olímpia e Icém, passando por Guaraci e Altair e tem custo estimado de R$ 75,6 milhões. O valor do aporte de recursos internacionais é de quase R$ 1 bilhão. A contrapartida do Governo do Estado é de cerca de R$ 500 milhões. Os recursos serão investidos em 28 diferentes obras do DER em todo o Estado.

DER assina contrato nesta quarta para obras rodoviárias, inclusive Olímpia

O Governo do Estado, por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão vinculado à Secretaria de Logística e Transportes, assina nesta quarta-feira (25), em evento no Palácio dos Bandeirantes, o contrato para obras rodoviárias com financiamento de US$ 480,1 milhões do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), beneficiando, inclusive, Olímpia. O evento contará com a presença do governador, Geraldo Alckmin.

estradas

A contrapartida do Estado é de US$ 206,1 milhões, totalizando investimento de US$ 686,2 milhões para a realização de 28 obras de modernização e melhorias em mais de 773 quilômetros de rodovias, beneficiando 62 municípios.

Das obras, 20 trechos, com 452,7 quilômetros de extensão, já estão em fase de licitação. Outros oito trechos, com 321 quilômetros de extensão, já possuem projeto concluído e a previsão é que os editais de licitação sejam publicados em julho de 2014 e os serviços iniciados em novembro de 2014.

Obras a serem financiadas pelo BID na região de Barretos

Obra para recapeamento da pista, pavimentação dos acostamentos e implantação de faixas adicionais da SP-322, entre os municípios de Olímpia, Guaraci, Altair e Icém, entre o km 449 e o km 500,4, com 51,4 km de extensão.

O investimento é de R$ 75,6 milhões. Licitação da obra prevista para julho de 2014. Início estimado para outubro de 2014, com prazo de execução de doze meses.

Polícia Rodoviária inicia Operação Corpus Christi nesta quarta-feira

A Polícia Militar Rodoviária realiza a partir das 14 horas desta quarta-feira (18) uma operação especial para reforçar a segurança nos mais de 22 mil quilômetros de rodovias estaduais durante a Operação Corpus Christi 2014. A ação, que vai até a meia-noite de domingo (22), tem como objetivo evitar acidentes e garantir a fluidez do trânsito.

estradas

Na operação, serão empregados diariamente os efetivos dos cinco batalhões do Comando de Policiamento Rodoviário (CPRv), que utilizarão 700 viaturas. Além disso, atuarão policiais do Grupamento de Radiopatrulha Aérea (GPRAe) e de unidades regionais.

A fiscalização da velocidade dos carros nas rodovias será feita por meio de 61 radares móveis inteligentes – que podem ser utilizados de dentro da viatura, mesmo em movimento -, 125 radares portáteis e mais 93 fixos, além de sistemas integrados de câmeras.

A Polícia Militar Rodoviária contará, ainda, com 349 bafômetros para a realização de testes de embriaguez da Operação Direção Segura, que também serão usados em ocorrências de acidentes.

Equipamentos

Os radares móveis inteligentes permitem dar mais mobilidade ao trânsito e melhorar a fiscalização. Esses equipamentos são chamados de OCR Embarcados e leem automaticamente as placas dos veículos. Depois, as informações são repassadas aos policiais quase instantaneamente. Com isso, é possível selecionar, de forma mais eficiente, quais carros serão abordados.

O radar facilita o encontro de veículos roubados e, consequentemente, a prisão de criminosos: o sistema integrado registra as placas de carros com irregularidades, permitindo que todos os radares da malha viária paulista possam encontrá-los. Para que isso aconteça, a polícia destaca a importância da comunicação de ocorrências ao 190.

Álcool e trânsito

A PM alerta que o motorista que for flagrado dirigindo embriagado será multado em R$ 1.915,40 e poderá ter o veículo apreendido e a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) retida por 12 meses. O condutor terá ainda que responder criminalmente a uma pena de seis meses a três anos de prisão.

A operação contará com a participação da Secretaria de Logística e Transportes e da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (ARTESP), do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), empresa Desenvolvimento Rodoviário S/A (Dersa) e das concessionárias de rodovias.

Recomendações

Para quem pretende viajar durante o feriado prolongado, a Polícia Militar recomenda alguns cuidados especiais, tais como:

– O planejamento da viagem, com a definição do itinerário, anotação de telefones de emergência, localização das bases da Polícia e de pontos de apoio para eventuais paradas;
– A revisão do veículo, com atenção especial aos equipamentos obrigatórios, sistema de iluminação e sinalização, combustível e documentação;
– A não ingestão de bebidas alcoólicas ou outras substâncias que alterem a capacidade de direção do veículo;
– O cumprimento das normas e da sinalização de trânsito.

Rafael Iglesias, com informações da Polícia Militar

DER revela plano para recuperar, e melhorar, trecho da rodovia SP-332

O superintendente do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Clodoaldo Pelissioni, esteve em Olímpia ontem, quinta-feira (3), para a apresentação pública do projeto executivo de obras na Rodovia Armando Salles Oliveira (SP-322).

audiencia-DER-(1)

A apresentação foi realizada na Câmara Municipal e estiveram presentes, além do superintendente Clodoaldo, o deputado estadual Itamar Borges; os prefeitos Geninho Zuliani, de Olímpia; Antônio Padron Neto, de Altair, e Renato Azeda, de Guaraci; além dos vereadores de Olímpia, Beto Puttini (presidente da Câmara), Hilário Ruiz, Luiz Antonio Ribeiro e Luiz Antônio Moreira Salata, e mais as autoridades do DER, secretários municipais e populares.

O projeto executivo de obras prevê a realização de serviços para o recapeamento da pista, pavimentação dos acostamentos, implantação de faixas adicionais, dispositivos de acesso e uma Ponte sobre o Ribeirão Santana, do km 449 ao km 500,4, entre Olímpia, Guaraci, Altair e Icém.

Com essa obra serão beneficiadas diretamente 71.277 habitantes. As principais melhorias previstas estão: recuperação da pista, implantação da 3ª faixa pista esquerda e direita e implantação de acostamento pista esquerda e direta.

audiencia-DER-(3)

As obras foram orçadas em R$ 75,6 milhões e deverá ser financiada pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Após aprovação dos serviços previstos nos projetos pelo órgão financiador e pela comunidade, o DER deverá publicar o edital de licitação para contratação das obras em abril de 2014. O início dos serviços é previsto para outubro de 2014 e o prazo de execução das obras é de um ano.

Na audiência, Geninho fez algumas solicitações ao superintendente do DER, entre eles o dispositivo de um dos trevos: “Agradecemos por todas as melhorias que estão sendo feitas nas nossas rodovias. A SP-322 é a principal entrada do nosso turista mineiro e vai trazer segurança aos usuários, com novos acostamentos, novos dispositivos, isso para nós é motivo de muito orgulho. É o principal trevo de Guaraci e de Altair. Nós pedimos para o DER fazer a contratação de um estudo para a principal entrada da cidade que é o entroncamento da SP-425, enfrente a antiga Cutrale. Um pouco ao lado estamos construindo a Estação de Tratamento de Esgoto e também temos o Córrego Olhos D’agua e ele vai ser receptor da maior expansão urbana da cidade, que é o Vale do Turismo. O Dr. Clodoaldo liberou esse estudo, temos aqui que agradecer para que a gente possa quando estiver pronto ter noções de custo e poder aprovar e a população poder participar dessa decisão junto conosco”, disse o prefeito, que ainda pediu “melhorias no disposto de acesso para a Aurora Forti Neves pela Assis Chateaubriand; dispositivo de acesso do Jardim das Aroeiras pela Via de Acesso Álvaro Brito e construção de passarela entre Menina Moça e Morada Verde”.

audiencia-DER-(5)

O superintendente Clodoaldo reforçou a liberação do estudo: “Eu e Geninho, juntamente com Itamar Borges, ficamos conversando e o prefeito ficou cobrando um viaduto. Eu tenho uma dificuldade, não tivemos a oportunidade de fazer uma audiência pública sobre o assunto. Mas o estudo já está em gestação, a gente acredita que dentro de 30 dias publicaremos a licitação e nós vamos informar o senhor dessa contratação”, disse o superintendente.

Na audiência, foi apresentado um balanço do DER e todos os investimentos feitos nas estradas pelo superintende Clodoaldo e em seguida, o engenheiro Hideyoshi Shimabukuro, coordenador de projetos da diretoria de engenharia do DER falou sobre a obra que será executada.

DER recebe pedidos de melhorias de estradas e acessos do município

O prefeito Geninho Zuliani, acompanhado do Diretor do ECR – Escritório de Captação de Recursos Pitta Polisello, e do Secretário de Planejamento Fernando Velho, recebeu o Diretor Regional do DER (Departamento de Estrada e Rodagens) de Barretos, Marcos Pereira, em seu gabinete para discutirem sobre melhorias nas estradas de acesso e que circundam Olímpia.

reuniao-der-(1)

Geninho pediu melhorias no dispositivo do trevo de acesso ao Distrito de Ribeiro dos Santos na Rodovia Armando Sales de Oliveira. Segundo o Diretor, será realizada uma Audiência Pública em Olímpia, que é uma das etapas de diversas melhorias que serão discutidas para a rodovia em questão, no trecho entre Olímpia e Icém, lembrando que o trecho entre Olímpia e Bebedouro já está sendo executado.

Outra questão foi a autorização das obras de reforma e modernização da Rodovia Assis Chateaubriand, entre Barretos e Olímpia, onde Geninho solicitou a construção de um trevo em desnível, com pontilhões, no trevo do antigo Cutrale que dá acesso a cidade pela Rodovia Dr. Wilquem Manoel Neves. Além da viabilização de uma nova alça de acesso para o Vale do Turismo, que ligará a Avenida Aurora Forti Neves com a Rodovia em questão.

Destacou-se também a importância da construção de passarelas de interligação dos bairros Menina Moça II e Morada Verde com a COHAB I, Menina Moça I e Jardim Blanco sobre a Av. Desembargador Manoel Arruda e a construção de um dispositivo de acesso na Vicinal Álvaro Brito no entroncamento com o Residencial Quinta das Aroeiras.

Finalizando, Geninho solicitou apoio ao DER para a recuperação e manutenção da Rodovia Natal Breda, que liga Olímpia a Tabapuã, principal acesso a Rodovia Washington Luiz local de acesso de milhares de turistas semanalmente ao município.

Trecho da SP-310 entre Araraquara a São Carlos é um dos melhores do País

O motorista que parte de São Paulo em direção a Limeira viaja pela melhor rodovia do Brasil, a Bandeirantes (SP-348), segundo pesquisa feita pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT). Entre as 10 melhores, outras oito rodovias do Estado de São Paulo também estão em ótimas condições, incluindo a Washington Luís (SP-310), mas o trecho de Rio Preto não foi incluído, apenas Araraquara-São Carlos.

rodovia

Estas nove estradas paulistas bem qualificadas, segundo o levantamento divulgado ontem, fazem parte do Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo, fiscalizado e gerenciado pela Artesp.

Na segunda posição do ranking está a SP-330 (Anhanguera), no trecho entre São Paulo e Uberaba (MG). Em terceiro lugar, mais uma rodovia paulista concedida: a ligação entre Campinas e Jacareí, rodovia D. Pedro I (SP-65). O estudo CNT/2013 mostra que as vias em bom estado melhoram o rendimento dos veículos baixando o consumo de combustível, de lubrificantes, de pneus e de freios.

Siga o Diário de Olímpia no Twitter, Facebook e Flickr

Fonte: Diarioweb

Ministério dos Transportes comunica que obras da duplicação da BR-153 vão sair

O deputado federal Edinho Araújo (PMDB-SP) informa que recebeu, do vice-presidente da República Michel Temer cópia de um comunicado oficial do Ministério dos Transportes, assinado pelo ministro César Borges, definindo o cronograma de licitação e de início das obras da duplicação da BR-153, no trecho urbano de Rio Preto, obra incluída no PAC 2 e que será licitada em Regime Diferenciado de Contratação (RDC).

rodovia-G1

“Recebi também há pouco um telefonema do ministro César Borges comunicando o envio da nota técnica à Vice-Presidência da República e detalhando o conteúdo da nota”, revelou o parlamentar da região.

Abaixo, a cópia do comunicado do Ministério dos Transportes.

copia

Crise da laranja e duplicação da BR-153 no encontro de Temer com Edinho Araújo

O deputado federal Edinho Araújo (PMDB-SP), da região, foi recebido nesta quarta-feira (4) em audiência pelo Presidente da República, em exercício, Michel Temer. Eles discutiram a crise que afeta a citricultura paulista e os próximos passos para a licitação da duplicação da BR-153.

Edinho-Temer-2

Atendo a pedido de Edinho o presidente recebeu os representantes dos citricultores, entre eles o presidente da Associação Brasileira de Citricultores, Flávio Viegas, e Alexandre Berto, Emerson Fachini e Raul Furquim Neto.

Na presença do grupo, Michel Temer ligou para o ministro da Agricultura, Antonio Andrade, cobrando providências. Ficou decido que a crise da citricultura será discutida na próxima terça-feira, no Ministério da Agricultura, em horário a ser definido, com a presença dos principais líderes do setor produtivo e do deputado Edinho Araújo.

BR-153

“Quanto à BR-153, demos mais um passo no processo. O presidente ouviu do ministro dos Transportes, César Borges, que a greve do DNIT terminou hoje. O ministro afirmou que a publicação autorizando a licitação da duplicação da rodovia na área urbana de Rio Preto deverá ser feita em breve. Continuamos acompanhando de perto”, afirmou Edinho Araújo ao final da reunião.

A duplicação de cerca de 18 km da rodovia em Rio Preto está orçada em R$ 180 milhões. A obra foi incluída no PAC 2, e, segundo o Ministério dos Transportes, a abertura da licitação atrasou devido à paralisação dos funcionários do DNIT e à necessidade de  correção de uma série de falhas no projeto elaborado pela Prefeitura de Rio Preto.

“Continuaremos acompanhando o caso diariamente até que o Dnit anuncie a licitação”, afirmou Edinho Araújo.

REIVINDICAÇÕES DA CITRICULTURA

Na audiência com Temer, Edinho Araújo e os representantes de citricultores apresentaram ao presidente em exercício as principais reivindicações do setor. Elas já haviam sido encaminhadas ao Ministério da Agricultura, por meio de oficio, pelo deputado Edinho Araújo.

As principais medidas cobradas pelos produtores de laranja são:

* renegociação de dívidas a longo prazo e com juros baixos (securitização);

* inclusão da laranja na política de preço mínimo e retomada dos leilões de PEPRO;

* inserção do suco de laranja em programas governamentais, como de distribuição de cestas básicas a pessoas carentes;

* aumentar o percentual de suco de laranja para os néctares (o suco tem ao menos 50% de polpa de fruta; néctar concentra de 30% a 50%);

* redução de impostos do setor;

* melhoria do ambiente de negócios, com maior transparência de informações sobre consumo, estimativa de safra etc.;

* fortalecimento da representatividade dos citricultores independentes nas negociações do Consecitrus e construção conjunta do modelo final para restabelecer o equilíbrio no setor;

* investimento em marketing para promover o aumento do consumo de suco de laranja; entre outras.

NO CADE

Edinho Araújo também acompanhou os produtores em visita ao Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). Os produtores travam uma luta contra o poderio da indústria, à qual acusam de formação de cartel.

Segundo eles, a indústria manipula o mercado e controla os preços, sufocando os produtores. A indústria também aumentou nos últimos anos suas áreas próprias de plantio, eliminando produtores pequenos e médios, que, sem condições de vender a fruta, deixam a atividade.

O Cade anunciou a formação do Consecitrus até o final deste ano. O Conselho terá participação paritária de produtores e industriais e será responsável por discutir as políticas mediar os conflitos do setor citrícola.

MERCADO

A situação do mercado de laranja é crítica. A fruta precoce amadurece nos pomares e não encontra compradores. Os poucos negócios feitos atualmente giram em torno de R$ 6,00 a caixa de 40,8 quilos, valor inferior ao custo de produção.

“Estamos defendendo a fixação imediata de um preço mínimo para a caixa de laranja, como conseguimos no ano passado. A fruta foi vendida a R$ 10,00 a caixa, com subsídio do Programa de Escoamento da Produção, o que aliviou os prejuízos de parte dos produtores”, disse Edinho Araújo.

Feriado registra 40 mortes nas estradas

As rodovias paulistas registraram mais mortes no feriado de 9 de Julho deste ano, em relação ao feriado anterior, de Corpus Christi, em 30 de maio. Foram 40 acidentes fatais, ante 38 no período anterior. Apesar disso, o número total de acidentes nas rodovias caiu: foram 1.056 ocorrências, ante 1.062 em maio.

estradas

A Polícia Militar Rodoviária divulgou o balanço das operações nesta quarta-feira. A comparação dos índices com o feriado de 9 de Julho de 2012 não pode ser feita com precisão porque, no ano passado, a data não foi prolongada, com um dia a menos.

No período, a Polícia Militar aplicou mais de 17 mil multas de trânsito, a maioria por causa de ultrapassagens proibidas e pela falta do cinto de segurança.

Ao todo, 363 pessoas foram flagradas dirigindo após ingerir álcool. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Começa a fiscalização rigorosa para o 9 de Julho nas rodovias paulistas

Durante os quatro dias do feriado prolongado, são esperados cerca de 80 mil veículos em circulação nas principais rodovias da região.

policia

Por isso, a “Operação 9 de Julho” começou às 14 horas de hoje, 5, e segue até às 23h59 da próxima terça-feira, 9.

O objetivo é prevenir e reprimir infrações de trânsito e de transporte, assim como evitar acidentes.

Haverá reforço das patrulhas com todo o efetivo operacional e administrativo da Polícia Rodoviária. (Diarioweb)