Mulher se defende em briga doméstica e acaba presa por porte ilegal

Uma discussão de casal na noite de ontem, segunda-feira (14), na Chácara Nossa Senhora Aparecida, proximidades de um Pesque-Pague, terminou no plantão policial, com uma arma de fogo apreendida.

arma-de-fogo

Segundo relata a vítima Ana Lúcia Franco, 36, cuidadora de idoso, aos policiais militares que a atenderam – cabo Vinicius e soldado Anderson, o seu amásio Luiz Fernando da Cruz, 49, agricultor, agrediu-lhe e tentou enforcar o seu pescoço, quando se desvencilhou e se trancou no banheiro. No apoio, viatura com tenente Marlon, cabo Kleber Lima e soldado Adaor.

De posse de um revólver Rossi, de inox, calibre 22, tentou disparar várias vezes em direção à janela, quando Luiz, segundo ela, tentou entrar no banheiro, mas nenhum disparo foi efetuado, já que seis estavam picotadas e um vazio.

Aqb1b5n72Zil2ohUIk_aALFA-XWAYJjU6Tw-Sh-VtSe2

Muito nervosa, ela alegou aos PMs que tinha encontrado essa arma em um mato nas proximidades, meses atrás, e logo entregou-a alegando que poderia ‘fazer uma besteira’ com o marido se este continuasse a lhe agredir.

Luiz Fernando disse desconhecer a existência da arma na residência do casal. E também negou a agressão à mulher.

Ambos foram parar no plantão policial, onde o delegado titular Marcelo Pupo de Paula registrou a ocorrência como vias de fato e posse ilegal de porte de arma, dando voz de prisão para a mulher, arbitrando fiança de R$ 800, que foi paga, e assim ela responderá em liberdade pelo crime de posse ilegal de arma de fogo.

Polícia prende ‘caçador de javali’ com porte ilegal de arma no centro da cidade

Por volta da 01 da manhã desta sexta-feira (11) foi preso em flagrante, mas liberado sob fiança, um homem acusado de porte ilegal de arma, pelo centro da cidade. Ele se diz caçador de javali, mas que possuía o registro da arma, porém não o porte.

porte-de-arma

Em patrulhamento pelo centro da cidade, cruzamento da avenida Waldemar Lopes Ferraz com a rua Dr. Antonio Olimpio, os policiais militares cabo Kleber Lima e soldado Adaor avistaram um veículo GM Monza que, por sua vez, ao notarem a presença dos policiais, tentou evadir-se imaginando que seriam abordados.

Com apoio de outra viatura, com cabo Vinícius e soldado Anderson, o Monza foi alcançado e os dois ocupantes abordados e revistados. Com o motorista Eberson Alves Barbosa, morador na Cohab 4, e com o passageiro Daniel Augusto Spinelli Martinussi, 34, morador no centro, nada de ilícito, porém, em revista no veículo os PMs encontraram uma espingarda calibre 36 e mais 23 cartuchos intactos.

Daniel confirmou ser dele a espingarda, que usa para caçar javalis, e que possui o registro da arma em sua residência.

Ele recebeu voz de prisão em flagrante por parte ilegal de arma, sendo conduzido à Delegacia de Polícia Civil.

Lá, o escrivão, em contato com o delegado de plantão, ratificou a voz de prisão, sendo arbitrada fiança de R$ 900, que foi paga por Daniel, que, neste momento, estava acompanhado de seu advogado, José Antonio Arantes. Ele responderá em liberdade por este crime.

Homem com posse ilegal de arma em Guaraci é solto sob fiança

Um homem foi preso na tarde de ontem, terça-feira (5), em Guaraci, após a Polícia Militar ter recebido denúncia anônima de que ele estaria de posse de arma de fogo de uso permitido, porém de forma ilegal, escondida em seu veículo VW Gol.

arma

A patrulha com os policiais cabo César e soldados Marques e Borges, foram até o local indicado, no prolongamento da rua Francisco Xavier Ribeiro com a Rua Ernestina Cordeiro, na Cohab 4, em Guaraci, residência de Donizeti Aparecido Claudino, vulgo ‘Piolho’, e os PMs solicitaram que fosse aberto o seu veículo Gol CL, cor verde, placas BOM-5233, para vistoria.

SGT-CÉSAR-E-MARQUES-

Piolho disse que não havia nenhuma arma no veículo, mas ela foi encontrada. Trata-se de uma espingarda calibre 36, marca Rossi, oxidada, desmuniciada e desmontada, escondida dentro da lataria traseira, da parte esquerda do veículo.

Questionado a respeito, Piolho informou que a arma não era sua, e que iria confeccionar uma capa de couro para ela.

Diante dos fatos, ele recebeu voz de prisão, sendo conduzido até à Delegacia de Polícia Civil local, juntamente com a arma, onde o delegado Antonio Miranda ratificou a prisão, arbitrando fiança de R$ 1.000, que foi paga, assim Piolho foi colocado em liberdade, onde responderá pelo porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

Homem é preso em flagrante após ameaçar companheira com espingarda e punhais

Um homem de 33 anos foi preso nos dois primeiros minutos desta sexta-feira (6), no bairro Nova Cidade, em Severínia, acusado de violência doméstica e ameaça com arma de fogo, além do porte ilegal da mesma.

violencia

A equipe da PM com cabos Adriano e Reginaldo foi acionada pela vítima, Rosineide Gonçalves, 33 anos, que alegou que o seu companheiro a ameaçou com uma espingarda com munição calibre 38.

Elias Borges dos Santos foi localizado defronte a sua residência, abordado e revistado, mas nada de ilícito foi encontrado com ele, contudo a sua companheira mostrou aos PMs o local onde ele havia escondido a espingarda calibre 40, oxidada, sem marca, e mais dois punhais e uma munição CBC calibre 38.

O autor recebeu voz de prisão e foi conduzido, juntamente com os objetos apreendidos, ao plantão policial, onde o delegado Marcelo Pupo de Paula, ratificou-a em flagrante delito, determinando fiança de R$ 900, que não foram pagos, daí Elias ficou encarcerado em um dos xadrezes da Cadeia local.

Olimpiense é preso em Severínia por porte ilegal de arma de fogo em veículo com 6 ocupantes

A Polícia Militar de Severínia prendeu, na madrugada desta segunda-feira (29), um homem acusado de porte ilegal de arma de fogo. Ele estava em companhia de outras pessoas, alguns adolescentes, em um veículo GM Corsa Classic, que despertaram a atenção dos policiais cabo Souza Costa e soldado Vinicius e, mais ainda, quando tentaram fugir da abordagem.

P9291368

Os PMs estavam em patrulhamento nas proximidades da Câmara Municipal de Severínia, com apoio dos guardas municipais Pereira e Márcio, quando avistaram o Corsa Classic, cor Bege, em atitude suspeita, com vários ocupantes, e ao visualizarem as viaturas, tentaram fugir em arrancada brusca, arrastando pneus, seguindo em direção ao CDHU, quando foram alcançados em uma via de terra, rua Ademar Schenten.

P9291367

No interior do veículo, estavam seis pessoas, sendo o condutor Diego Ferreira da Silva Abreu, 20, morador no bairro Santa Fé, em Olímpia, que, em revista pessoal, nada de ilícito foi encontrado com ele. Também foram revistados o passageiro dianteiro, Gabriel Junqueira Cardoso, 20, também do Santa Fé, de Olímpia; e os passageiros traseiros Tarcísio Augusto Celeti de Oliveira, 20, e os adolescentes E.V.E.R., 16; L.E.J., 17; e J.F.R., 15, sendo que nada de ilício também foi encontrado com eles.

P9291370-(1)

Durante busca no veículo os PMs e GCMs encontraram um revólver inoxidável, marca Taurus, calibre 38, com cinco munições intactas, no assoalho do passageiro dianteiro, sob uma blusa de moletom, onde estava Gabriel, contudo Diego assumiu a propriedade da arma, pois, segundo ele, tem um desafeto.

P9291380

Para recordar: Gabriel, que foi qualificado como testemunha, e liberado, é um dos participantes tempos atrás de um grave crime em Olímpia, onde, juntamente com comparsas, praticou latrocínio em um empresário do Paraná, jogando o corpo dele em um riacho, sendo que foi apreendido na época, por ser menor de idade, ficou na Fundação Casa por mais de um ano e está solto.

P9291376

Diante dos fatos, Diego Ferreira da Silva Abreu recebeu voz de prisão e foi conduzido à delegacia de polícia local, juntamente com os demais ocupantes do Monza, onde o delegado Marcelo Pupo de Paula ratificou a voz de prisão em flagrante delito em Diego, por porte ilegal de arma de fogo, arbitrando fiança de R$ 2 mil, que não foi paga, assim ficou encarcerado na Cadeia Pública de Severínia à disposição da Justiça.

Os demais foram liberados na Delegacia.

Proprietário de chácara de Guaraci encontra revólver com tiros deflagrados

Ao realizar limpeza em sua chácara, o proprietário rural Lucas Rossini, de Guaraci, 53, encontrou um revólver Taurus, calibre 38, cano curto, oxidado, cinco tiros, mas muito enferrujado.

A Polícia Militar foi acionada por ele e, no local, cabo Aleixo e soldado Tavares, recolheram a arma, que estava com três, dos cinco, cartuchos deflagrados. O registro mal pode ser anotado devido ao péssimo estado de ferrugem, supostamente UD44350.

A arma foi apreendida e conduzida à Delegacia de Polícia Civil, onde a delegada Débora Cristina Abdala Nóbrega elaborou um BOPC.

Menor de 13 anos ameaçava pessoas com arma de brinquedo em Severínia

A Polícia Militar de Severínia recebeu a denúncia através do 190 de que um menor de 13 anos estaria ameaçando algumas pessoas com um revólver.

menor-revolver

Os PMs Antunes e Vinícius, com apoio da guarda municipal, abordou Y.M.S.S., pela Cohab 4, daquela cidade, e ele confessou que, de fato possuía um revólver, só que de brinquedo, e que estaria escondido em um canavial, nas proximidades de sua casa.

Ele levou os policiais até o local e, de fato, foi encontrada um simulacro de pistola Taurus, modelo PT100, cor preta.

O menor disse que havia pego emprestado de outro menor, de nome E.

No plantão policial, a arma de brinquedo foi apreendida e o menor liberado para a sua mãe.

Fusca de Alif foi alvejado com vários tiros nesta noite

Na noite desta sexta-feira (28), por volta das 21h20, dispararam cinco tiros contra o veículo VW Fusca, azul, pertencente a Alif Vieira Branco, 20, principal acusado de ter assassinado a tiros Luís Fernando Perpetuo Celete, vulgo Bilu, 20 anos, e tentado matar o irmão Tarcísio Augusto Celete de Oliveira, vulgo Porco, 18 anos, segundo informantes ao Diário de Olímpia.Com.

Alef-e-Bruno

Segundo a mãe de Alif (que ainda está desaparecido), Andrea Vieira, 35, disse que um veículo novo, cor preta, não sabendo quantas pessoas estavam em seu interior, passou defronte à sua residência, no bairro Santa Ifigênia, fez vários disparos de arma de fogo contra o Fusca de seu filho Alif.

Entenda o crime

O veículo preto tomou rumo ignorado. No local, os PMs encontraram cinco projéteis, segundo disseram informantes ao Diário.

O caso foi registrado pelo delegado César Aparecido Martins.

Homem é preso no Cote Gil por posse ilegal de arma de fogo

Um homem de 24 anos foi preso  no final da tarde desta terça-feira (25), o bairro Cote Gil, por posse ilegal de arma de fogo, após denúncia anônima ao 190 da Polícia Militar de Olímpia.

Breno

Os policiais militares cabo Nairton e soldado Anderson, com apoio de outra viatura, com soldados Fernando e Fábio, foram até à residência de Breno de Oliveira, 24, no bairro Cote Gil, que confessou ter um revólver marca Taurus, calibre 38, guardado em seu quarto, que comprou por R$ 800 em São José do Rio Preto (SP).

P25-02-14_18

Após revista em seu quarto, os PMs encontraram, de fato, o revólver com sete munições intactas sob o colchão de Breno, que recebeu voz de prisão por posse ilegal de arma de fogo.

Foi conduzido ao plantão da Delegacia de Polícia Civil, onde o delegado titular Marcelo Pupo de Paula ratificou a voz de prisão em flagrante, arbitrando fiança de R$ 800, que foi paga por familiares.

Após os procedimentos, Breno responderá em liberdade pelo delito.

Casal preso em Guaraci por tráfico e posse de arma, que estava com a garota

Um adulto e uma adolescente foram presos na manhã desta segunda-feira (5) por tráfico de entorpecente, associação ao tráfico e posse ilegal de arma de fogo, em Guaraci. Os fatos ocorreram na rua Francisco Xavier Ribeiro, 637, centro, Guaraci.

Guaraci

Durante patrulhamento, os policiais militares cabo Pereira e soldado Bitencourt avistaram o veículo VW Parati, cor preta, placas DQK-6248, de Severínia, com Carlos André Ferreira, vulgo Fião, 33 anos, acompanhado da adolescente D.A.F.P., 15 anos.

Como já haviam recebido várias denúncias anônimas de que uma Parati preta estaria trazendo drogas para Guaraci, e tendo o soldado Bitencourt reconhecido Fião, o motorista, como ex-preso em flagrante por tráfico de drogas em Severínia, o veículo, condutor e passageira, foram abordados.

carro

No momento, nada de ilícito foi encontrado pelos PMs, mas eles notaram que ambos estavam nervosos, por isso resolveram conduzí-los à Delegacia de Polícia Civil para uma revista minuciosa, bem como no veículo. Assim, uma funcionária da Delegacia revistou a adolescente e encontrou, sob o seu sutiã, 30 cápsulas de Ependorf vazios e um cheio de cocaína, que logo foi dito pela jovem que era para o seu uso próprio.

Já com o motorista, Fião, nada foi encontrado de irregular, exceto R$ 119 em espécie, em sua carteira, e R$ 125 em cheques, mas, em revista minuciosa na Parati preta, foi localizada pelo 2º sargento César três Ependorf e duas porções de cocaína entre o forro e o teto e, posteriormente, dentro do capô, sob o feltro, uma porção envolta em sacola plástica contendo 28 gramas de cocaína.

Arma

Assim, juntamente com a equipe da Polícia Civil e os PMs, também foi revistada a casa da adolescente e, no interior de seu quarto, foram localizados mais quatro Ependorf contendo cocaína, a quantia de R$ 1.920 em cédulas e uma pistola calibre 380 em meio à uma caixa de sapatos.

P8050388

Foram apreendidos, também, seis projéteis de 380 intactos e um deflagrado; três projéteis calibres 9 milímetros e, no total, contando com o que foi encontrado com Fião, R$ 2.039 em espécie e R$ 125 em cheques; e 34 gramas de cocaína (11 porções).

Fião e adolescente receberam voz de prisão, ratificada pela delegada Débora Cristina Abdala Nóbrega. Fião foi encarcerado na Cadeia de Severínia e a garota na Cadeia de Barretos, onde permanecerão à disposição da Justiça.

Homem é preso com arma de fogo artesanal no começo da madrugada

A Polícia Militar de Olímpia prendeu em flagrante um homem de 33 anos por porte ilegal de arma de fogo aos 10 minutos deste domingo. Ele estaria portando a referida arma no ‘Bar dos Amigos’, segundo denúncia anônima ao 190, encontrando-o no cruzamento da rua Benjamin Constant com a Avenida Cláudia Ledesma Miessa, no centro.

joaopescoco

Os policiais militares cabos Reinaldo e Barrera, com o soldado Anderson, foram atender a ocorrência à procura do indivíduo conhecido como João Pescoço, que estaria em um VW Fusca cor bege, placas CIJ-5746, de Rio Preto. Quando chegaram ao referido bar, não o encontraram, contudo, em patrulhamento, depararam com João Carlos da Silva Santos e, ao abordá-lo, estando com o passageiro Reginaldo dos Santos, 43 anos, encontraram no interior do Fusca uma faca e uma arma de fogo artesanal, tipo cartucheira, com dois cartuchos calibres 28 já deflagrados.

foto2

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão para João Pescoço, conduzido, juntamente com o passageiro, para o plantão policial, onde a delegada Maria Tereza Ferreira Vendramel, ratificou a voz de prisão, recolhendo-o à Cadeia de Severínia.

foto3

barbatira

A testemunha foi liberada e o veículo, devido às infrações de trânsito, recolhido ao pátio da Ciretran.

Aluno de 14 anos escondia revólver na mochila em escola estadual

Um aluno de 14 anos de idade foi flagrado com um revólver calibre 32, com seis cartuchos intactos e outros dois, de calibre 38, em sua mochila, na Escola Estadual “Professora Maria Ubaldina de Barros Furquim”.

arma

O alerta foi da professora Maria do Carmo Kamla Passi, que é mediadora escolar e comunitária, ao notar a arma no interior da bolsa do aluno, chamou a Polícia Militar, através do cabo Faccio e soldado Reginaldo, às 9h40, desta segunda-feira (26).

O adolescente R.C.R.C, 14 anos, morador no centro da cidade, disse aos policiais que havia levado a arma para se defender de ameaça feita por Leandro de Andrade Ramos, 18 anos, morador no Santa Fé, já que haviam se desentendido dias atrás.

Primeiramente, disse que a arma pertence ao seu pai, C.R.C., mas depois voltou atrás e disse que pegou emprestado de um conhecido chamado Heleno, mas que não sabe onde reside (sic).

Diante das alegações, a arma foi apreendida e o menor conduzido ao plantão policial na presença de conselheiros tutelares Fernando e Daniel. O delegado João Brocanello Neto elaborou o BOPC e o auto de exibição e apreensão da arma. O menor foi liberado.

Segundo e-mail encaminhado ao Diário pela professora Maria do Carmo, a sua função é a de “mediar conflitos e trabalhar a cultura de paz dentro da Escola Profª Maria Ubaldina de Barros Furquim, escolhida entre muitos professores da rede estadual”.

O fato ocorrido, segundo ela, “é um caso isolado,  o referido aluno já havia sido encaminhado para tratamento psicológico, foram feitas várias visitas domiciliares pela professora mediadora acompanhada da assistente social do Município (CRAS Santa Ifigênia), onde há uma parceria permanente entre os profissionais da prefeitura Municipal de Olímpia, através da Promoção Social e realiza-se mensalmente reuniões com os pais dos alunos que apresentam  conflitos familiares”.

Com relação ao aluno em questão, acrescenta Maria do Carmo, “foi constatado pela assistente social e a professora mediadora estado  miséria, alcoolismo, abandono de incapaz e houve o encaminhamento ao Conselho Tutelar”.

E, com relação a arma de fogo “o fato foi  conduzido discretamente pela Diretora da Escola com ajuda da professora Mediadora, Conselho Tutelar e Polícia Militar, para não alarmar os pais e os alunos que no momento realizavam provas de final de ano”.

Maria do Carmo salienta, ainda, que “conflitos infelizmente fazem parte da vida. Nós como escola somos obrigados a rever ou reafirmar valores, por isso é tão importante compreender sua origem e  natureza e saber lidar com eles. A escola trabalha sozinha o projeto Valores onde a cultura da paz é inserida no cotidiano dos nossos alunos dentro do programa curricular  há sete anos. Vários frutos já foram colhidos, mas não divulgados, não discriminamos alunos, já que a escola pública é uma escola democrática, ou seja, para todos”.