AMA convoca prefeitos para ato contra a crise nesta quarta, na Assembleia Legislativa

O presidente da Associação dos Municípios da Araraquarense (AMA), Jurandir Barbosa de Morais (Jura), prefeito de Nova Aliança, está convocando todos os prefeitos para um ato que será realizado nesta quarta-feira (19), no auditório Paulo Kobayashi, na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.

A concentração será a partir das 14h, em protesto contra a crise que atinge os municípios paulistas. “Queremos mobilizar o maior número de prefeitos e vereadores em defesa dos nossos municípios”, afirma Jura.

Assim como a AMA, outras associações, como a Associação Paulista de Municípios-APM, estão convocando seus associados para promover este ato. A decisão foi tomada em reunião realizada na quinta-feira passada, dia 13, na sede da APM.

“Como ninguém, você sabe de que forma a crise econômica e política afeta a administração das cidades: queda na arrecadação, mudanças federais e estaduais e que aumentam os gastos públicos, atrasos em repasses, judicialização da saúde. O sinal está vermelho para as prefeituras. Está na hora do municipalismo Paulista mostrar a sua força. Temos uma pauta, e, organizados, podemos contribuir para o País superar essa crise”, declarou Jura.

AMA reúne prefeitos para debater o desenvolvimento regional em Catanduva

A AMA – Associação dos Municípios da Araraquarense realiza, de quarta a sexta desta semana, de 4 a 6, em Catanduva, o VIII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista. O tema deste ano é Desenvolvimento Regional. A expectativa é atrair um público de cinco mil pessoas entre prefeitos, vice-prefeitos, secretários municipais, vereadores e gestores públicos.

20140602-120928-43768538.jpg
Os desafios do municipalismo também estão entre temas que serão debatidos durante os três dias do evento. “Preparamos a grande de palestras colocando o municipalismo no centro das discussões. Queremos fazer do VIII Congresso da AMA uma grande bandeira de desenvolvimento regional. Vamos debater com a classe política os problemas da nossa região, do nosso Estado, do nosso País. Vamos também compartilhar conhecimento, repartir experiências positivas e apontar soluções, integrando todos os gestores públicos do Noroeste do Estado”, explicou o presidente da Associação, Jurandir Barbosa de Morais (Jura), prefeito de Nova Aliança.

Grade de palestras

Este ano, a grande de palestra está bem diversificada, priorizando a Educação, o Meio Ambiente e o Legislativo Municipal. Dia 4, acontece a abertura com presença do secretário de Estado de Planejamento e Desenvolvimento Regional, Julio Semeghini. Ele irá debater com os presentes o tema do congresso: Desenvolvimento Regional. Também estão confirmadas as presenças do ex-governador José Serra, da secretária de Estado Mônika Begamaschi, da Agricultura. O prefeito anfitrião Geraldo Vinholi (foto) fará parte da mesa de autoridades, além de deputados federais e estaduais.

À tarde, o secretário de Estado da Educação, Hermann Voorwald fará a palestra Educação, Compromisso de São Paulo. Na sequência, acontece a palestra do advogado Paulo Gomes de Oliveira sobre a Lei de Licitações de Serviços Publicitários. O dia de trabalho termina com uma palestra de técnicos do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo.

No dia 5, o período da manhã está reservado para um grande encontro de primeiras-damas e presidentes de Fundos Sociais, que será coordenado por Dalva Paes da Silva, presidente da Associação Brasileira de Mulheres de Ação Política e Social e pelo secretário-executivo do Congresso, Marco Vinholi. Fechando a manhã, acontece uma palestra do Secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Rogério Hamam.

A programação da tarde começa com uma palestra do psiquiatra e educador Içami Tiba. Em seguida, em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, será realizado o seminário Desenvolvimento Industrial Paulista – O Setor de Transformação e Reciclagem de Materiais Plásticos.

Dia 6, na parte da manhã, haverá uma palestra com o secretário de Estado da Casa Militar, coronel José Roberto Oliveira, sobre a Gestão de Risco no Estado de São Paulo. Em seguida, haverá uma palestra com o secretário de Estado da Habitação, Marcos Penido, onde serão apresentados os projetos da secretaria.

O período da tarde começa com um painel do Sebrae. Em seguida, espaço reservado para a Uvesp – União dos Vereadores do Estado de São Paulo, que irá debater temas referentes ao Legislativo Municipal. Às 17 horas, encerramento do VIII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista, com a presença do senador Aécio Neves.

Catanduva

Dando sequência à política de descentralização da AMA, este ano a cidade eleita para abrigar o evento foi Catanduva. “Nossa associação reúne 124 municípios. É a maior associação regional do Estado de São Paulo. A política de descentralização das ações da AMA tem por objetivo promover um maior envolvimento dos municípios associados nas atividades da entidade. Além disso, recebemos apoio total do prefeito Geraldo Vinholi”, declarou Jurandir de Morais.

40 anos

A AMA – Associação dos Municípios da Araraquarense foi constituída em 2 de fevereiro de 1974, visando à integração administrativa, econômica e social dos municípios que a compõem, respeitada a autonomia municipal.

Ela tem por finalidade contribuir para a solução dos problemas comuns aos municípios, promover o municipalismo, convergir interesses, objetivando coordenar, representar e defender os valores da região Noroeste do Estado de São Paulo.

Com 124 municípios associados, sua maior bandeira é a defesa do municipalismo. A AMA luta pelo desenvolvimento regional e pelo bem estar dos habitantes da sua região de abrangência. Nasceu para ter uma posição central no desenvolvimento Paulista.

Serviço

VIII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista.

Realização: AMA – Associação dos Municípios do Noroeste Paulista

Tema: Desenvolvimento Regional

Data: De 4 a 6 de junho de 2014

Local: Espaço de Eventos Maison Vila Nobre (Ge-Vera) | Rua João Augusto Narrar, 993 – Jardim Oriental | Catanduva.

Prefeitos da AMA reúnem-se com a diretoria da AACD neste sábado

Os prefeitos dos municípios associados à AMA – Associação dos Municípios da Araraquarense reúnem-se neste sábado (15), a partir das 9h, na sede, em Rio Preto, com a diretoria da AACD – Associação de Assistência à Criança Deficiente. A reunião, convocada pelo atual presidente, Jurandir Barbosa de Morais, vai discutir de que forma é possível firmar convênio com a AACD para equilibrar as contas da entidade.

VII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista - Olímpia - 23/10/2013

A reunião, que contará com as presenças da presidente da AACD, Adriane Albuquerque Cirelli e do gerente administrativo, Aluizio Achcar, dará sequência as tratativas, iniciadas há 15 dias, pelo ex-presidente Geninho Zuliani no sentido de encontrar uma solução para que os municípios atendidos pela entidade possam colaborar financeiramente. “Já iniciamos um diálogo com a instituição e acredito que as negociações devam prosperar”, declarou Jurandir de Morais.

No último dia 14 de janeiro, o promotor José Heitor dos Santos deu à entidade 90 dias para estabelecer convênios com as cidades que têm moradores em tratamento na unidade de Rio Preto. Findo esse prazo, a instituição deverá dispensar os pacientes de locais que não tenham firmado parcerias. Para isso, vai baixar portaria instaurando inquérito civil que obrigue os prefeitos a assinar tais parcerias ou buscar alternativas para os pacientes. Ao mesmo tempo, notificará as cidades e informará os colegas de MP desses municípios. O promotor entende que esse é o meio correto para equilibrar as contas da AACD sem que Rio Preto seja obrigada a pagar tudo sozinha.

Atualmente, a unidade da AACD de Rio Preto é mantida com recursos do SUS – Serviço Único de Saúde, no valor de R$ 10 mil, por mês; da Prefeitura de Rio Preto, no valor de R$ 140 mil mensais; por campanhas de arrecadação; e ajuda de colaboradores. A AACD atende a 257 cidades, de dez estados da Federação. Dessas, 107 cidades são associadas à AMA.

No mês passado, a Prefeitura de Rio Preto, que arca com a maior parte de recursos, ameaçou cortar a verba de manutenção, alegando que os demais municípios que utilizam a entidade não colaboram.

Dos 1.853 pacientes cadastrados na AACD, 1.287 moram nas cidades abrangidas pela AMA. A cidade de Rio Preto, a maior da associação de municípios, encaminha 506 pacientes. Dos 607 pacientes em atendimento, 426 são de cidades associadas à AMA, sendo 168 só de Rio Preto.

A AMA é uma associação que reúne 124 municípios do Noroeste do Estado de São Paulo. Tem por finalidade contribuir para a solução dos problemas comuns aos municípios que a compõem.

Outros temas na pauta

Além da crise da AACD, os prefeitos da AMA vão discutir outros temas na reunião de amanhã. “O nosso VIII Congresso está agendado para acontecer de 4 a 6 de junho. Precisamos definir o local. As sugestões são Rio Preto, Olímpia e Catanduva. Vamos ouvir os prefeitos”, disse Jurandir Barbosa.

Também será discutida a participação dos prefeitos na XVII Marcha a Brasília, que acontece de 12 a 15 de maio. A ideia é ir uma grade comitiva para Brasília. “Além disso, estamos agendando duas reuniões em São Paulo. Vamos propor ao secretário de Estado de Meio Ambiente, Bruno Covas, a realização de um seminário para discutir a destinação dos resíduos sólidos. Também vamos conversar com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, Rodrigo Garcia, o andamento de um convênio com a AMA para o desenvolvimento regional. Esses dois temas também serão discutidos na reunião”, informou o presidente Jurandir de Morais.

Serviço

Reunião AMA/AACD

Data: 15/2/2014

Horário: 9 horas

Local: AMA – Associação dos Municípios da Araraquarense, avenida das Hortênsias, 301, Jardim Seixas, São José do Rio Preto

Novo presidente da AMA inicia mobilização para a XVII Marcha a Brasília

O novo presidente AMA – Associação de Municípios da Araraquarense, Jurandir Barbosa de Morais (Jura), prefeito de Nova Aliança, inicia esta semana uma grande mobilização para que os prefeitos da região participem, em peso, da XVII Marcha a Brasília, que acontece de 12 a 15 de maio. “O Estado de São Paulo tem de se engajar nas causas municipalistas e nossa região vai dar, este ano, um exemplo de participação. A AMA vai demonstrar, mais uma vez, que está em sintonia com a CNM – Confederação Nacional de Municípios”, diz o novo presidente.

Jura assumiu o cargo no lugar de Eugenio José Zuliani (Geninho), prefeito de Olímpia. A transmissão da presidência aconteceu no último sábado (1/2), quando Geninho se afastou da diretoria da Associação. A mudança na direção da AMA faz parte de um acordo – firmado na sucessão do ex-prefeito de Álvares Florence, Alberto Caires –, que prevê a alternância na presidência no biênio 2013/2014.

Em sua primeira declaração, já como presidente, Jurandir Barbosa anunciou que a data do VIII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista, a ser realizado pela AMA, será de 4 a 6 de junho, deste ano. O local ainda está sendo estudado. “Vamos dar continuidade a esse evento, que é o maior encontro de prefeitos do Noroeste do Estado”, afirma.

Jura diz também que trabalhará para unir os municípios da AMA. “Precisamos de mais união e participação. Vou trabalhar para fortalecer nossa instituição e aumentar nosso poder de negociação junto aos governos do Estado e Federal. Para que isso ocorra, é fundamental a somatória de esforços de todos os prefeitos filiados a nossa Associação”, ressalta.

AACD

Na transmissão do cargo, também ficou acertado que o presidente Jurandir Barbosa dará continuidade às tratativas com a AACD – Associação de Assistência à Criança Deficiente, para equilibrar as contas da entidade. No próximo dia 12, ele e o prefeito Geninho Zuliani se reúnem com a diretoria da Associação para definir como serão feitos os convênios entre municípios da AMA e a AACD.

Atualmente, dos 1.853 pacientes cadastrados na AACD, 1.287 moram nas cidades abrangidas pela AMA. A cidade de São José do Rio Preto, a maior da Associação de Municípios, encaminha 506 pacientes. Dos 607 pacientes em atendimento, 426 são de cidades associadas à AMA, sendo 168 só de Rio Preto. “Toda a região busca tratamento na unidade da AACD de Rio Preto. Nada mais justo que os municípios colaborem na manutenção da instituição”, declara Barbosa.

Despedida

Na sua despedida da presidência da AMA, Geninho fez um balanço da sua gestão e informou que deixa R$ 60 mil no caixa da Associação e mais R$ 20 mil que deverão entrar nos próximos dias. “Com esse dinheiro, a nova diretoria poderá trabalhar com tranquilidade neste ano”, diz Geninho.

Além de falar do sucesso do Congresso da AMA de 2013, realizado em Olímpia, Geninho ressalta que entre as principais conquistas da sua gestão está o fortalecimento das parceiras da AMA com a CNM e a APM – Associação Paulista de Municípios.

“Precisamos fortalecer a luta em defesa das causas municipalistas. Os municípios precisam ser tratados com mais respeito pelos governos do Estado e Federal. Chega de passar o chapéu para pagar as despesas e administrar nossas cidades. A divisão do bolo tributário tem de ser mais justa. O valor dos repasses para os municípios tem de aumentar”, declara Geninho.

AMA lidera movimento para municípios fecharem convênio com a AACD

A AMA – Associação dos Municípios da Araraquarense vai convocar os municípios associados para firmar convênio com a AACD – Associação de Assistência à Criança Deficiente para equilibrar as contas da entidade. “Assumi esse compromisso com a diretoria da AACD e espero nos próximos dias anunciar os primeiros convênios com a associação”, declara o presidente da AMA, Geninho Zuliani, prefeito de Olímpia.

ama-aacd1

Zuliani reuniu-se, nesta quarta-feira (29/1), às 10h30, com a diretoria da unidade de Rio Preto da AACD para discutir a crise financeira que a entidade enfrenta. Ele foi recebido pela presidente Adriane Albuquerque Cirelli e pelo diretor Aluízio Achcar.

O encontro foi programado para colocar a AMA como canal para estabelecer convênios com as cidades associadas e que têm moradores em tratamento na unidade de São José do Rio Preto. “Acredito que se houver a união de todos será possível equilibrar as contas da AACD e impedir a interrupção do tratamento das crianças que procuram a entidade”, afirma Geninho.

Atualmente, a unidade da AACD de Rio Preto é mantida com recursos do SUS – Serviço Único de Saúde, no valor de R$ 10 mil, por mês; da Prefeitura de Rio Preto, no valor de R$ 140 mil mensais; por campanhas de arrecadação; e ajuda de colaboradores. A AACD atende a 257 cidades, de dez estados da Federação. Dessas, 107 cidades são associadas à AMA.

No mês passado, a Prefeitura de Rio Preto, que arca com a maior parte de recursos, ameaçou cortar a verba de manutenção, alegando que os demais municípios que utilizam a entidade não colaboram. “Nós viemos, hoje, conhecer o funcionamento da AACD e de que forma foi definida a sua manutenção”, informa Geninho. “O nosso propósito é colaborar com a AACD. Todos sabem da importância da entidade e do trabalho sério que desenvolve na recuperação de crianças e adultos com deficiências. Ninguém pode ficar alheio ao problema”, afirma.

Atualmente, dos 1.853 pacientes cadastrados na AACD, 1.287 moram nas cidades abrangidas pela AMA. A cidade de Rio Preto, a maior da associação de municípios, encaminha 506 pacientes. Dos 607 pacientes em atendimento, 426 são de cidades associadas à AMA, sendo 168 só de Rio Preto. “Os números demonstram que a maior parte dos pacientes mora em cidades associadas à AMA. Portanto, é nossa obrigação colaborar para que eles continuem sendo atendidos”, declara Geninho.

Ao final da reunião, ficou definido que a AMA reunirá um grupo inicial de prefeituras para assinar os convênios de subvenções com a AACD. A instituição ficou encarregada de levantar os aspectos legais para que os convênios possam ser firmados. “Agendamos uma reunião para o próximo dia 12. Não posso obrigar os prefeitos a destinar recursos para a AACD. Acredito que terei uma boa receptividade e que muitos irão colaborar. Vamos procurar conscientizar todos e certamente na próxima reunião já deveremos ter boas notícias”, diz Geninho.

A AMA é uma associação que reúne 124 municípios do Noroeste do Estado de São Paulo. Tem por finalidade contribuir para a solução dos problemas comuns aos municípios que a compõem.

Geninho participa de mobilização para aumento do FPM, em Brasília

“Se continuar como está, os municípios vão à falência”, diagnosticou o prefeito de Olímpia, Geninho Zuliani, presidente da AMA – Associação dos Municípios da Araraquarense, sobre a gravidade da situação financeira enfrentada pelos municípios da região Noroeste do Estado de São Paulo. Geninho esteve em Brasília ontem, terça-feira (12), participando da Mobilização Permanente, organizada pela Confederação Nacional de Municípios (CNM).

IMG-20131112-WA0004

A pauta é formada pelos projetos de interesse municipalista que tramitam no Congresso Nacional. Em especial o aumento de 2% no repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), previsto na Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 39/2013. “Vamos pressionar os congressistas para a aprovação da PEC e das demais causas municipalistas. É preciso rever, urgentemente, os repasses dos municípios. Não dá para o Governo Federal ficar com praticamente todo o recurso arrecadado nos municípios e as administrações municipais mendigando para fechar suas contas”, disse Zuliani.

Para o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, “a situação não é crítica é desesperadora. Hoje é o dia do tudo ou nada, já se passaram quatro meses da Marcha, onde o governo prometeu medidas para amenizar a crise dos Municípios e até agora não tivemos nada de concreto, apenas reuniões” finalizou o presidente da CNM.

Royalties do petróleo

Prefeitos, vices, secretários e vereadores participam da mobilização. Eles se reuniram, logo pela manhã, no Auditório Petrônio Portela do Senado Federal. Os royalties do petróleo foi o primeiro tema abordado pelo líder municipalista. Ele mostrou o histórico da luta liderada pela CNM no Congresso Nacional para que fosse aprovado um projeto que promovesse uma partilha mais justa dos recursos arrecadados com a exploração do petróleo entre todos os Estado e Municípios no Brasil.

“Se o projeto aprovado pelo Congresso estivesse em vigor, os Municípios teriam contado com uma fonte de recursos a mais neste ano. Só no segundo trimestre deste ano nos [os Municípios] deixamos de receber R$ 1, 8 bilhão. Esse é um valor que poderia estar nos cofres das prefeituras para que não estivessem tão mal”, destacou o presidente da CNM. Ele mostrou quando cada Estado receberia se uma liminar não tivesse suspendido os artigos da lei que previam os novos critérios de distribuição.

Ficou previamente acertado que os prefeitos irão o Supremo Tribunal Federal (STF) protocolar uma moção que solicita a ministra Carmem Lúcia – relatora da matéria no Supremo – celeridade na apreciação da liminar concedida nos autos da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 4917 – royalties oriundos da plataforma continental – que suspende artigos da Lei 12.734/2012, que trata do assunto.

Prefeituras fechadas

O presidente da CNM vai detalhar também sobre o movimento de centenas de prefeituras que foram fechadas em datas diferentes da semana passada. O objetivo do protesto foi alertar o País para a crise que a grande maioria dos Municípios enfrenta.

Pisos salariais

Em sua apresentação, pela manhã, Ziulkoski mencionou os impactos ocorridos no Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e os problemas dos pisos salariais, principalmente o dos professores da educação básica.

A CNM quer mostrar aos congressistas que, apesar de apoiar a definição de pisos, as prefeituras não têm condições de arcar com esses mínimos salariais, sem a devida fonte de financiamento.

Ziulkoski alertou, durante Comissão Geral realizada nesta terça-feira, para a urgência em resolver o critério de reajuste do piso nacional do magistério. Ele destacou que, em janeiro de 2014, caso não seja aprovado um novo critério, haverá o aumento de 19,2% no piso e os gestores municipais não terão condições de arcar. Ele pediu apoio às lideranças a fim de que seja possível votar o recurso do piso do magistério.

Há, no Congresso Nacional pelo menos 11 projetos que criam pisos salariais para diversas categorias. Segundo ele, só os projetos de piso do magistério e dos agentes comunitário de saúde implicariam em R$ 11,5 bilhões aos cofres municipais. “Precisamos ter a solução e tem que ser agora”, disse.

Siga o Diário de Olímpia no Twitter, Facebook e Flickr

Congresso da AMA em Olímpia reuniu 5 mil gestores e encerrou com Aécio Neves

Texto Mateus Carvalho e Fotos Cristiane Gracindo/Leonardo Concon — O VII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista, realizado pela AMA – Associação dos Municípios da Araraquarense, reuniu cerca de 5 mil pessoas no auditório do Thermas dos Laranjais, em Olímpia (SP). Os desafios do municipalismo e a importância da capacitação de gestores foram os principais temas debatidos durante os três dias do evento, de 23 a 25 de outubro. “Foram três dias de sucesso. Os prefeitos, vereadores e secretários da região compareceram em peso ao evento. Discutimos os mais variados temas da administração pública e nossas palestras foram verdadeiras aulas, com os profissionais mais gabaritados de cada setor”, disse o presidente da AMA e prefeito de Olímpia, Geninho Zuliani. Ao todo, 97 prefeitos e 475 vereadores estiveram presentes no Congresso.

aecio-capa

Os senadores Aécio Neves e Aloysio Nunes participaram do encerramento do evento hoje (25/10). Aécio Neves destacou a importância de se fortalecer cada vez mais os municípios, compensando o aumento das despesas com Educação, Saúde e Meio Ambiente. “A presença de tantas lideranças políticas só reforça que precisamos de uma agenda constante de discussões, palestras e debates como este promovido pela AMA”, disse ele.

DSC_7999

Justamente o municipalismo foi o principal assunto discutido no primeiro dia do Congresso (23/10). Participaram da mesa de abertura o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Rodrigo Garcia, representando o governador Geraldo Alckmin, que cancelou a participação no início do Congresso por conta de reunião em Brasília; a secretária de Agricultura e Abastecimento, Mônika Bergamaschi; o presidente do CEPAM – Centro de Estudos e Pesquisas de Administração Municipal, Lobbe Neto; o deputado estadual Itamar Borges; o presidente da APM – Associação Paulista dos Municípios, Celso Giglio; o presidente da Uvesp – União dos Vereadores do Estado de São Paulo, Sebastião Misiara; e o presidente da Câmara Municipal de Olímpia, Beto Puttini.  Também estavam presentes representantes das entidades apoiadoras e patrocinadoras do Congresso.

DSC_7949

“Fortalecer os municípios é fortalecer o País. O Congresso da AMA,  com a abrangência e diversidade de temas apresentados na grade de palestras, é de importância vital na formação dos gestores municipais, que poderão lutar de forma mais eficaz para a autonomia de suas cidades. A sustentabilidade na gestão é sinal de desenvolvimento”, disse o secretário Rodrigo Garcia.

O ex-governador José Serra participou do primeiro dia no VII Congresso da AMA. Ele falou rapidamente ao público sobre a importância deste tipo de encontro e em como cada gestor municipal fica fortalecido ao participar dos debates. José Serra lembrou da época em que foi ministro da Saúde e em como lutou para melhorar os repasses federais, mas ele admitiu que esta balança precisa ser mais e mais equilibrada.

DSC_8054

O ex-governador foi a testemunha de um protocolo de intenções assinado pelo presidente da AMA, Geninho Zuliani, e o SEBRAE-SP, na figura do diretor superintendente Bruno Caetano. O documento propõe um serviço de apoio às micro e pequenas empresas com a regulamentação e a implementação da Lei Geral das microempresas, entre uma série de futuras ações.

Segundo dia

Uma importante união entre Executivo e Legislativo marcou o segundo dia de atividades do VII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista, promovido pela AMA – Associação dos Municípios da Araraquarense, em Olímpia (SP). Cerca de 1,5 mil pessoas participaram das palestras de ontem (24/10), que aconteceram nos dois auditórios do Thermas dos Laranjais. Hoje (25/10), estão previstas palestras com os secretários de Estado do Meio Ambiente, Bruno Covas; de Planejamento, Julio Semeghini; e da Energia, José Aníbal, entre outros painéis. O presidente da AMA, Geninho Zuliani, recebe o senador Aécio Neves no encerramento do evento.

DSC_7881

“Gosto muito de pensar na carreia de um político como um ciclo, uma sucessão de fases. Os bons prefeitos, podem reparar, foram bons vereadores. O exercício do Legislativo gera um bom condutor do Executivo futuramente”, destacou Sebastião Misiara, presidente da Uvesp – União Paulista de Vereadores.

A Uvesp e a ACAMURCA – Associação das Câmaras Municipais da Região de Catanduva realizaram dentro do Congresso da AMA o Encontro Estadual de Vereadores, que acabou rompendo as barreiras entre os dois auditórios do Thermas e “importou” palestrantes dos painéis da AMA. “Esta possibilidade de juntar dos dois públicos é fantástica. Assim que o Misiara nos convidou para dar uma palavra aos vereadores aceitei na hora, assim os vereadores podem saber como gerar renda e incentivar a melhoria da qualidade do emprego e do trabalho em todo o Estado”, disse o secretário estadual do Emprego e Relações do Trabalho, Tadeu Morais de Souza. Juntamente com ele, Antonio Mendonça, do Banco do Povo, deu uma verdadeira aula de como incentivar o pequeno empreendedor.

DSC_7883

As palestras do segundo dia do evento seguiram marcadas pelo cunho de serviço e formação. Fernando Penteado, do Feap – Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista, e Fábio Cristiano Danin Euzébio, do Banco do Brasil, explicaram na palestra da secretaria de Estado da Agricultura como os administradores municipais podem e devem incentivar e divulgar as linhas de crédito para os produtores rurais de suas cidades. “A taxa de juros é zero. O pequeno produtor é valorizado na compra de tratores e implementos”, disse Penteado.

“Toda a nossa grade foi pensada de acordo com as necessidades dos prefeitos, dos vereadores e dos secretários municipais. Conversamos muito, por isso nossas palestras estão bastante diversificadas”, disse o presidente da AMA, Geninho Zuliani.

Homenagem

O comandante dos Bombeiros do Estado de São Paulo, coronel Reginaldo Campos Repulho, recebeu  o título de Cidadão Honorário de Olímpia no segundo dia do VII Congresso da AMA. Durante a solenidade, o presidente da AMA e prefeito de Olímpia, Geninho Zuliani, anunciou a reforma e revitalização do Posto de Atendimento do Corpo de Bombeiros da cidade, além da compra de uma viatura para atendimento de ocorrências.

DSC_7898

 

Um dos nomes mais importantes do País na área de segurança pública e atendimento em emergências, coronel Repulho é líder desde maio de 2012 de uma das mais significativas corporações do Brasil: o Corpo de Bombeiros.

O Decreto Legislativo 335/2013, de autoria do vereador Marco Antonio Parolim de Carvalho, que dispõe sobre a concessão do título de Cidadão Honorário de Olímpia foi aprovado por unanimidade no dia 26 de agosto passado.

O prefeito de Olímpia Geninho Zuliani, que recentemente recebeu a Medalha Comemorativa do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Estado de São Paulo pelos relevantes serviços prestados ao Corpo de Bombeiros e à sociedade paulista, lembrou que Olímpia tem um dos melhores postos de atendimento dos Bombeiros do Estado. “Nossos equipamentos são bem cuidados e temos uma equipe ágil. Recentemente conseguimos mais uma Unidade de Resgate para o atendimento da população.”

O coronel Repulho participou da assinatura do convênio de R$ 169 mil que autoriza a reforma e a revitalização do Posto de Atendimento da unidade do Corpo de Bombeiros de Olímpia. O investimento é fruto da taxa municipal de incêndio. Além disso, o coronel recebeu simbolicamente a entrega das chaves de uma Ford Ranger nova, investimento próprio do município no valor de R$ 125 mil, que será usada no atendimento de emergências no município.

Terceiro dia

O último dia do Congresso da AMA foi marcado pela presença de importantes lideranças políticas nacionais. O secretário do Meio Ambiente, Bruno Covas, participou de painel “Município Verde Azul e Resíduos Sólidos” e destacou a importância entre o diálogo entre os municípios vizinhos. “Cidades pequenas e de médio porte podem e devem buscar soluções em conjunto para a destinação de seus resíduos sólidos”, disse ele.

Duas outras palestras concorridas foram as dos secretários de Estado de Planejamento, Julio Semeghini; e da Energia, José Aníbal, que falaram sobre desenvolvimento regional e qualidade de vida. Semeghini orientou os gestores públicos que não tenham receio de cruzar o Estado e buscar recursos nas mais variadas secretarias do governo estadual. “Temos de estabelecer um constante diálogo, quebrar as barreiras políticas e entender que o desenvolvimento de uma região depende do desenvolvimento de seus municípios”, disse Semeghini.

DSC_8025

A diretoria da AMA prestou homenagem para Maria Ivanete Vetorasso, morta em março deste ano, vítima de um acidente na rodovia Assis Chateaubriand. Ivanete era prefeita de Guapiaçu e foi presidente da AMA. Durante a homenagem, foram destacadas as importantes realizações da colega enquanto comandou a Associação dos Municípios da Araraquarense. “Ela sempre será nossa referência, morreu jovem e ainda com muitos anos de realizações ao nosso lado”, disse o presidente Geninho Zuliani.

O encerramento do VII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista contou com a presença dos senadores Aloysio Nunes e Aécio Neves, além dos deputados federais Carlos Sampaio, Mendes Thame, Duarte Nogueira e os deputados estaduais Orlando Bolçone e Samuel Moreira, presidente da Alesp – Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, entre outras autoridades. “Diante de tantas pessoas importantes. Legisladores, homens comprometidos com o municipalismo, só tenho a pedir que não esqueçam a nossa luta. Convidamos todos os pré-candidatos à presidência do Brasil,”, disse o presidente da AMA, Geninho Zuliani.

DSC_7878

O senador Aécio Neves, no discurso de encerramento, ressaltou o aniquilamento pouco a pouco dos municípios. “Ficamos mais frágeis, a base de nosso País, que é o município. Os municípios são onerados, recebem mais e mais deveres e tarefas e menos e menos repasses e verbas.”

Feira

Mas não é só de palestra que viveu o Congresso. Paralelamente, funcionou uma feira com 40 expositores. Órgãos governamentais, financeiros e fornecedores para as administrações públicas que expuseram seus produtos. “O Congresso é uma ótima oportunidade de contato com os administradores municipais. É o local e o ambiente ideal para a troca de informações, para apresentações de novos produtos e para estreitar relacionamentos”, diz Geninho.

Ainda segundo o presidente, a área para a realização da feira foi planejada para abrigar confortavelmente todos os estandes das empresas parceiras. “A cada ano, mais empresas querem participar do Congresso da AMA, além das que já são cativas. Isso é resultado de investimento em qualidade e do prestígio que o evento adquiriu nos últimos anos. O Thermas disponibilizou um amplo espaço para feira, no sentido de atender as necessidades dos expositores”, explica.

A famosa “Mortadela do Michelão” foi uma das atrações da feira. A atração fez parte do estande da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo. A mortadela de quase quatro metros de comprimento e com cerca de 50 quilos virou um grande sucesso. Foram consumidas duas unidades produzidas especialmente para o Congresso da AMA. Foram servidos mais de 4 mil lanches.

Thermas dos Laranjais

O VII Congresso foi realizado, este ano, no Thermas dos Laranjais, em Olímpia. O local foi definido pela diretoria da AMA por apresentar uma excelente infraestrutura para eventos, com uma ampla rede hoteleira para atender aos participantes. “O Thermas tem investido muito na área de eventos e acaba de inaugurar um auditório para 700 pessoas. O local é todo refrigerado e com uma estrutura de primeiro mundo. Tudo foi pensado para facilitar a vinda dos congressistas, desde a localização, alimentação, transporte, hospedagem até o lazer”, explica Geninho.

DSC_8043

AMA

A AMA reúne 124 municípios do Noroeste do Estado de São Paulo. É, atualmente, a maior associação regional de municípios do Estado de São Paulo. Tem como missão promover a união dos municípios e incentivar o desenvolvimento sustentável do Noroeste de São Paulo, onde se localizam os municípios filiados. A proposta de desenvolvimento regional da AMA prioriza o incentivo às atividades culturais, econômicas e sociais da região, buscando atrair investimentos públicos e privados para projetos que reduzam as desigualdades sociais e promovam o bem-estar dos mais de dois milhões de paulistas que vivem na área de abrangência da associação.

GALERIA DE FOTOS
Clique na imagem abaixo e confira a galeria de imagens deste último dia de 7º Congresso AMA:

flickr-aecio

Aécio Neves encerra o 7º Congresso da AMA nesta sexta em Olímpia

Texto Mateus Carvalho e Fotos Cristiane Gracindo — Uma importante união entre Executivo e Legislativo marcou o segundo dia de atividades do VII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista, promovido pela AMA – Associação dos Municípios da Araraquarense, em Olímpia (SP). Cerca de 1,5 mil pessoas participaram das palestras desta quinta-feira (24), que aconteceram nos dois auditórios do Thermas dos Laranjais.

Aecio-Neves

Nesta quinta-feira (25), estão previstas palestras com os secretários de Estado do Meio Ambiente, Bruno Covas; de Planejamento, Julio Semeghini; e da Energia, José Aníbal, entre outros painéis. O presidente da AMA, Geninho Zuliani, recebe o senador Aécio Neves no encerramento do evento.

 

“Gosto muito de pensar na carreia de um político como um ciclo, uma sucessão de fases. Os bons prefeitos, podem reparar, foram bons vereadores. O exercício do Legislativo gera um bom condutor do Executivo futuramente”, destacou Sebastião Misiara, presidente da Uvesp – União Paulista de Vereadores.

DSC_7365

 

A Uvesp e a ACAMURCA (Associação das Câmaras Municipais da Região de Catanduva) realizaram dentro do Congresso da AMA o Encontro Estadual de Vereadores, que acabou rompendo as barreiras entre os dois auditórios do Thermas e “importou” palestrantes dos painéis da AMA. “Esta possibilidade de juntar dos dois públicos é fantástica. Assim que o Misiara nos convidou para dar uma palavra aos vereadores aceitei na hora, assim os vereadores podem saber como gerar renda e incentivar a melhoria da qualidade do emprego e do trabalho em todo o Estado”, disse o secretário estadual do Emprego e Relações do Trabalho, Tadeu Morais de Souza. Juntamente com ele, Antonio Mendonça, do Banco do Povo, deu uma verdadeira aula de como incentivar o pequeno empreendedor.

DSC_7610

 

As palestras do segundo dia do evento seguiram marcadas pelo cunho de serviço e formação. Fernando Penteado, do Feap – Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista, e Fábio Cristiano Danin Euzébio, do Banco do Brasil, explicaram na palestra da secretaria de Estado da Agricultura como os administradores municipais podem e devem incentivar e divulgar as linhas de crédito para os produtores rurais de suas cidades. “A taxa de juros é zero. O pequeno produtor é valorizado na compra de tratores e implementos”, disse Penteado.

 

“Toda a nossa grade foi pensada de acordo com as necessidades dos prefeitos, dos vereadores e dos secretários municipais. Conversamos muito, por isso nossas palestras estão bastante diversificadas”, disse o presidente da AMA, Geninho Zuliani.

GALERIA DE IMAGENS

Confira as imagens deste segundo dia de Congresso da AMA, clicando abaixo:

flickr-ama-segundo-dia

Comandante-Geral dos Bombeiros recebe Cidadania durante Congresso da AMA

Texto Mateus Carvalho e Fotos Cristiane Gracindo — O Comandante dos Bombeiros do Estado de São Paulo, coronel Reginaldo Campos Repulho, recebeu  o título de Cidadão Honorário de Olímpia na tarde desta quinta-feira (24) no auditório I do Thermas dos Laranjais. Durante a solenidade, o presidente da AMA (Associação de Municípios da Araraquarense) e prefeito de Olímpia, Geninho Zuliani, anunciou a reforma e revitalização do Posto de Atendimento do Corpo de Bombeiros da cidade, além da compra de uma viatura para atendimento de ocorrências.

repulho-capa

Um dos nomes mais importantes do País na área de segurança pública e atendimento em emergências, coronel Repulho é líder desde maio de 2012 de uma das mais significativas corporações do Brasil: o Corpo de Bombeiros.

DSC_7519

O Decreto Legislativo 335/2013, de autoria do vereador Marco Antonio Parolim de Carvalho, que dispõe sobre a concessão do título de Cidadão Honorário de Olímpia, foi aprovado por unanimidade no dia 26 de agosto passado.

DSC_7521

O prefeito de Olímpia Geninho Zuliani, que recentemente recebeu a Medalha Comemorativa do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Estado de São Paulo, pelos relevantes serviços prestados ao Corpo de Bombeiros e à sociedade paulista, lembrou que Olímpia tem um dos melhores postos de atendimento dos Bombeiros do Estado: “Nossos equipamentos são bem cuidados e temos uma equipe ágil. Recentemente conseguimos mais uma Unidade de Resgate para o atendimento da população.”

DSC_7548

O coronel Repulho participou da assinatura do convênio de R$ 169 mil que autoriza a reforma e a revitalização do Posto de Atendimento da unidade do Corpo de Bombeiros de Olímpia. O investimento é fruto da taxa municipal de incêndio. Além disso, o coronel recebeu simbolicamente a entrega das chaves de uma Ford Ranger nova, investimento próprio do município no valor de R$ 125 mil, que será usada no atendimento de emergências no município.

GALERIA DE FOTOS

Clique na imagem abaixo e confira a galeria completa de imagens deste evento:

flickr-coronel

“Mortadela do Michelão” é sucesso no AMA

Por Cristiane Gracindo –  Um dos sabores mais tradicionais da cidade de São Paulo é, sem dúvida, a mortadela. E, quem nasce líder, não se faz. No máximo, se aperfeiçoa. Considerado um ícone do Turismo, o idealizador da “Mortadela do Michelão”, Michel Tuma Ness está representado em Olímpia, no AMA por seu filho Alexandre Tuma Ness, renomado chef de cozinha que hoje comanda o evento e como o pai, muito querido no meio político e social.

10439174766_a9a73a1e91_o

O primeiro evento da “Mortadela do Michelão” , foi realizado durante o 18 º Work Shop CVC, patrocinando pela Tur SP, empresa que acreditou no sucesso do mesmo.

Depois disto, outras empresas e órgãos públicos ligados ao Turismo, também colocaram em seus estandes, a famosa Mortadela Ceratti. Milhares de pessoas participantes destes encontros degustam Brasil a fora a iguaria.

Feijao-amigoA título de curiosidade, abaixo alguns números que atestam o primeiro ano de sucesso da “Mortadela do Michelão”.: 31 eventos realizados;  2900 quilos consumidos da Mortadela Ceratti; 47000 sanduiches servidos;  50.000 aperitivos de mortadela; e, 120.000 pessoas participantes (estimado).

Michel Tuma Ness ( 71), é referência do Turismo. Nascido de pais libaneses, na cidade de Poá, SP, há 42 anos atua no mercado turístico. Por 30 anos dirigiu a Status Operadora de Turismo, fundada por ele em 1970.

É popular e carinhosamente chamado “Michelão” pelos seus 2 metros de altura, ou melhor, pelo seu grande coração (fato este citado em toda mídia nacional) .

Atualmente, é presidente da Federação Nacional do Turismo – FENACTUR, Vice-Presidente da Confederação Nacional do Turismo – CNTur, Presidente Fundador do Clube do Feijão Amigo, outro grande sucesso no meio político, e membro titular do Conselho Nacional de Turismo, criado por ato da Presidência da República e ligado ao Ministério do Turismo.

É figura tão popular nos meios turísticos brasileiro e internacional, que basta a mera citação de seu nome, para a palavra Turismo, vir à mente. Não há, junto ao trade, quem não o conheça. É cidadão honorário de quase todos os Estados do Brasil.

Michelão é casado com Irene Fátima de Carvalho Ness, têm 03 filhos, Alexandre, Fábio e Marcello, 05 netos e suas grandes paixões, além de sua família, são o Turismo, o Clube do Feijão Amigo, sua coleção de pimentas e a Mortadela Ceratti.

Saindo das atitudes contemplativas, o Michelão aliou-se a seu outro filho Marcello e abriu uma comunidade terapêutica no município de Monte Alegre do Sul, Circuito das Águas, (SP) distante 135 Km de São Paulo, com fácil acesso pela Rodovia Fernão Dias.

Instalada numa área de 60.000 metros, a comunidade proporciona contato direto com a natureza, em meio a montanhas, rios e lagos, compondo um lugar ideal para as melhores condições de tratamento de dependentes químicos.

Possui ainda excelentes acomodações com 20 apartamentos e estrutura geral que atende plenamente as normas determinadas pelas autoridades do setor, FEBRACT – Federação Brasileira das Comunidades Terapêuticas e ANVISA. Oferece também grande espaço poli esportivo com piscinas, várias quadras e múltiplas atividades físicas e ocupacionais.

Marcello Tuma Ness é o superintendente da comunidade, liderando a equipe de profissionais terapêuticos, que reúne médicos psiquiatras, psicólogos, fisioterapeutas, enfermeiros e nutricionistas todos altamente qualificados, experientes, treinados em métodos e técnicas atualizadas neste tipo de terapêutica.

Congresso da AMA promove encontro estadual de vereadores no Thermas

Prossegue nesta quinta-feira (24) o 7º Congresso de Municípios do Noroeste Paulista, promovido pela AMA (Associação dos Municípios da Araraquarense), nos auditórios do Thermas dos Laranjais, em Olímpia. Desta vez, com o Encontro Estadual de Vereadores, com a presença do secretário de Emprego e Relações do Trabalho, Tadeu Morais de Souza, e com o coordenador executivo do Banco do Povo, Antônio Mendonça, com o tema “Emprego, Trabalho e Empreendedorismo”.

painel-SERT-capa

Além das 14 secretarias de Estado participantes, o Congresso conta com o apoio do Sebrae/SP – Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de São Paulo, CIEE – Centro de Integração Empresa-Escola, Via Encosta – Engenharia Ambiental, Bradesco, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Desenvolve SP – Agência de Desenvolvimento Paulista.

DSC_7377

Este Encontro Estadual de Vereadores ocorre em parceria com a Uvesp – União Paulista de Vereadores e ACAMURCA – Associação das Câmaras Municipais da Região de Catanduva. São esperados 600 vereadores do Estado de São Paulo.

DSC_7393

BANCO DO POVO PARA COHABs

Em entrevista, o secretário Tadeu Morais de Souza anunciou que o Banco do Povo, em breve, além de oferecer crédito fácil, e subsidiado com juros baixos e maior acessibilidade, em breve também essa facilidade será oferecida para moradores das Cohabs.

DSC_7400

O crédito servirá para reforma ou ampliação de residências, a exemplo do que já ocorre para mutuários da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional Urbano).

DSC_7373

DSC_7380

DSC_7388

DSC_7391

DSC_7401

José Serra assina com Geninho e Sebrae-SP ações em favor das microempresas

A visita do ex-governador José Serra foi uma surpresa na tarde do primeiro dia no VII Congresso da AMA, no Thermas dos Laranjais, em Olímpia, sendo recebido pelo presidente da entidade, prefeito Geninho Zuliani. Fotos Cristiane Gracindo

serra-capa

Ele falou rapidamente ao público sobre a importância desse tipo de encontro e em como cada gestor municipal fica fortalecido ao participar dos debates. Serra também lembrou da época em que foi ministro da Saúde e em como lutou para melhorar os repasses federais, mas ele admitiu que esta balança precisa ser mais e mais equilibrada.

DSC_7261

Por fim, o ex-governador foi a testemunha de um protocolo de intenções assinado pelo presidente da AMA, Geninho Zuliani, e o SEBRAE-SP, na figura do diretor superintendente Bruno Caetano. O documento propõe um serviço de apoio às micro e pequenas empresas com a regulamentação e a implementação da Lei Geral das microempresas, entre uma série de futuras ações.

DSC_7299

SERRA E O ‘CARTEL DE LIBRA’

O ex-governador usou a palavra cartel para se referir à ausência de concorrentes no leilão do campo de Libra do pré-sal, comandado pelo governo federal na segunda-feira (21). Ele também criticou a condução do governo na concorrência e disse que o pronunciamento da presidente Dilma Rousseff em cadeia de TV e rádio teve objetivo apenas "publicitário".

"Leilão implica concorrência. Não teve concorrência, teve um participante só", disse. "Na verdade, o que houve aí [leilão] foi para atender um cartel que eles mesmos [governo federal] organizaram", afirmou, a jornalistas, após discursar no 7º Congresso de Municípios do Noroeste Paulista realizado pela AMA (Associação dos Municípios da Araraquarense).

DSC_7313

Também nesta quarta-feira, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), se posicionou sobre o leilão. Porém, sua opinião foi diferente da declarada por Serra. Ele disse que o leilão de Libra foi um avanço. Já o senador Aécio Neves (PSDB-MG), provável adversário da presidente Dilma Rousseff nas eleições de 2014, considerou o leilão um fracasso.

Perguntado por jornalistas sobre o termo cartel, Serra afirmou que a palavra foi usada para expressar a formação de um grupo econômico, segundo ele, sem relação criminal ou comparação com a denúncia de formação de cartel liderada pela Siemens no caso dos trens da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos).

DSC_7315

"É uma denominação geral. O Brasil está cheio de cartel: dos bancos, fornecedores, da imprensa", disse. "Foi uma confusão [leilão] como nunca vi na vida, com um único objetivo, publicitário, de confundir as pessoas uma vez que o leilão fracassou", completou.

Ele afirmou que refez as contas apresentadas pela presidente Dilma Rousseff sobre as receitas da exploração do petróleo e que o percentual cai de 85% para 75%. "Enfim, foi uma grande salada russa com números, com a manipulação para conquistar votos. Dá 75% na melhor das hipóteses", disse.

CRÍTICAS À SAÚDE

Serra, que foi ministro da Saúde no governo FHC, também criticou o financiamento dos serviços de saúde feito pelo governo federal aos municípios brasileiros. Disse que desde 2002 a União reduziu sua participação de 53% para 45% nos custos com a saúde de Estados e municípios.

DSC_7287

O tucano afirmou que ações como as UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) recebem apenas dinheiro do governo federal para a construção, ficando grande parte dos encargos sob responsabilidade dos municípios. Segundo ele, as UPAs são uma cópia das AMAs (Assistência Médica Ambulatorial).

Ainda segundo ele, o governo federal faz "generosidade com metade do chapéu alheio", em referência as isenções tributárias, como de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), que impactam nos cofres municipais por causa da redução no FPM (Fundo de Participação dos Municípios). – Com Folha de S.Paulo (Ribeirão)

GALERIA DE FOTOS

Clique na imagem abaixo e confira a galeria de imagens:

FLICKR-JOSE-SERRA

José Serra confirma presença na abertura do Congresso da AMA

O ex-governador e ex-prefeito de São Paulo, José Serra (PSDB), participa da abertura do 7º Congresso da AMA, em Olímpia, no Thermas dos Laranjais. O deputado federal licenciado, secretário do Desenvolvimento Econômico, Rodrigo Garcia (DEM), representa o governador Geraldo Alckmin (PSDB), que não pode estar presente. Fotos Leonardo Concon e Cristiane Gracindo

jose-serra

A presença de Serra foi confirmada pelo prefeito Geninho Zuliani (DEM), presidente da AMA, devendo chegar por volta das 14h.

DSC_9177

Promovido pela AMA – Associação dos Municípios de Araraquarense, que congrega 124 municípios da região, o evento segue até o dia 25 de outubro. De acordo com os organizadores, a proposta é colocar em discussão os novos desafios enfrentados pela administração pública, com o tema “Municipalismo – Desafios e Soluções”.

DSC_9176

O auditório está totalmente tomado. Jornalistas de toda a região, e da capital paulista, cobrem o evento. O salão social do Thermas está totalmente ocupado por estandes de entidades representativas dos municípios, do governo, agências bancárias e até da Santa Casa de Olímpia, mostrando os seus serviços.

DSC_9175

Neste momento, o Congresso apresenta os oradores da mesa principal. O deputado licenciado Rodrigo Garcia (DEM) representa o governador Geraldo Alckmin, que não pode estar presente nesta abertura. A secretária de Agricultura e Abastecimento Mônika Bergamaschi, também participa da cerimônia de abertura, ao lado de diversas autoridades do governo e autarquias do Estado.

DSC_9173

Aliás, nesta quinta-feira (24), a Secretaria de Agricultura e Abastecimento participa de um painel com o tema ‘Linhas de Créditos, Seguro Rural, Programas Pró-Trator e Pró-Implemento (juros zero)’, ministrada pelo secretário-executivo do Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista – FEAP, Fernando Aluizio Pontes de Oliveira Penteado.

DSC_9175

Na ocasião, Fernando apresentará o FEAP, um fundo do Governo que fortalece e apóia o desenvolvimento dos produtores rurais, pescadores artesanais, suas cooperativas e associações com linhas de crédito para diversas atividades agropecuárias, subvenção do prêmio de seguros rurais e taxas de juros.

DSC_9179

Durante todos os dias do evento, a Secretaria apresentará em seu estande projetos que podem ser implantados por meio de convênios com as prefeituras e entidades privadas sem fins lucrativos, como o Hortalimento e o Cozinhalimento.

DSC_9175

O projeto Hortalimento, que contará com exposição de estufa modelo, tem o objetivo de levar alimentação adequada e de elevado valor nutritivo à população de baixa renda, atuando de forma permanente e sustentável, com a instalação de hortas convencionais ou hidropônicas.

DSC_9192

Já o projeto Cozinhalimento contempla a transferência de recursos orçamentários para aquisição de equipamentos para a instalação de cozinhas piloto experimentais.

DSC_9194

DSC_9196

AUTORIDADES PRESENTES

Fazem parte, entre outras, as seguintes autoridades neste Congresso da AMA:

– O secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia e deputado federal, RODRIGO GARCIA, que neste ato representa o governador do Estado de São Paulo, GERALDO ALCKMIN

– O presidente da AMA e prefeito de Olímpia, GENINHO ZULIANI

– O secretário de Estado do Emprego e Relações do Trabalho, TADEU MORAIS DE SOUZA

– A Secretária de Estado da Agricultura e Abastecimento, MÔNIKA BERGAMASCHI

– O Diretor de Marketing da TUR SP – Sr ORLANDO DE SOUZA aqui representando o Secretário de Turismo CLAUDIO VALVERDE

– O deputado estadual ITAMAR BORGES

– O deputado estadual, Carlão Pignatari

– O deputado estadual ORLANDO BOLÇONE

– O deputado estadual SEBASTIÃO SANTOS

– O representante da CNM – Confederação Nacional de Municípios

– O vice-presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo e presidente da APM – Associação Paulista de Municípios, CELSO GIGLIO, que neste ato representa todos os prefeitos presentes

– O presidente da UVESP – União dos Vereadores do Estado de São Paulo, SEBASTIÃO MISIARA, que neste ato representa todos os vereadores presentes

– O presidente da Fundação Prefeito Faria Lima – CEPAM, deputado LOBBE NETO, que neste ato também representa o Secretário de Planejamento Julio Semeghini

– O Diretor de Atendimento Habitacional da CDHU, Sr Guaracy Monteiro, representando o Secretário de Habitação Silvio Torres

– o Diretor da Empresa Via Encosta Sr Felipe Cavalcanti

– O superintendente da Caixa Econômica Federal em São José do Rio Preto, FERNANDO TADEU DA COSTAS PASSOS

– o Superintendente Regional de Varejo do Banco do Brasil, Sr FERNANDO MIRON DE OLIVEIRA

– O regional do Bradesco, Luiz Antonio Rocha

– O representante do Desenvolve SP, Nadson Xavier Soares, Gerente de Setor Público

– O supervisor regional do CIEE – Centro de Integração Empresa Escola, NEI GODOY

– O diretor estadual do Banco do Povo Paulista, ANTÔNIO MENDONÇA

– O vice-presidente da AMA e prefeito de Nova Aliança, JURANDIR BARBOSA DE MORAIS representando a diretoria executiva da AMA.

– o Prefeito de Catanduva Sr Geraldo Vinholi, representando os Coordenadores de Assuntos Intermunicipais da AMA.

– a Prefeita de Nova Granada Ana Célia Arroyo Salvador, representando o Conselho fiscal da AMA.

– O presidente da ACAMURCA – Associação das Câmaras Municipais da Região de Catanduva, MARCOS PAGLIUSO

– O presidente da Câmara Municipal de Olímpia, BETO PUTTINI

– O diretor do Thermas dos Laranjais, SELIM JAMIL MURAD, representando o Presidente do Clube Sr Benito Benatti.

Congresso da AMA reúne 14 Secretarias de Estado e centenas de lideranças

A AMA – Associação de Municípios da Araraquarense realiza, a partir desta quarta à sexta-feira (23 a 25), nos Thermas dos Laranjais, em Olímpia, o VII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista. Fotos Cristiane Gracindo e Leonardo Concon (confira logo abaixo)

DSC_9153

Este ano, a entidade priorizou temas que tem provocado muitas preocupações entre os gestores municipais, segundo destaca o seu presidente, prefeito Geninho Zuliani (DEM), de Olímpia. "Este ano o nosso Congresso está com uma grade mais robusta e mais interessante. As mudanças, claro, são sempre para melhor. Espero que nosso encontro sirva para a capacitação de prefeitos, vereadores e gestores públicos", disse.

DSC_9164

Está confirmada a participação de 14 Sede oito secretários de Estado e do senador mineiro Aécio Neves. Além disso, o Congresso conta com o apoio do Sebrae-SP (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de SP), CIEE (Centro de Integração Empresa Escola), Via Encosta – Engenharia Ambiental, Bradesco, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Desenvolve SP – Agência de Desenvolvimento Paulista.

DSC_7151

Este ano, o Congresso também conta com a participação da CNM – Confederação Nacional dos Municípios, da APM – Associação Paulista dos Municípios e da UVESP – Associação dos Vereadores do Estado de São Paulo.

DSC_7175

GALERIA DE FOTOS

Clique na imagem abaixo para conferir mais fotos deste evento, neste primeiro dia:

flickr-abertura

Conheça a programação do VII Congresso de Municípios dos Noroeste Paulista (clique para ampliar):

programa-ama

Congresso de Municípios da AMA espera mais de 600 vereadores, dia 24

São esperados mais de 600 vereadores do Estado de São Paulo no VII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista. Eles irão participar do Encontro Estadual de Vereadores no próximo dia 24, no Auditório II do Thermas dos Laranjais, em Olímpia, em uma realização conjunta da AMA – Associação de Municípios da Araraquarense, Uvesp – União Paulista de Vereadores e ACAMURCA – Associação das Câmaras Municipais da Região de Catanduva.

misiara-geninho

“Essa parceria com a Uvesp e a ACAMURCA fortalece, ainda mais, o nosso Congresso. Nos anteriores, o foco foi a gestão municipal. Estamos abrindo a discussão, trazendo para o nosso Congresso os legisladores municipais”, afirma Geninho Zuliani, presidente da AMA e prefeito de Olímpia.

O Encontro de Vereadores será realizado no auditório II, durante todo o dia 24 de outubro, no Centro de Eventos do Thermas dos Laranjais. Temas como “O Papel do Vereador”, “Processo Legislativo e Consolidação das Leis”, “Qual o Papel das Câmaras Municipais?” e “Transparência: Uma Obrigação dos Poderes Públicos”, entre outros, serão debatidos durante o Encontro. “Os vereadores vão discutir o papel das câmaras municipais e de que forma elas podem contribuir para a melhoria da qualidade de vida da população”, explica Sebastião Misiara, presidente da Uvesp.

Para os vereadores, o Encontro é uma oportunidade para analisar o atual contexto político, econômico e administrativo que os municípios e o País vivem. “É uma forma de contribuir para um fortalecimento cada vez maior das câmaras municipais”, ressalta.

Misiara destaca ainda a importância da parceria com a AMA. “As duas entidades têm os mesmos objetivos: o fortalecimento do município, a reforma tributária e a diminuição das obrigações municipais, que cabem aos governos maiores. É preciso cada vez mais unir forças para que esses objetivos sejam atingidos”, ressalta.

Para Sebastião Misiara, o presidente da AMA, Geninho Zuliani, é uma revelação em termos administrativos e está dando uma nova dinâmica ao Congresso de Municípios do Noroeste Paulista. “Ele reúne os princípios fundamentais de uma boa atuação, vontade política, visão solidária e visão estratégica. A AMA é a mais atuante entidade regional na atualidade”, afirma.

A Uvesp é uma entidade civil de direito privado, sem fins lucrativos e com independência partidária. Foi fundada em 1977 e reúne quase 7 mil vereadores em todo o Estado de São Paulo.

O Congresso

A AMA – Associação dos Municípios da Araraquarense realiza de 23 a 25 de outubro, no Thermas dos Laranjais, em Olímpia, o VII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista, com o tema “Municipalismo – Desafios e Soluções”. A proposta é colocar em discussão os novos desafios, enfrentados pela administração pública, sem deixar de lado antigos problemas. A questão da iluminação pública, do tratamento dos resíduos sólidos, a queda nos repasses e o pacto federativo serão alguns dos assuntos abordados e discutidas as soluções com especialistas.

O VII Congresso será realizado, pela primeira vez, em Olímpia, no Thermas dos Laranjais. O local está sendo adaptado para a sua realização. Foi construído um auditório para 700 pessoas. Existe um amplo espaço para os expositores, restaurantes, além de toda a infraestrutura do Thermas, como um grande parque aquático, com águas termais, e uma rede de hotéis em seu entorno.

Site do Congresso da AMA no Thermas está no ar

O site do VII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista, que será realizado em Olímpia no final deste mês, já está no ar. Ele traz informações detalhadas sobre o evento, como a programação, o mapa dos estandes dos expositores, as últimas notícias, fotos e muitas novidades.

O endereço é congressoama.wix.com/congresso2013. O site também pode ser acessado pelo portal da AMA – Associação dos Municípios da Araraquarense, pelo endereço www.amasp.com.br. Na página principal do portal, tem um banner que remete para o site do Congresso. O VII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista acontece de 23 a 25 de outubro, no Thermas dos Laranjais, em Olímpia.

“Tudo foi planejado para facilitar a presença dos participantes do Congresso. O site traz praticamente todas as informações necessárias para quem quer vir a Olímpia participar do evento. Ele é fácil de navegar, interativo e linkado nas principais redes sociais”, declara o presidente da AMA, Geninho Zuliani, prefeito de Olímpia.

Segundo o jornalista Ruy Sampaio, coordenador de Comunicação do Congresso, o site é um canal de comunicação direto tanto com os palestrantes, como com os gestores municipais, organizadores e o público. “O site é atualizado a todo instante. O público acompanha, praticamente em tempo real, tudo o que está acontecendo”, diz Sampaio.

O site do VII Congresso apresenta o evento, traz informações de utilidade pública, curiosidades, mapas e informações sobre as personalidades que passarão pelo Thermas dos Laranjais nos três dias do evento. Nele, também é possível navegar pelas redes sociais: Facebook, Flickr, YouTube e Twitter.

VII Congresso

A AMA realiza de 23 a 25 de outubro, no Thermas dos Laranjais, em Olímpia, o VII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista, com o tema “Municipalismo – Desafios e Soluções”. A proposta é colocar em discussão os novos desafios, enfrentados pela administração pública, mas sem deixar de lado antigos problemas. A questão da iluminação pública, do tratamento dos resíduos sólidos, a queda nos repasses e o pacto federativo serão alguns dos assuntos abordados e discutidas as soluções com especialistas.

O VII Congresso será realizado, pela primeira vez, em Olímpia, no Thermas dos Laranjais. O local está sendo adaptado para a realização do Congresso. Foi construído um auditório para 700 pessoas. Existe um amplo espaço para os expositores, restaurantes, além de toda a infraestrutura do Thermas, como um grande parque aquático, com águas termais, e uma rede de hotéis em seu entorno.

convite