Estoque de sangue está crítico e doadores serão bem-vindos

Publicado em 06 de setembro de 2015 às 22h44
Atualizado em 06 de setembro de 2015 às 22h45

A unidade de hemoterapia de Olímpia pede, mais uma vez, socorro aos doadores voluntários de sangue. Segundo revela a agente captadora Edrene Martins da Silva, ao Diário, “o nosso estoque encontra-se abaixo do esperado”.

hemocentro

“Pedimos, encarecidamente, por caridade, que a população venha a colaborar conosco mais uma vez, doando sangue, vital para tantas vidas que dele necessitam”, acrescenta Edrene.

Segundo a agente explica, “esta é uma época do ano crítica em que os estoques em todas as Unidades ficam abaixo do nível de segurança, inclusive a de Olímpia, e não podemos deixar isso acontecer”.

Cada paciente, transfusão ou acidentados, segundo ela, necessita, geralmente, de mais uma bolsa de sangue em um procedimento hospitalar.

doar-sangue1

E, como todos sabem, não existe nenhum substituto para o sangue.

A Unidade também faz o cadastramento de doação de Medula Óssea.

O doador deve estar em boas condições de saúde, descansado (ter dormido, no mínimo, seis horas) e alimentado. Os voluntários não devem ter consumido alimentos gordurosos até quatro horas antes da doação e nem ter consumido bebida alcoólica nas 12 horas anteriores. Não pode doar sangue quem teve hepatite após os 10 anos de idade, é usuário de drogas injetáveis ou é portador de hepatite B, hepatite C ou Aids.

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

A Unidade de Hemoterapia (conhecida popularmente como ‘hemocentro’) funciona das 7h ao meio dia, de terça a sábado.

E é fácil de ser encontrada: ao lado da Santa Casa local, na rua Síria, 190.

Dúvidas? Ligue (17) 3281-9080.

Assunto(s): ,

Leia também:

Faça um comentário