IMG_2750.JPG

Bruna Arantes consegue repercutir campanha de bebê queimado na região

Diarioweb – A campanha de arrecadação de leite e fraldas para o bebê João Eduardo, de um ano e sete meses, que tem 37% do corpo com queimaduras de segundo grau, chegou às redes sociais e em uma semana teve 1.586 compartilhamentos.

IMG_2750.JPG

A campanha tomou proporções que nem mesmo os organizadores imaginavam, já que em sete dias doações começaram a surgir de toda região, inclusive de e Catanduva, onde o bebê está internado há 29 dias na Unidade de Queimados do Hospital Padre Albino.

IMG_2754.JPG

A comerciante Bruna Arantes de 26 anos (foto) foi a responsável pela divulgação da foto com mais de mil compartilhamentos. Ela conta que viu no Facebook de uma moradora da cidade a situação e resolveu colaborar com a família, moradora de Olímpia. “Tenho uma filha de dois anos e quatro meses e é impossível não se sensibilizar com a história. Coloquei na minha página, marquei alguns amigos para ajudar e a campanha tomou uma proporção muito maior do que esperava”, afirma Bruna.

À medida em que a campanha foi ganhando proporção, Bruna entrou em contato direto com o pai da criança, Joou Marcos dos Santos, de 30 anos, que é quem acompanha João Eduardo no hospital. A mulher dele, Samara Cristina Cristópoles dos Santos, de 22 anos, é surda-muda, está grávida de oito meses e não pode acompanhar o filho. Eles também são pais de uma menina de quatro anos.

Questão de segundos

Santos diz que o acidente com o filho ocorreu rapidamente. “Minha esposa estava lavando louças. Eu estava brincando com o João Eduardo na sala e fui ao banheiro. Acredito que ele pegou a vassoura e foi até a cozinha e, brincando, atingiu o cabo da panela com água quente, que caiu em cima dele”.

“Quando voltei vi minha mulher desesperada, tentando lavar o bebê com água em temperatura ambiente. Levamos o João até a Unidade de Pronto Atendimento de Olímpia e quando chegamos lá vi que toda sua pele ficou colada na minha camiseta”, diz o pai. Santos relata que não sabia da campanha até Bruna procurá-lo. “Ela é um anjo nas nossas vidas, ainda mais agora que estou desempregado. Perdi o emprego devido à quantidade de dias em que não fui trabalhar e a empresa não aceitou meu atestado. Pago aluguel, tenho mais uma filha que está para nascer. A ajuda dela e dos amigos dela é muito bem-vinda. Graças a Deus ainda existem pessoas solidárias”, afirma.

O bebê está entrando na segunda etapa do tratamento, que, segundo Santos, é a mais demorada. Ele ainda se alimenta por uma sonda, está com anemia e infecção de urina. “Agora ele vai começar a se alimentar com antibióticos, para depois passar por raspagem em partes do corpo queimadas, como no pescoço e no bumbum, que foram mais atingidas”, diz Santos.

Segundo o Hospital Padre Albino, o bebê deu entrada na Unidade de Tratamento para Queimados no dia 3 de agosto, com 37% da área do corpo com queimaduras de 2º grau no tórax, membros superiores e inferiores. “ Ele se encontra consciente e orientado e está internado na enfermaria para cuidados médicos. O hospital está dando todo o suporte médico e assistencial para a criança”, informa o comunicado do hospital.

Ponto de coleta

Um dos pontos de coleta para quem quiser ajudar o João Eduardo é rua David de Oliveira, 1259. Também podem ser feitas doações diretamente para o pai dele, no Hospital Padre Albino.

IMG_2752.JPG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *