Urnas de Olímpia e comarca começam a ser preparadas e lacradas a partir de quinta-feira

Publicado em 23 de setembro de 2014 às 16h14
Atualizado em 24 de setembro de 2014 às 13h24

O cartório da 80ª Zona Eleitoral que compreende os municípios de Olímpia, Severínia, Altair, Guaraci, Cajobi e Embaúba, inicia na quinta-feira (25) o ritual de lacração das urnas das 202 secções, incluindo as urnas de contingência. Esse ritual estende-se até o dia 2 de outubro, três dias antes do pleito. A juíza eleitoral Maria de Almeida Gama Matioli deverá presenciar, em qualquer momento do expediente, essa cerimônia.

urna-eletronica

Neste processo, as urnas serão ‘inseminadas’ – ou seja, será gerada mídia com a relação de todos os candidatos a presidente da República, Senadores, Deputados Federais e Estaduais, Governadores, em cada uma das urnas, segundo esclarece a chefe do Cartório local Maria Batista dos Anjos.

Finalmente, serão zeradas e lacradas, prontas para o pleito de 5 de outubro, em que os eleitores brasileiros são obrigados a votar, ou justificar, das 8h às 17h.

Na comarca de Olímpia, estão aptos ao voto 74.127 eleitores, em 27 locais de votação, 202 secções.

Em Olímpia, são 39.642 eleitores aptos ao voto, 2.068 tiveram os títulos eleitorais cancelados e 429 suspensos.

Em Severínia, são 12.429 eleitores aptos, 662 foram cancelados e 87 suspensos.

Em Guaraci, são9 8.469 eleitores aptos, 485 suspensos e 112 suspensos.

Em Cajobi, são 8.047 eleitores aptos, 396 cancelados e 46 suspensos.

Em Altair, são 3.091 eleitores aptos, 167 cancelados e 26 suspensos.

Finalmente, em Embaúba, são 2.449 eleitores aptos, 112 cancelados e 11 suspensos.

Nesse período, até o pleito, não é mais possível regularizar a situação eleitoral.

CARTILHA I
O Tribunal Superior Eleitoral tomou uma série de iniciativas para conscientizar o eleitorado brasileiro.

Além das campanhas publicitárias veiculadas em emissoras de rádio e TV, lançadas para despertar nos cidadãos a consciência sobre importância do voto e do ato de votar, a Escola Judiciária Eleitoral do TSE também lançou a Cartilha do Eleitor Consciente.

CARTILHA II

O objetivo da cartilha é esclarecer o eleitor e tirar suas dúvidas sobre o processo eleitoral, bem como incentivar a escolha consciente dos candidatos.

A cartilha foi organizada no formato de perguntas e respostas, por meio das quais o eleitor poderá se informar sobre o processo eleitoral.

Assunto(s):

Leia também:

2 comentários

  1. paulo disse:

    Gostaria de saber se essas urnas eletronicas são confiáveis?

Faça um comentário