Novo presidente da AMA inicia mobilização para a XVII Marcha a Brasília

Publicado em 03 de fevereiro de 2014 às 15h30
Atualizado em 03 de fevereiro de 2014 às 15h35

O novo presidente AMA – Associação de Municípios da Araraquarense, Jurandir Barbosa de Morais (Jura), prefeito de Nova Aliança, inicia esta semana uma grande mobilização para que os prefeitos da região participem, em peso, da XVII Marcha a Brasília, que acontece de 12 a 15 de maio. “O Estado de São Paulo tem de se engajar nas causas municipalistas e nossa região vai dar, este ano, um exemplo de participação. A AMA vai demonstrar, mais uma vez, que está em sintonia com a CNM – Confederação Nacional de Municípios”, diz o novo presidente.

Jura assumiu o cargo no lugar de Eugenio José Zuliani (Geninho), prefeito de Olímpia. A transmissão da presidência aconteceu no último sábado (1/2), quando Geninho se afastou da diretoria da Associação. A mudança na direção da AMA faz parte de um acordo – firmado na sucessão do ex-prefeito de Álvares Florence, Alberto Caires –, que prevê a alternância na presidência no biênio 2013/2014.

Em sua primeira declaração, já como presidente, Jurandir Barbosa anunciou que a data do VIII Congresso de Municípios do Noroeste Paulista, a ser realizado pela AMA, será de 4 a 6 de junho, deste ano. O local ainda está sendo estudado. “Vamos dar continuidade a esse evento, que é o maior encontro de prefeitos do Noroeste do Estado”, afirma.

Jura diz também que trabalhará para unir os municípios da AMA. “Precisamos de mais união e participação. Vou trabalhar para fortalecer nossa instituição e aumentar nosso poder de negociação junto aos governos do Estado e Federal. Para que isso ocorra, é fundamental a somatória de esforços de todos os prefeitos filiados a nossa Associação”, ressalta.

AACD

Na transmissão do cargo, também ficou acertado que o presidente Jurandir Barbosa dará continuidade às tratativas com a AACD – Associação de Assistência à Criança Deficiente, para equilibrar as contas da entidade. No próximo dia 12, ele e o prefeito Geninho Zuliani se reúnem com a diretoria da Associação para definir como serão feitos os convênios entre municípios da AMA e a AACD.

Atualmente, dos 1.853 pacientes cadastrados na AACD, 1.287 moram nas cidades abrangidas pela AMA. A cidade de São José do Rio Preto, a maior da Associação de Municípios, encaminha 506 pacientes. Dos 607 pacientes em atendimento, 426 são de cidades associadas à AMA, sendo 168 só de Rio Preto. “Toda a região busca tratamento na unidade da AACD de Rio Preto. Nada mais justo que os municípios colaborem na manutenção da instituição”, declara Barbosa.

Despedida

Na sua despedida da presidência da AMA, Geninho fez um balanço da sua gestão e informou que deixa R$ 60 mil no caixa da Associação e mais R$ 20 mil que deverão entrar nos próximos dias. “Com esse dinheiro, a nova diretoria poderá trabalhar com tranquilidade neste ano”, diz Geninho.

Além de falar do sucesso do Congresso da AMA de 2013, realizado em Olímpia, Geninho ressalta que entre as principais conquistas da sua gestão está o fortalecimento das parceiras da AMA com a CNM e a APM – Associação Paulista de Municípios.

“Precisamos fortalecer a luta em defesa das causas municipalistas. Os municípios precisam ser tratados com mais respeito pelos governos do Estado e Federal. Chega de passar o chapéu para pagar as despesas e administrar nossas cidades. A divisão do bolo tributário tem de ser mais justa. O valor dos repasses para os municípios tem de aumentar”, declara Geninho.

Assunto(s):

Leia também:

Faça um comentário