Da série ‘Herança Maldita’: Bontur vai para R$ 1,80 a partir de novembro graças a Carneiro

Publicado em 23 de outubro de 2009 às 22h40
Atualizado em 02 de dezembro de 2009 às 22h52

Contra a vontade do prefeito Geninho Zuliani (DEM), mas por força de decreto assinado pelo seu antecessor, Luiz Fernando Carneiro (PMDB), as passagens do transporte urbano de Olímpia sofrerão reajuste de 20%, passando a custar, o bilhete comum, de R$ 1,50 para R$ 1,80 a partir de 1° de novembro. “Eu não assinei aumento nenhum”, justificou-se o prefeito para este blog hoje à tarde, após o anúncio ser feito na Rádio Menina AM ‘jogando a culpa’ nele. Para Ribeiro dos Santos, R$ 2,20, e para Baguaçú R$ 2,70.

“A Bontur já tinha obtido a autorização do reajuste com o ex-prefeito Carneiro, mas não o aplicou. Agora, está se valendo da mesma legislação, ainda vigente, para justificar o reajuste. O proprietário da Bontur me procurou, expôs as razões, eu não faria isso agora, mas ele deu as suas alegações e está com a razão legal do lado dele, eu não reajustei nenhuma passagem de ônibus dentro da cidade”, revelou Geninho.


Na emissora, os radialistas Márcio Matheus e Orlando Costa fizeram ‘suspense’, prendendo a audiência até o final do programa, anunciando que “viria uma bomba, uma notícia que iria deixar a todos de cabelos em pé”. Depois, já no final do programa, Orlando repetia a todo momento: “Eu avisei. Ele iria reajustar os ônibus depois dos mototáxis, eu avisei”. E, durante o programa, fizeram cálculos, ouviram trabalhadores que dependem da condução para ir e vir, enfim, as informações, mais uma vez, foram soltas sem nenhuma confirmação ou veracidade.

“Eu não tenho nenhuma ligação perdida em meu celular daquela emissora. São useiros e vezeiros em fazer isso. Eu não autorizei nada. Quanto aos mototaxistas, eu tenho um abaixo-asssinado com todas as chancelas dos profissionais que atuam na área, não foi vontade exclusiva minha, vieram, pediram, demonstraram o custo do transporte, mas a responsabilidade foi deles, eu tenho o documento assinado por todos eles, todos”, afirmou o prefeito.

Ele reconhece que o reajuste de 20% onera os trabalhadores: “É claro que sei disso, e sei também que a empresa tem lá as suas razões, seus custos, estamos em meio à uma licitação definitiva, que nem isso o antecessor soube fazer direito, teve de ser interrompida a concessão em meio a um tumultuado processo do Tribunal de Contas, com a então empresa vigente, a Utinga, e com essa também houve problemas, mas não posso contrariar o direito que a Bontur tem de usar o instrumento legal assinado por Luiz Fernando Carneiro, concedendo reajuste nas tarifas de ônibus urbanos”.

Ouça, na Rádio Blog, como se fabrica, e se divulga, uma notícia falsa:

Assunto(s): , ,

Leia também:

1 comentário

  1. Pedro Souza disse:

    Dizem que essa rádio seria do Carneiro, voce acha que os funcionarios da emissora, que recebem as “migalhas” do patrão, iriam admitir que o aumento é culpa do carneiro? Pasmem senhores.

Faça um comentário