Dois irmãos adolescentes, encapuzados, tentam roubar à luz do dia em Severínia

Publicado em 21 de maio de 2013 às 0h23
Atualizado em 21 de maio de 2013 às 0h24

Duas ocorrências envolvendo adolescentes infratores em Severínia foram registrados nesta segunda-feira (20). Ambas de furto e roubo, e em uma delas com os infratores encapuzados, por sinal, irmãos.

irmaos-ladroes

A primeira ocorrência foi registrada às 11h45, na avenida Capitão Alípio de Almeida, no Centro. A viatura dos policiais militares Nilton e Diego foi acionada pela vítima Sebastião Aparecido Versuto, 57 anos, que informou que, durante a madrugada, por volta das 3 horas, ouviu um barulho em seu estabelecimento comercial e, quando foi verificar, avistou um indivíduo pulando o portão de seu depósito e logo deu falta de alguns engradados de vasilhames de 600 ml.

Diante da versão, a PM foi até à residência do adolescente M.M.B.S., 16 anos, já conhecido dos meios policiais que, de imediato, confessou a autoria do furto e informou que os vasilhames foram entregues para um tal de “Perrengue”, mas que não sabia onde morava.

Os policiais militares conduziram o adolescente até o plantão policial, onde o delegado César Aparecido Martins lavrou o BOPC e liberou o infrator para a sua genitora.

ADOLESCENTES ENCAPUZADOS

A segunda ocorrência, desta vez de roubo tentado e ato infracional, foi registrado às 16h15 na Polícia Militar.

Os mesmos soldados Nilton e Diego foram acionados via 190 para comparecerem à avenida Severino Sichieri, no Residencial Camacho 3, onde a vítima, Alberto Nogarol de Sá, de 41 anos, informou que dois indivíduos invadiram o seu comércio com os rostos cobertos com camisetas e armados com uma faca e barra de ferro, anunciando o roubo.

Porém, a vítima encontrava-se com um revólver de pintura nas mãos e, sem saber o que fazer, acionou-o em direção aos infratores, gritando, pedindo ajuda dos funcionários, sendo que os jovens se assustaram e saíram correndo sem levar nada.

Com as características passadas pela vítima, os militares patrulharam pelas imediações e localizaram os menores G.A.B.N., 15 anos, e o seu irmão L.H.B.N., 16 anos, ambos moradores no bairro Cidade de Deus, naquela cidade.

Eles confessaram a autoria do crime e apontaram o local onde deixaram a faca e a barra de ferro que usaram para tentar o roubo. A PM apreendeu essas armas e os menores ficaram à disposição da Vara da Infância e Juventude.

Assunto(s):

Leia também:

Faça um comentário