Prefeito cumpre o calendário e fala sobre camada de Ozônio

16 de setembro, Dia Internacional de Preservação da Camada de Ozônio! Está na lei que ele, prefeito Geninho Zuliani (DEM) enviou à Câmara no dia 22 de junho passado definindo o Calendário de Datas Comemorativas ao Meio Ambiente.

Ao fazer uma ligação para o seu gabinete, marcando uma entrevista para o Blog, o prefeito me perguntou: “Sabe que dia é hoje, Leonardo?” continue lendo…

PSDB de Olímpia recupera o seu prestígio após 8 anos

Os tucanos de Olímpia voltaram a ter prestígio junto às cúpulas estadual e federal. Deu pra notar isso quando da presença do vice-prefeito Gustavo Pimenta (PDSB) em meio à festa tucana em Rio Preto para filiar, no último sábado (12) a ‘cria’ do clã Aloysio Nunes Ferreira, tanto do pai quanto, de tempos para cá, do filho, hoje chefe da Casa Civil do governador José Serra, o subprefeito de São Matheus, Clóvis Luiz Chaves (foto ao lado com o vice olimpiense).

Assim que colocou os pés na calçada do CIESP (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo), de Rio Preto, bem defronte ao aeroporto, Aloysio Nunes (foto abaixo) disse, na coletiva de imprensa, que “Olímpia tem uma parceria que também vem dando certo na capital, ou seja, democratas e tucanos, e espero que continue assim pelo bem da cidade”. continue lendo…

Revista “Município Verde” destaca gestões de Olímpia

A revista “Município Verde”, editada pelo grupo Bom Dia, de São José do Rio Preto, edição de agosto, traz duas páginas sobre ações desenvolvidas pelo prefeito Geninho Zuliani (DEM) para atender os requisitos do programa estadual “Selo Verde”. Foram destacados 24 municípios, além de Olímpia: Álvares Florence, Ariranha, Catanduva, Cedral, Cosmorama, Guapiaçu, Guaraci, Ipiguá, José Bonifácio, Mendonça, Neves Paulista, Nova Aliança, Onda Verde, Orindiúva, Paraíso, Paulo de Faria, Poloni, Potirendaba, Rio Preto, Santa Adélia, Tanabi, Ubarana e Votuporanga. continue lendo…

O radialista e o ex-mototaxista: a culpa era de LFC!

O comentário foi geral ontem, terça-feira (15): um radialista, de uma certa emissora (não vamos dar nomes para não dar direito de resposta, só se a carapuça servir), passou por uma saia-justa ‘ao vivo’, na primeira parte do radiojornalismo, de manhã, ao entrevistar o ex-mototaxista Adelmo (não foi citado o sobrenome). O ‘gancho’ era o fato de Adelmo alegar que deixou de ser mototaxista por ‘perseguição’ da Prefeitura de Olímpia e que, mesmo assim, a categoria continua reclamando das altas taxas cobradas pelo como classificou Adelmo, de ‘cartel das empresas de mototáxis’. Tudo tratado com o pano de fundo de que o atual prefeito, o atual governo municipal, fossem culpados por Adelmo estar desempregado e pela sua ex-categoria pagar caro nesse tal cartel. continue lendo…

Eleições na web: conservadores souberam dar o nó

Nada com um dia após o outro e, no meio, uma vitória. Quer dizer, meia vitória. A coisa ficou manca demais.

O Senado desistiu de censurar a internet com vistas às eleições do ano que vem. Mas,as regras ficaram um pouco, digamos, conservadoras.

Os senadores liberaram a cobertura jornalística na internet no período eleitoral, no entanto, os debates eleitorais na web terão de seguir as regras para TV e Rádio, mais restritivas.

É claro que, em relação aos candidatos, houve um grande avanço, principalmente se olharmos para o passado, e vimos isso ao vivo e em cores na última eleição em Olímpia, como se houvesse um crime do mesmo porte de compra de votos, né mesmo?, porém a coisa quase que degringolou se não fosse o bom senso dos ministros do TSE que, inclusive, criaram jurisprudência sobre pagamentos parcelados e pagos em dia (multas eleitorais). continue lendo…

De novo, FPM e IPM menores em 2.010

A história vai se repetir no ano que vem: reduções nas transferências do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e do IPM (Índice de Participação dos Municípios), neste último caso referente a repasses do governo federal aos municípios de parcela do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias (ICMS). continue lendo…

A ‘polêmica’ interdição da SP-425

Todos já sabem. A partir desta quarta, a ponte do rio Turvo, na SP-425 vai ser interditada entre Olímpia e São José do Rio Preto para reparos estruturais. Deverá ficar 60 dias em obras. Diz o comunicado oficial do DER:

COMUNICADO: DER INTERDITA SP-425 ENTRE OLÍMPIA E RIO PRETO POR 60 DIAS
:: 14/09/2009 – 10:40 Interrupção ocorrerá a partir de quarta-feira, dia 16. O objetivo é dar continuidade às obras de melhorias na rodovia

Devido às obras de reconstrução da ponte sobre o rio Turvo, no quilômetro 157,5 da rodovia Assis Chateaubriand (SP-425), o trecho entre Olímpia e São José do Rio Preto será interditado a partir da zero hora da próxima quarta-feira. O trânsito ficará interrompido durante 60 dias para dar prosseguimento aos serviços de melhorias. O Departamento de Estradas de Rodagem – DER informa que as rodovias localizadas no entorno estão devidamente sinalizadas com alertas aos motoristas e indicação de caminhos alternativos. Para quem estiver na BR-153, no sentido oeste/leste, os usuários deverão seguir pela rodovia até o entroncamento com a SP-322 e seguir até Olímpia. No sentido leste/oeste, os motoristas devem pegar a SP-425 e fazer o trajeto contrário. Já pela SP-310, no sentido oeste/leste, a indicação é seguir pela rodovia até o entroncamento com a SP-351, com destino a Bebedouro, Olímpia ou Barretos. No sentido leste/oeste, basta seguir a rota inversa.

Como tudo vira polêmica antes mesmo de se analisar profunda e tecnicamente o assunto, lá fomos nós em busca de respostas um pouco mais coerentes e, claro, inteligentes. continue lendo…

Bem-vindos à minha ‘blogosfera’

É bom pensar tendo o mundo tão perto...

Bem-vindos.

Não é tarefa fácil a decisão de um blog com o seu nome, colocando a ‘sua cara’ e, mais do que isso, o que se passa em seu interior, para o mundo. Eu sempre acreditei que ninguém mora na cidade, no estado, no País. As pessoas moram no mundo. Visto lá de fora, e muitos astronautas até mudaram de vida depois que constataram isso bem longe de nosso Planeta, nada somos. Tudo tão pequeno, redondo, azul, quase nem terra existe, e muita gente brigando, querendo ‘ser mais’, ostentando o que não é. continue lendo…