Câmara lotada para homenagear Frei Aílton: popularidade, reconhecimento e emoção

100_0583A entrega ontem à noite da Comenda do Mérito Comunitário e Medalha Professor José Sant’anna, pela Câmara de Vereadores de Olímpia, foi, sem dúvida, uma das concorridas e emocionantes: galerias lotadas, convidados da cidade e região, e muito carinho para com o homenageado: o Frei Aílton Guimarães, professor da FAER (Faculdade Ernesto Riscali), através de projeto de decreto legislativo do vereador José Elias Morais, Zé das Pedras, líder do PMDB.

100_0616

A sua mãe, irmãs e sobrinho também vieram prestigiar, assim como religiosos e representantes do Educandário de Bebedouro, onde hoje Frei Aílton é diretor de cerca de 500 crianças. A vereadora Sebastiana Camargo, de Bebedouro, também fez questão de marcar presença na Câmara olimpiense ontem à noite. As alunas do 3° ano de Pedagogia tiveram um lugar destacado no plenário.

100_0627

A sessão solene foi presidida pelo 1° secretário, vereador Guto Zanette (PSB). Na mesa principal, além do homenageado, que foi conduzido pelo vereador-autor da homenagem, Zé das Pedras, a mantenedora da FAER Tina Riscali e o seu diretor Gustavo Pesquero; a presidenta do Fundo de Solidariedade, Aparecida Zamperlini Zuliani;  a dama benemérita Eudirce Bordon Benatti; e o líder de governo, vereador Luiz Salata (PP), representando o prefeito Geninho Zuliani (DEM).

100_0465

A vereadora Priscila Foresti fez a leitura tradicional de um trecho da Bíblia e, na sequência, o vereador-autor da homenagem falou, de improviso, afirmando que “para falar de Frei Aílton é preciso apenas o coração, porque eu já o amava antes, mas não imaginei o quanto ele é amado ao ver essa Câmara lotada de alunos e pessoas que igualmente o amam”.

100_0486

O líder do prefeito Luiz Salata enalteceu, também, as qualidades do homenageado, afirmando que “o frei Aílton é uma pessoa carismática, que conquistou a todos enquanto esteve em Olímpia, e ainda está quando vem dar as suas aulas na FAER e, por isso, contribuiu para que essa comunidade fosse mais unida, mais religiosa e amável com o seu convívio”.

100_0497

Duas alunas foram à tribuna legislativa e, uma à uma, descreveram, carinhosamente, a forma como o frei Aílton leciona as suas aulas na FAER.

100_0501

Graziele, aluna do terceiro ano de Pedagogia, comentou em outra matéria alusiva à homenagem do Frei, neste blog hoje: “Estava tudo tão lindo, tudo tão maravilhoso, à altura de uma pessoa tão especial como o senhor é e merece, tudo foi só alegria e muita festa, as meninas do 3° ano de pedagogia viraram estrelas junto com o senhor, mas é claro que o brilho maior era todo seu, meu querido e tão admirado professor”.

100_0511

A  mantenedora da FAER, Tina Riscali, também ocupou a tribuna, falou rapidamente da importância do Frei-professor em sua instituição e, na sequência, com o diretor Gustavo Pesquero, fez a entrega de uma placa ao homenageado.

100_0492

Finalmente, o rito de entrega da comenda e medalha ao homenageado, através do autor Zé das Pedras, e presidente em exercício Guto Zanette.

100_0520

O Grupo Olimpiense de Danças Parafolclóricas Menina Moça (Godap), de Olímpia, fez a apresentação de algumas danças no plenário, ganhou mimos do grupo.

100_0547

Em seguida, um momento de emoção: foi apresentado um vídeo contando um pouco a história de Frei Aílton, relatando as alegrias e dores que teve em quase nove anos na cidade, inclusive a perda do olho esquerdo. Tina Riscali, abraçada ao Frei, o amparava enquanto o vídeo era passado.

100_0565

Finalmente, o homenageado foi à tribuna e, mais uma vez, foram momentos de emoção, quando ele descreveu a importância de estar recebendo a comenda e a medalha no legislativo: “Essa homenagem não me enche de orgulho e sim de compromisso, ainda mais, com esta comunidade”. Lembrou os tempos em que assessorou o então presidente da Câmara Francisco Ruiz, que estava na galeria com a sua esposa; contou da ‘deficiência adquirida’ em Olímpia na visão esquerda, e dirigiu diversas mensagens, inclusive às aulas da FAER.

100_0577

Por fim, o Frei recebeu os cumprimentos no plenário, ganhou uma rosa de cada aluna do 3° ano, uma orquídea de alunos do 1° ano, também de Pedagogia, e muitos afagos. Para encerrar, um jantar, com direito a bolo de aniversário, no barracão social da Paróquia da Igreja Nossa Senhora Aparecida.

MAIS FOTOS

100_0448100_0456100_0459100_0462100_0464100_0467100_0468100_0469100_0470100_0471100_0472100_0476100_0477100_0478100_0479100_0481100_0489100_0496100_0503100_0506100_0512100_0514100_0516100_0519100_0522100_0523100_0524100_0533100_0539100_0541100_0548100_0551100_0552100_0554100_0569100_0575100_0581100_0584100_0587100_0588100_0592100_0593100_0594100_0595100_0596100_0599100_0600100_0602100_0603100_0604100_0605100_0606100_0607100_0608100_0609100_0610100_0611100_0612100_0614100_0615100_0618100_0619100_0620100_0621100_0624100_0625100_0626100_0628

***

Leia com atenção antes de comentar esta notícia:

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Blog do Concon. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. Leia antes a nossa Política de Comentários.

O Portal Blog do Concon poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

18 comentários em “Câmara lotada para homenagear Frei Aílton: popularidade, reconhecimento e emoção”

  1. Frei e Professor Ailton, parabéns pela fantástica homenagem… obrigado por tudo que proporciona em nosso aprendizado e lição de vida, agradeço a Deus por ter colocado o Sr. em nosso caminho e, que ele sempre o “Ilumine”. As “Lágrimas” são sinais dos objetivos alcançados… parabéns.

  2. Já há muitos anos conheço Frei Ailton e sei do seu valor enquanto pessoa, religioso e professor. Um homem e religioso de grande valor! Parabenizo-o pela homenagem recebida na Câmara Municipal de Olímpia, assim como esta Casa de Leis que neste gesto demonstra mais vez a sensibilidade em reconhecer e valorizar pessoas que fazem da vida uma vocação! Prezado Frei Ailton, meu abraço e parabéns por homenagem tão significativa. Deus o abençoe hoje e sempre!

  3. Frei…que linda homenagem..mais que merecida..pois é uma pessoas com tanto adjetivos..se formos falar todos não caberia..Porém nos tivemos o privilegio de ter um Professor como vc..Que sabe despertar nas pessoas o desejo de amar de ser feliz..Como sempre dizia para nós…” EDUCAR É UM ATO DE AMOR,UM ATO DE CORAGEM,NÃO DEVE TEMER O DEPATE” PAULO FREIRE (1997)É e isso Frei Ailton que estamos fazendo..Obrigado por tudo..nós agradecemos…e estamos fazendo a diferença..
    PEDAGOGIA 2010.

  4. Quero que meu professor saiba que muitas, se nao todas, se inspiram em Piaget, Paulo Freire, Emilia Ferreiro entre outros… A minha isnpiração é em vc… meu querido e louco professor FREI … um enorme bjo no coração…

    IPC —> Vc merece tudo o que está acontecendo…

  5. Eu não poderia deixar de tbm fazer meu comentário sobre a festa linda e digna que foi preparada em homenagem ao Frei Ailton, Frei não sou e nem fui sua aluna, mas gostaria de ter sido para poder sentir esse gostinho de alegria e amor que reina dentro das salas de aulas onde o sr. leciona, Nunca esquecerei dos nossos momentos de lagrimas na sua despedida, foi tão dolorido, mas ao mesmo tempo podemos provar a nós mesmos o grande amor que existe em nosso peito. Tbm foi um momento de alegria pois sabíamos que, naquela decisão tomada pelo Bispo de lhe enviar a Bebedouro para assumir a direção do educandário Franciscano era um sonho que o senhor também almejava, víamos pelo seu sorriso estampado a maior felicidade de ali realizar mais um sonho com um carisma tão forte que logo nos contagia, hoje nos resta a saudade dos nossos encontros nas missas do Frei Galvão, Marcha do perdão, no folclore, na capela e em outros momentos que não foram tantos, pois quando nos apegamos ao senhor e conhecemos a sua história alguém nos tirou a alegria de termos nosso Frei Aílton juntinho de nós e o levou para Bebedouro, mesmo assim distante não vamos te esquecer Frei e qualquer dia iremos lhe fazer uma visita. Parabéns e saiba que o senhor fez moradia e está gravado a ferro e fogo em nossos corações.

    Um grande abraço e sua imagem está dentro de nos.

  6. Querido Frei Ailtom, senti uma pontinha de inveja por não poder estar presente nessa festa tão linda, e poder abraça-lo pessoalmente, mas me senti confortada pelas imagens de alegria e emoção em seu semblante e na de todos os presentes. Os Olimpienses estão de parabéns por essa homenagem tão merecida. Abraços, Marlete, Natal-RN

  7. Fiquei emocionada pelas demonstraçoes de carinho e amizade do povo Olipiense,mesmo de longe me associo a estas homenagens.Você merece Frei Ailton, abraços Raimunda Trigueiro.

    Natal/RN

  8. Querido Frei Ailtom, fiquei com uma pontinha de inveja por não poder comparecer a essa festa tão linda, mas me senti confortada pelas imagens de alegria e emoção em seu semblante e nas pessoas presentes. Os Olimpienses estão de parabéns por homenagem tão merecida. abraços.
    Marlete – Natal-RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *