Sem estresse: área azul tem 52 pontos de venda de talões no centro da cidade

Publicado em 30 de novembro de 2010 às 12h03
Atualizado em 30 de novembro de 2010 às 12h03

DSC04272O motorista que for estacionar nos quarteirões centrais demarcados como Área Azul não precisam ficar esperando o monitor para a compra de cartões, o que pode causar estresse quando ele está atendendo outros veículos que chegaram primeiro.

O presidente da PRODEM, empresa pública Progresso e Desenvolvimento Municipal, que administra o estacionamento pago, Vivaldo Mendes, informa que, até o momento, são 52 pontos de venda de talões contendo 10 unidades, seja de R$ 1 (para 1 hora) ou de R$ 2 (para 2 horas).

“Quem usa muito o estacionamento central, com área azul, precisa adquirir um talão para agilizar ambas as partes, e estamos ampliando ainda mais os pontos de revenda”, disse Vivaldo.

O motorista encontrará talões à venda também na sede da PRODEM, na rua Conselheiro Antonio Prado, 326, centro (tel.: 17 3280-1050). Na rua Américo Brasiliense, são sete pontos; na Bernardino de Campo, três; na rua Cel. Francisco Nogueira, quatro; na rua David de Oliveira, sete; um ponto na avenida Deputado Waldemar Lopes Ferraz; na rua Dr. Antonio Olimpio, sete; na rua Joaquim Miguel dos Santos, três; na rua Nove de Julho, nove; cinco pontos na Praça da Matriz e seis na rua São João.

* Pode comentar à vontade, mas antes, por favor, leia a nossa política de comentários.

Assunto(s):

Leia também:

1 comentário

  1. Celso Bonifacio disse:

    Ficou ótimo . só faltou a marcação das vagas .. obrig …

Faça um comentário