Secretário dos Transportes garante que Faria Lima estará totalmente duplicada

Publicado em 11 de abril de 2015 às 11h45
Atualizado em 11 de abril de 2015 às 11h46

O secretário estadual de Logística e Transportes, Duarte Nogueira, disse que o Estado está debatendo com as regionais a questão da segurança nas rodovias para garantir o escoamento das safras. “Estamos tratando com indústrias e fornecedores para que possamos ter toda atividade de transporte da matéria prima, de insumos e produtos da safra de uma maneira segura”, afirmou. Ele destacou como itens de segurança a sinalização, orientação, manutenção das rodovias e identificação dos pontos críticos. “Nas obras da Assis Chateaubriand estamos investindo em aumento da dimensão da capacidade, terceiras faixas e entroncamentos”, comentou.

IMG_4674

Serão investidos R$ 47,3 milhões na ampliação incluindo implantação de três novos acessos em Santa Ernestina, na Usina Bonfim e em Guariba. Com o benefício, a rodovia Faria Lima de Barretos até São Paulo estará totalmente duplicada. De acordo com o secretário, obras financiadas com recursos do Tesouro mantém cronograma normal. “Estamos iniciando outras com financiamentos externos e vamos ter muitos investimentos ao longo deste ano não somente pelo DER, mas também pelas concessionárias em trecho de 6.600 quilômetros com regulação e fiscalização do Estado”, afirmou.

IMG_4772

Nogueira citou como exemplo as intervenções nos dispositivos de acesso entre Miguelópolis passando por São José do Rio Preto. “De nossa parte é continuar investindo e assim que estiver concluído dar início a novos”, lembrou. Neste ano,  o Estado inicia o trabalho de preparo do PPA (Plano Plurianual) 2016/2019 e dará sequência à etapa do plano diretor de logística e transporte para 2030. “Serão investimentos em todo Estado inclusive acatando as demandas da região de Barretos”, finalizou.

Revelou, ainda, que as obras de duplicação da Rodovia Faria Lima no trecho entre Dobrada  e Taquaritinga devem estar concluídas até o final do ano. O prazo inicial para entrega é setembro de 2015 computando um ano de intervenção entre os quilômetros 313 e 330. “Está em programação, temos procurado cumprir com o cronograma estipulado pelo governador Geraldo Alckmin”, observou.

IMG_4952

O secretário participou da celebração de início de safra da Usina Guarani, conforme registrou, com exclusividade, o Diário de Olímpia.Com.

Assunto(s):

Leia também:

Faça um comentário