Jardim Universitário recebe recapeamento em 100% das ruas

Publicado em 14 de junho de 2014 às 11h38
Atualizado em 14 de junho de 2014 às 11h39

Desde o último dia 9, o Jardim Universitário está recebendo o recapeamento asfáltico em 100% das ruas do bairro, ou seja, na Al. Maria Mazer Moré (entre a Rua Tiago F. Santana e Al. Francisco Boitar); Al. Prof. Altino Robazzi (entre a Rua Tiago F. Santana e Al. Francisco Boitar) e Al. Filhas de Jó (entre Av. Menina Moça a Al. Bruno Riscali). A obra está sendo realizada pela empresa Noroeste Construtora e Serviços de Topografia.

recape-universitario-(3)

Além do Universitário, algumas ruas centrais e de bairros também serão recapeadas logo em seguida como na Cohab III a Rua Paulo Brancalião; no Jardim Álvaro Brito a Rua Paulo Furquim (entre a Rua Diógenes Breda e a Rua Maria Tereza Breda); no Centro nas ruas Américo Brasiliense (entre a Rua Veiga Miranda e Rua Cel. José Medeiros), Floriano Peixoto (entre Rua General Osorio e Av. Aurora Forti Neves), Duque de Caxias (entre Rua General Osorio e Rua 13 de Maio) e Avenida Waldemar Lopes Ferraz (entre a Rua Conselheiro Antônio Prado e Coronel Francisco Nogueira).

recape-universitario-(1)

O Tropical I também já está no cronograma para recapear 100% do bairro nas ruas Manoel Conde Tapia, Geraldo Egídio Giacoia, Edson Souza Pereira, Antônio Guioto, José Vicente Pereira, Sérgio Thomé Rebelatto, José Lopes, Ernesto Dório, Cap. Luiz Teixeira Leite e Jeferson Pereira.

O valor total da obra, de todas as ruas recapeadas, é de R$ 646.978,01. O total de recursos conquistados para o recapeamento asfáltico foi de R$ R$ 806 mil, através de emendas parlamentares dos deputados Vanessa Damo, Carlos Bezerra e Salim Curiati, um conjunto de trabalho entre o Prefeito Geninho Zuliani e os vereadores Pastor Leonardo Simões e Luiz Antônio Moreira Salata e do ex-vereador Jesus Ferezin. Com o desconto de R$ 160 mil no preço através do Pregão, a Prefeitura de Olímpia irá investir em recapeamento em aproximadamente mais 12 quarteirões em diversos bairros da cidade.

Assunto(s):

Leia também:

Faça um comentário