Gado tem de ser vacinado a partir de terça

Publicado em 28 de outubro de 2011 às 10h23
Atualizado em 28 de outubro de 2011 às 10h24

O Estado de São Paulo inicia, na próxima terça-feira, 1º de novembro, a segunda etapa de 2011 da campanha de vacinação contra a febre aftosa. O criador precisa vacinar todos os seus bovinos e bubalinos, independente da idade.

O rebanho paulista de bovinos e bubalinos é da ordem de 11,3 milhões de animais e, historicamente, São Paulo tem uma cobertura vacinal de aftosa acima de 95%.

O Estado é reconhecido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento como livre da febre aftosa com vacinação e não registra casos da doença há 15 anos. A vacinação deverá ser feita até 30 de novembro e o pecuarista terá até 7 de dezembro para comprovar a vacinação de todos os bovinos e bubalinos da propriedade e relatar também os demais animais dos rebanhos equinos, suínos, ovinos e caprinos.

A comunicação deverá ser feita pelo criador mediante apresentação da nota fiscal de aquisição das vacinas, bem como da declaração do rebanho bovino e bubalino por faixa etária e sexo junto às unidades de defesa agropecuária. A declaração está disponível no site www.cda.sp.gov.br.

As penalidades para os que não vacinarem serão de cinco Unidades Fiscais do Estado de São Paulo (Ufesps) o equivalente a R$ 87,25, e três (R$ 52,35) para os que deixarem de comunicar, sempre por cabeça.

***


* Fique à vontade para dar a sua opinião, mas atenção: se ele não aparecer no mesmo dia é porque, com certeza, você não leu a nossa política de comentários. No momento, está sob moderação.

Assunto(s):

Leia também:

Faça um comentário