Bispo Dom Milton escreve sobre a reunião dos bispos e do ‘Ano do Laicato’ em 2016

Publicado em 22 de abril de 2015 às 9h58
Atualizado em 22 de abril de 2015 às 10h07

Por Dom Milton Kenan Júnior — Desde a última quarta-feira, dia 15, os bispos da Igreja do Brasil, membros da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) estão reunidos em Assembleia para, neste ano, formular e publicar as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja do Brasil para os anos de 2015-2019 e eleger a presidência da Conferência para o mesmo período (já eleita ontem, 20).

IMG_4995

Trata-se de um encontro que reúne neste ano mais de 350 bispos das diversas regiões de nossa nação que trazem as esperanças e os desafios de suas Igrejas para, na comunhão dos irmãos, sob a luz do Espírito Santo, encontrarem caminhos para a ação evangelizadora.

Entre os temas abordados tratou-se mais demoradamente sobre a missão dos leigos e leigas na Igreja e no mundo. Na Assembleia de 2014 foi elaborado um texto de estudo (n. 107) que durante este ano foi sendo reelaborados graças à colaboração de muitos bispos, padres e especialmente leigos e leigas presentes em movimentos eclesiais, pastorais, conselhos.

Ao debruçar sobre este texto muitos leigos e leigas foram inserindo suas experiências e seus anseios, esperando que ele possa servir de inspiração e fator de organização dos leigos e leigas na realização da sua missão na Igreja e no mundo.

A Comissão Episcopal para o Laicato, da qual eu faço parte, está propondo à Assembleia a realização do Ano do Laicato, em 2016, a fim de incentivar a organização, a formação e a missão das leigas e leigos, membros de nossas comunidades, presentes em tantos ambientes do nosso país e permitir uma nova primavera da Igreja, em que todos os batizados sintam-se seus cidadãos comprometidos com a sua missão.

No início desta semana realizar-se-ão as eleições para a presidência da CNBB que deverá dirigir os destinos desta instituição nos próximos quatro anos. Esperemos que a presidência escolhida continue a guiar os destinos da CNBB com a sabedoria e a dedicação com que foi conduzida nos mais de 50 anos de sua existência.

Deixo aqui o meu pedido para que durante todos estes dias possamos contar com as orações de todos vocês, implorando as luzes do Espírito Santo, por intercessão de Nossa Senhora Aparecida por todos os bispos brasileiros. Desde já, fico lhes agradecido!

Dom Milton Kenan Júnior, Bispo de Barretos

Assunto(s):

Leia também:

Faça um comentário