Assistência Social fará recadastramento dos beneficiários do programa Bolsa Família

Publicado em 19 de fevereiro de 2011 às 15h13
Atualizado em 19 de fevereiro de 2011 às 15h13

Os beneficiários do programa Bolsa Família que são cadastrados no Centro de Referência de Assistência Social do Jardim Santa Ifigênia (CRAS I), devem ficar atentos. Nos próximos dias eles serão comunicados, via correios, para que façam o recadastramento.

A convocação será feita por ordem alfabética e a correspondência informará o dia e o horário que o beneficiário deverá comparecer no CRAS I. Segundo a coordenadora dos programa, a assistente social Maria Zilda dos Anjos, o processo será realizado na próxima semana, todos os dias, das 9 às 14 horas.

Maria Zilda explica que o recadastramento é feito anualmente através de uma avaliação para verificar se as famílias estão aptas a receberem o auxilio, seguindo os critérios exigidos pelo governo federal, podendo ser cortada após cinco anos inclusos ou quando as famílias deixarem de cumprir com os critérios.

Os valores repassados às famílias variam de acordo com cada situação. “Pode ser R$ 140 ou R$ 70 por mês, dependendo do cadastro e das condições que a família se enquadra”, explica Maria Zilda. O CRAS I atende 1.179 famílias de 36 bairros e promove reuniões semanais para o acompanhamento dos assistidos. São disponibilizados para os beneficiários cursos de profissionalização e palestras sócio-educativas.

O Programa possui três eixos principais: transferência de renda, condicionalidades e programas complementares. As condicionalidades reforçam o acesso a direitos sociais básicos nas áreas de educação, saúde e assistência social. Já os programas complementares objetivam o desenvolvimento das famílias, de modo que os beneficiários consigam superar a situação de vulnerabilidade.

O Bolsa Família é um programa de transferência de renda destinado às famílias de baixa renda, que tem como objetivo assegurar o direito humano e alimentação adequada, contribuindo para a conquista da cidadania pela população mais vulnerável.

RENDA CIDADÃ

O CRAS I do Santa Ifigênia também realizará no dia 24 de fevereiro, às 9hs, reunião para as famílias inseridas no Renda Cidadã. O programa conta com 120 famílias, sendo 36 a serem inseridas no recadastramento, que é feito anualmente com base na renda per capita de até meio salário mínimo.

O Renda Cidadã prioriza as mulheres que cuidam da família, promovendo ações complementares e concedendo um apoio financeiro temporário direto. O objetivo é ampliar a oportunidade de desenvolvimento com oficinas semi-profissionalizantes, sendo disponibilizados também varias palestras.

***


* Fique à vontade para dar a sua opinião, mas atenção: se ele não aparecer no mesmo dia é porque, com certeza, você não leu a nossa política de comentários. No momento, está sob moderação.

Assunto(s):

Leia também:

Faça um comentário