Lá vem ele de novo no domingo!

Publicado em 16 de outubro de 2009 às 11h31
Atualizado em 16 de outubro de 2009 às 11h36

O horário de verão este ano começa à 0h de domingo, 18 de outubro, e vai até a 0h de 21 de fevereiro de 2.010. Os relógios terão de ser adiantados em uma hora. A partir deste ano, a medida vigora em uma data fixa, conforme prevê decreto sancionado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A mudança de horário só vale para os Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal.

Cuidados nos aeroportos

Segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), o Aeroporto de Congonhas, na Zona Sul de São Paulo, fica normalmente fechado entre 23h e 6h, por isso, não será afetado pela mudança.

No Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo, que funciona 24 horas, os voos depois da meia-noite sairão já no horário novo. A Infraero recomenda aos passageiros que verifiquem os horários dos voos com as respectivas companhias aéreas.

Atenção nas rodoviárias

A Socicam, empresa que administra as rodoviárias do Tietê, Barra Funda e Jabaquara, informou que os ônibus cujas partidas estão programadas até as 23h59 do sábado (17) sairão normalmente, obedecendo ao horário antigo.

Os ônibus cujas partidas estão previstas a partir da 1h de domingo (18) sairão obedecendo ao novo horário. Não haverá passagens com horário de embarque entre 0h e 0h59 de domingo.

Os usuários que tiverem dúvidas sobre o horário de embarque, poderão ligar para a Central de Atendimento ao Cliente da Socicam no telefone (11) 3866-1100.

Data fixa

Segundo as novas regras, o horário de verão terá início no terceiro domingo de outubro de cada ano e será encerrado no terceiro domingo de fevereiro do ano seguinte. “Se a data de encerramento coincidir com o carnaval, o horário de verão fica automaticamente prolongado por mais uma semana. É uma precaução para não atrapalhar o turismo no país, entre outras razões”, disse Ricardo José de Carvalho, chefe da Divisão Serviço da Hora do Observatório Nacional, no Rio de Janeiro.

Nos anos anteriores, o governo estipulava anualmente o período de vigor do horário de verão, que é aplicado para racionalizar o uso de energia durante a primavera e o verão.

Adotado no Brasil desde o verão de 1932, o horário de verão busca o melhor aproveitamento da luz natural, adiantando-se os relógios em uma hora. A medida reduz o consumo de energia elétrica entre 18h e 20h.

A ideia do horário de verão surgiu antes mesmo da luz elétrica.

1 comentário

  1. LUIZ AUGUSTO DA SILVA disse:

    O horário de verão tem início e fim. Mas o “RELÓGIO DO TEMPO”,publicado no livro O ARCO-ÍRIS DAS POESIAS,de minha autoria,não:

    O relógio sem ponteiros
    As horas sem marcar
    Porém o tempo corre
    Não podes parar.

    Estacionastes na vida?
    És um carro enguiçado
    Deixas de evoluir
    Ficas ultrapassado.

    Conclui desta forma
    Prosseguindo na viagem
    Sem que a tua máquina
    Perca a engrenagem.

    Quando lubrificada
    Sempre funcionará
    Busca diariamente
    Uma boa ação praticar.

    Isso faz bem à mente
    Se agires com a razão
    Aliada ao sentimento
    Que brota no coração.

    (TEMA V – FILOSÓFICOS – ÍNDICE: Página 65).

    ABRAÇOS POÉTICOS.

    LUIZ AUGUSTO.

Faça um comentário