Solicitação de documentos para usar FGTS na CDHU pode ser feita em Olímpia

Publicado em 06 de agosto de 2015 às 14h03
Atualizado em 06 de agosto de 2015 às 14h05

Os proprietários de imóveis adquiridos por meio da Companhia do Desenvolvimento Habitacional Urbano-CDHU, na Estância Turística de Olímpia, agora podem solicitar a documentação para fazer uso do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) em pagamentos de prestações, aqui mesmo no município.

Diretoria-de-Habitação-

Até então, a documentação era solicitada na unidade da CDHU de Ribeirão Preto, responsável pelos conjuntos habitacionais locais, obrigando os moradores a se deslocarem diversas vezes para aquela cidade devido à enorme burocracia. Agora, estes mutuários podem se dirigir à Divisão de Habitação de Olímpia, e resolver aqui seu problema.

“A Companhia está abrindo aos municípios a possibilidade de realizar este trabalho. Nós fornecemos a relação de documentos necessários, o mutuário traz e enviamos para a Unidade de Ribeirão Preto. Em Ribeirão, todos os trâmites serão realizados e após este processo os documentos retornam para Olímpia, onde será assinado. Após a assinatura, eles são novamente encaminhados para Ribeirão Preto, para a conclusão do processo de utilização do FGTS nas prestações”, explica Adriana Piton, Diretora da Habitação.

O mutuário, para fazer uso do FGTS, não pode ter prestações atrasadas. Caso tenha, será necessário fazer um acordo, dar uma entrada e parcelar o restante. O atendimento aos proprietários é realizado de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas, sem intervalo para almoço. No município há 619 mutuários que podem fazer uso do FGTS no parcelamento ou quitação de prestações.

 

CONTRATOS DE QUITAÇÃO

Por outro lado, os proprietários que já quitaram seus imóveis devem procurar o atendimento na Divisão de Habitação e solicitar o contrato de quitação. Os que desejam utilizar o FGTS também devem procurar o atendimento, localizado na Rua Caetano Gotardi, nº 323, centro, para obter informações referentes à documentação. Em caso de dúvidas entre em contato pelo telefone (17) 3281-1939.

Assunto(s): ,

Leia também:

Faça um comentário