Na missa da Cruz Alta, padre defende a ‘Felicidade Interna Bruta’

“O PIB (Produto Interno Bruto) é muito importante para medir a atividade econômica, mas, agora, estudiosos e cientistas de todo o mundo estão em busca de outra medida, igualmente importante: a FIB – Felicidade Interna Bruta”, disse o padre Ivanaldo Mendonça ao celebrar o início da safra canavieira da Usina Cruz Alta, da Guarani S.A., em Olímpia, na manhã desta quarta-feira (4).

DSCN4067

Além de trabalhadores do campo e da indústria, estiveram presentes diretores da Guarani, o prefeito Geninho Zuliani (DEM) e os vereadores José Elias Morais (Zé das Pedras, PMDB) e Aguinaldo Moreno (Lelé, DEM), comerciantes da cidade, e convidados.

DSCN4051

No altar, durante a Eucaristia, trabalhadores levaram, tradicionalmente, os seus instrumentos de trabalho e os produtos da indústria, como etanol e açúcar.

Após a leitura do Evangelho – a passagem em que Judas que aceita 30 moedas de prata em troca de apontar o seu Mestre aos perseguidores, e a ceia onde o Senhor o apontou como traidor –, padre Ivanaldo, em sua homilia, concita os trabalhadores a, além de cumprirem metas de produção, “cumprirem as metas de se encontrar, buscar a realização interior, e que não está no rodízio de pessoas buscando preencher vazios de suas vidas em outras pessoas, mas sim naquilo que hoje, até cientistas e estudiosos na ONU (Organização das Nações Unidas) estão conceituando, que, além do PIB tão necessário para mensurar a economia da cidade, região ou País, e até do mundo, há que se alcançar também o FIB – a Felicidade Interna Bruta”.

DSCN4025

As nove dimensões do FIB: bom padrão de vida econômica, boa governança, educação de qualidade, boa saúde, vitalidade comunitária, proteção ambiental, acesso à cultura, gerenciamento equilibrado do tempo, e bem-estar psicológico.

DSCN4038

Por fim, o diretor Alexandre Coutinho, diretor de investimentos e portfólio da Guarani, ratificou as palavras do padre, e pediu a todos “uma safra onde cada trabalhador olhe pelo outro, zele pela segurança do trabalho, temos nos preocupado muito com isso, e até temos conseguido obter êxito, mas não podemos relaxar; cumprir metas, como o padre disse, é fundamental, mas temos que cumprir também as metas de humanidade, companheirismo e em busca de nossa realização, e isso compreende trabalharmos unidos e em harmonia”.

GALERIA DE FOTOS

We cannot display this gallery

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *