banco-do-povo_thumb.jpg

Banco do Povo comemora 13 anos em Olímpia com mais de R$ 6,7 milhões emprestados

O Banco do Povo Paulista da Estância Turística de Olímpia comemorou 13 anos de instalação na cidade no final de fevereiro passado.

banco-do-povo

De lá para cá o banco percorreu uma trajetória de sucesso no atendimento ao público. A partir de 2002 até agora, a instituição já acumulou um montante em empréstimos da ordem de R$ 6.733.955,42. Atualmente conta com uma carteira ativa de R$ 1.845.740,02. Somente no ano passado foram emprestados R$ 861.335,98, beneficiando 135 empreendedores.

Situado hoje na Rua Bernardino de Campos, 1.440, região central da cidade (após a Rua Síria), o Banco do Povo conta com uma estrutura completa, composta por três agentes de Crédito e um atendente.

Em 2013, o Banco de Olímpia incorporou o programa “Casa Paulista-Microcrédito”, uma linha de crédito implantada pela Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho-SERT, em parceria com a Secretaria de Estado da Habitação, que oferece uma linha de crédito de R$ 200  a até R$ 7.500 com juros de 0,5% ao mês e prazo de 36 meses para pagar, em parcelas fixas, somente para mutuários adimplentes da CDHU (para material de construção, reformas, ampliações, pinturas, e também 50% da mão-de-obra).

DIVERSIDADE DE ATENDIMENTO

Com juros de 0,35 % ao mês, o Banco do Povo Paulista atende desde o pequeno empreendedor, o informal (aquele que não possui firma aberta), ao de médio porte, desde que o faturamento não ultrapasse R$ 360 mil no ano. Atende também o produtor rural, o motofretista, as “sacoleiras”, os perueiros, os lojistas, mecânicos, caminhoneiros, manicures, pedreiros, enfim todos os empreendedores formais ou informais.

O Banco do Povo Paulista financia no geral valores de R$ 200 a R$ 15 mil para o informal com prazo até 24 meses para pagar, e R$ 200 a R$ 20 mil para o formal com prazo de até 36 meses para pagar. O financiamento é direcionado para os negócios, ou seja, os interessados deverão estar enquadrados nas normas do programa, pois trata-se de crédito produtivo.

O crédito do Banco do Povo Paulista destina-se ao pequeno empreendedor que deseja ampliar seu negócio e não tem acesso a outras instituições financeiras. Por exemplo quem quer abrir o seu negócio, trabalhar por conta própria, ou ao produtor rural que necessita comprar fertilizantes, cultivar hortaliças, etc.

Para ter direito ao crédito, o candidato tem que residir em Olímpia há mais de dois anos ou possuir seu negócio há mais de dois anos; não ter restrições cadastrais no SCPC, SERASA e CADIN ESTADUAL; ser maior de 18 anos e apresentar um avalista, que pode ser parente de primeiro grau, desde que não seja sócio ou funcionário do negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *