Mostra Musical apresenta trabalhos desenvolvidos no Espaço Cultural

Publicado em 21 de setembro de 2012 às 13h04
Atualizado em 21 de setembro de 2012 às 13h05

A Secretaria da Assistência Social de Olímpia, através do Espaço Cultural, realizou na noite da última terça-feira (18), a 6ª Mostra Musical. O evento foi realizado na Casa de Cultura de Olímpia e contou com a participação dos alunos do espaço cultural, que puderam apresentar os trabalhos desenvolvidos em diversos instrumentos musicais.

DSC02135

Os alunos da escola também participam neste domingo (23) da Expomusic 2012 – 29ª Feira Internacional da Música, que acontece no Expo Center Norte, em São Paulo.

A noite recebeu amigos e familiares dos alunos para as apresentações. “Já estamos na sexta edição e a mostra é sucesso porque os professores são bons, os alunos tem a frequência assídua e eles gostam do que fazem. A escola existe há sete anos e funciona na Avenida Brasil, 155, de segunda a sexta-feira. Os alunos chegam lá e escolhem o instrumento que gostaria de fazer. Nós temos os cursos de bateria, violão, guitarra, contrabaixo, teclado e piano tudo de graça e a escola oferece os instrumentos para as pessoas aprenderem. A partir dos 10 anos já pode começar a fazer as aulas, inclusive temos idosos frequentando as nossas aulas. Para o projeto nós temos o total apoio da administração municipal”, disse Cassandra Cristian Neves, coordenadora do Espaço Cultural.

DSC02172

Para Edna Marques, Secretária de Assistência e Desenvolvimento Social, o espaço cultural tem um trabalho diferenciado na área da assistência, dando oportunidade para a criança, o adolescente, o jovem e o idoso de experimentar primeiro o mundo da música. “Às vezes ele nem tem muito interesse, mas ele vai e conhece e depois acaba descobrindo que tem talento, acaba descobrindo a musicalidade e se apaixonando pela música. Os alunos estudam com instrumentos da própria escola, então de repente não é aquele instrumento que ele tem mais afinidade, ele pode passar para um novo instrumento sem ter que investir e quando ele tiver mais certeza daquele instrumento, ele pode comprar para praticar em casa e se dedicar mais a carreira de músico”, contou Edna.

DSC02132

As aulas no Espaço Cultural tem como prioridade famílias que não tem condições de pagar um curso particular. “Nós atendemos prioritariamente a família carente, mas ele também abre para a comunidade. Nós temos casos que a criança faz o curso e a mãe também, porque ela vai levar o aluno e ela acaba se apaixonando. Para mim a música é o resgate da autoestima, eleva o pensamento, dá responsabilidade e disciplina, o músico dificilmente ele está atrelado a outras coisas como drogas e criminalidade, então ele se preocupa com a música e tudo na vida dele é a música”, assinala a secretária. (PMO Press)

Assunto(s): ,

Leia também:

Faça um comentário