Fefol traz pela primeira vez Simpósio sobre contexto da música folclórica

Publicado em 08 de agosto de 2015 às 15h32
Atualizado em 08 de agosto de 2015 às 15h33

O 51º Festival do Folclore traz uma grande novidade para este ano. Será realizado nos dias 11, 12 e 13 de agosto, no Pavilhão Cultural do Recinto de Exposições e Praça de Atividades Folclóricas “Professor José Sant´anna”, o I Simpósio de Estudos Etnomusicológicos de Olímpia. Ou seja, a etnomusicologia dá ênfase ao contexto no qual a música está inserida, como forma de compreender o porquê daquela música ser da forma que é, daí esses estudos dentro do Fefol.

 

O evento será realizado pela Coordenadoria dos Festivais do Folclore de Olímpia, em parceria com o Instituto de Artes da Unicamp e da Universidade Estadual de Goiás, com o apoio da Prefeitura da Estância Turística de Olímpia, por meio da Secretaria de Cultura, Esportes e Lazer. O simpósio tem a coordenação de Estêvão Amaro dos Reis, Gilson Scharnik e Emerson Adriano Sill.

No primeiro dia, terça-feira, 11 de agosto, o simpósio terá início às 8h30, com recepção e credenciamento na coordenadoria dos Festivais do Folclore. Em seguida será servido um café na Casa do Caipira. As 10h será realizada a sessão de abertura. A primeira conferência será com a Dra. Suzel Ana Reily, da UNICAMP/Queen’s University Belfast.

Na parte da tarde, das 16h às 18h30, será realizada a mesa temática 1, com o tema Folclorização: festivais de folclore e novos espaços de performance, com Dr. Edilberto Fonseca (UFF), Dr. Wagner Chaves (UFRJ) e Me. Estêvão Amaro dos Reis (UNICAMP).

Já na quarta-feira, 12, o simpósio terá início às 9h, com a apresentação artística. Das 9h30 às 12h, será a mesa temática 2, com o tema Abordagens sobre o Folclore: Educação, Música e Turismo. A mesa será composta por Maria Idelma Vieira D´Abadia, João Guilherme Curado, Aline Santana Lobo, Ronypeterson Miranda, da UEG.

Na parte da tarde, das 16h às 18h30, será a mesa temática 3, com o tema Territórios: educação, turismo cultural e desenvolvimento sustentável, que será discutido pela mestra Alessandra Ribeiro (PUC-Campinas/Jongo Dito Ribeiro), e professores Maria Aparecida de Araújo Manzolli, Edward Marques e Eliana Bertoncello Monteiro.

No último dia do simpósio, 13, das 9h às 11h, será realizada a mesa temática 4, com o relato de experiência e roda de conversa com os mestres dos grupos folclóricos, seguida de oficina e apresentação artística.

Para encerrar, das 16h às 17h, será realizada uma oficina, em seguida a conferência e sessão de encerramento.

Assunto(s): ,

Leia também:

Faça um comentário