Estréia de circo hoje conta com doação de alimentos para vítimas no Rio de Janeiro

Publicado em 21 de janeiro de 2011 às 11h53
Atualizado em 21 de janeiro de 2011 às 11h56

A magia e a diversão do circo vão tomar conta de Olímpia de 21 a 23 de janeiro com Janke Circus – a maior estrutura de shows do Brasil com os melhores artistas circenses do antigo Beto Carreiro World. Com o slogan “A alegria se completa aqui”, o espetáculo faz sua estreia hoje, sexta-feira, às 20h30, marcada pela solidariedade.

circo03

Parceira com o Fundo Social de Solidariedade (FSS) do município garantirá que a população assista ao primeiro espetáculo em troca de 1 kg de alimento não perecível. Os alimentos serão enviados para o Rio de Janeiro e doados às vítimas das chuvas naquele Estado.

“Além de possibilitar que mais pessoas possam prestigiar o evento, já que o ingresso é apenas um alimento, vi nessa parceria a chance de ajudar às milhares de pessoas que estão desabrigadas e sofrendo em razão desta tragédia”, explicou Fernanda.

circo02

Wellington Gregório Nogueira, gerente do Janke Circus, elogia a iniciativa do FSS. “É uma alegria muito grande poder divertir e ainda ajudar a quem precisa. Esta parceria será um sucesso”, garante.

ESPETÁCULO

Durante 2h15, mesclando tradição e modernidade, Janke Circus apresenta atrações deste mundo encantado, como palhaços, trapezistas, mágicos e contorcionistas, e muitas novidades internacionais, como o globo da morte suspenso e a roda alemã.

“As raízes são fortes e um exemplo é o Palhaço Coxixo, que participa do Domingão do Faustão, considerado um dos melhores da América do Sul. Por outro lado, temos tudo o que há de mais moderno em questão de som e iluminação neste verdadeiro mundo da fantasia. Para se ter uma ideia, viajamos com 36 carretas”, frisa Nogueira.

Formando um castelo com os 60 metros de lona armada, o moderno circo possui dois geradores de 350 kwh, com capacidade para iluminar 20 quarteirões. E essa é só parte da infra-estrutura de 100 mil toneladas, onde trabalha cerca de 280 profissionais de diversas nacionalidades para um público diário de 2,5 mil pessoas.

Em Olímpia o circo será montado na Avenida Aurora Forti Neves (esquina com a av. Waldemar Lopes Ferraz). Além da estreia na sexta-feira, às 20h30, haverá mais quatro apresentações: sábado e domingo, às 17h e às 21h.

Os ingressos variam de R$ 8 a R$ 15 para as cadeiras laterais, R$ 10 a R$ 20 para centrais e R$ 100 os camarotes com capacidade para quatro pessoas. Crianças menores de três anos não pagam.

circo01

***


* Fique à vontade para dar a sua opinião, mas atenção: se ele não aparecer no mesmo dia é porque, com certeza, você não leu a nossa política de comentários. No momento, está sob moderação.

Assunto(s):

Leia também:

8 comentários

  1. Junior disse:

    onde será instalado?

  2. jani disse:

    Adoro ir em circos!! que pena que vai ficar tão pouco tempo em Olímpia!!! Poderia ficar mais..

  3. Duda Buzoni disse:

    O circo Garcia ficava direto em Olimpia entre os anos 50 e 60. Era muiuto bom. Tinha inclusive teatro. bons tempos…

  4. Palhaçoxucruthis disse:

    Obá não vejo a hora de chegar amanhã logo, comer pipoca, algodão doce, amendoim e dar muita rizada….kkkk
    A felizidade e alegria vai estacionar em olimpia durante o tempo que o maravilho janke circus..

  5. Luiz Augusto da Silva disse:

    Que espetacular! Belo gesto de solidariedade.

    O “circo” com alegria e magia ameniza a dor da nossa gente. Com generosa estratégia, consola as vítimas que, com muita tristeza, sofrem o efeito desta implacável tragédia. Creio que poderia ser evitada ou pelo menos amenizada se as áreas de risco tivessem sido melhor monitoradas.Mas,…!?

    Que o dito popular:” brasileiro só coloca trancas depois da casa arrombada”, seja levado pelas águas ribanceira abaixo para que este fenômeno tão constante e tão duro não seja calamitoso no futuro.

    Transcrevo um simples poema, de minha autoria, com o intuito de estimular a solidariedade para com as vítimas desta trágica adversidade provocada pelas tempestades, lá na minha querida cidade:

    Complacência

    Deve este sentimento
    Com fraternidade e afeição
    Habitar dentro do peito:
    No coração do cidadão.

    A confiança na esperança
    Ameniza o sofrimento e
    Geram a benevolência
    Para os que estão ao relento.

    Benéfica é a complacência
    Com as dificuldades do irmão
    Quando é desenvolvida
    Com total abnegação.

    Esquecer-se de si
    E no próximo pensar
    É nobre virtude para
    Com altruísmo ajudar.

    “Dê de si antes de pensar em si”.

    Abraços esperançosos, do poeta olimpiense,

    Luiz Augusto da Silva.

  6. Genival Miranda disse:

    Que coisa maravilhosa a solidariedade, cultura e lazer ao mesmo tempo… Parabéns pela iniciativa do Fundo Social de Solidariedade, congratulações à primeira dama Fernanda Zulliani. Hoje estive no CREAS e vi pelo menos umas dez pessoas perguntando onde ficava o Fundo Social para levar os alimentos…Olímpia abraçando os nossos irmãos do Rio!

  7. Léo, só a título de colaboração, hoje à tarde, degundo a primeira-dama Fernanda, os 1,5 ingressos colocados para troca no FSS já tinham acabado. Tudo esgotado. Conclusão: 1,5 mil quilos de alimentos para as vítimas do Rio. muito bom. seria legal a Fernanda promover alguma coisa parecida para ajudar a Santa Casa. Nossa primeira-dama é muito atuante e a população olimpiense muito solidária. Tenho certeza que seria sucesso como o evento de hoje. Abraços
    Andresa

Faça um comentário