cia-ju-conta-historias_thumb.jpg

Circuito de Artes do SESC no dia 25 de abril na Praça, em Olímpia

Está de volta o Circuito de Artes do SESC em Olímpia, no dia 25 de abril, uma sexta-feira, das 17h às 22h, na Praça central.

A Prefeitura de Olímpia, através da Secretaria de Cultura, Esporte, Turismo e Lazer, firmou novamente para 2014 parceria com o SESC para realizar o Circuito, que é um projeto itinerante desenvolvido desde 1998, busca a circulação de espetáculos e intervenções artísticas por diversas cidades do Estado de São Paulo e acontece prioritariamente em municípios onde a instituição não possui unidades operacionais instaladas. A programação é gratuita, voltada para todas as idades.

cidadao intigado

Em 2014 o Circuito percorrerá 102 cidades com 12 roteiros diferentes de programação, contando com 350 artistas de teatro, música, circo, dança cinema, literatura, artes visuais e artemídia.

A PROGRAMAÇÃO

Teatro: Uma Jornada – Ubus Théâtre (Canadá)

A bordo de um ônibus escolar adaptado, a companhia canadense Ubus Théâtre apresenta uma fábula filosófica que utiliza o conto e a marionete como meios de expressão.

Nesta história alegórica, o público segue o caminho de um pequeno grão de areia, originário estrela que viaja através do tempo e do espaço há milhares de anos. Chegando sobre a Terra, ele encontra um velho homem cujo último sonho era possuir um ônibus amarelo para levar as pessoas a passear e descobrir a natureza. O grão de areia é a última coisa que o velho homem verá antes de morrer.

Sensível, inteligente e contemplativo, o velho homem percebe que sua existência é menor que aquela do grão de areia e, ao mesmo tempo, maior que sua imaginação poderia ter concebido.

movasse (1)

Literatura: Conte a Sua – Cia. Ju Cata-Histórias (SP)

Inspirada no tradicional Jogo de Amarelinha, esta proposta une histórias, música e interação. Um tapete com o conhecido esquema da brincadeira é estendido no chão. Mas, ao invés de números, o que está escrito nos quadrados são temas que vão inspirar histórias, temas simples e de fácil identificação, como medo, amor, amizade, bichos, filhos, mentira e sonhos.

Para a primeira história, a narradora joga a pedrinha e sorteia um tema. Esta primeira é contada pela companhia. Em seguida, o público é convidado a contar uma história sua sobre o mesmo tema ou jogar novamente a pedrinha para sortear outro tema.

Narração, pandeiro e canto: Juliana Mado / Percussão e canto: Rafaella Nepomuceno / Rabeca e canto: Rafa da Rabeca

Artemídia: Isolamento – Shima (MG)

Vestido com roupas clássicas masculinas (calça, paletó, colete, camisa, gravata, sapato social, óculos e maleta), o artista visual Shima se afasta do mundo. Na série de performances “Isolamento”, ele utiliza uma fita zebrada – daquelas plásticas, listradas de amarelo e preto – para refletir sobre o dia a dia nas cidades.

O isolamento deste homem simboliza as situações de solidão, dificuldade de se movimentar, afastamento e outros problemas típicos da vida moderna.

O trabalho do artista procura criar meios não habituais para ver as coisas comuns, provocando estranhamentos, contrastes e harmonia, para assim estabelecer novas lentes para ver, sentir e pensar a realidade atual em aspectos relacionados ao tempo presente.

cia ju conta historias

Circo: Sanduba Delivery – Com Cia. Suno (SP)

O palhaço Duba Becker, em sua bicicleta acrobática, é o entregador e proprietário da lanchonete circense Sanduba Delivery, em que o público é quem pode fazer os pedidos.

O cardápio é bem diversificado, com especiarias como equilibrismos e acrobacias com objetos como entrada, malabarismo com bolas ou aros como prato principal, números com chapéus como sobremesa, entre outras gostosuras circenses de acordo com o gosto do freguês.

Roteiro e direção: Helena Figueira / Elenco: Duda Becker / Figurinos: Maria Eugênia Ramos / Cenografia: Cia. Suno / Sonoplastia: Leo Mologni

Dança: SE7 Aberto – Movasse (MG)

O Coletivo Movasse transforma locais públicos em sets abertos de filmagem onde artistas e público criam vídeos, sempre com foco na cena criada por meio da dança. O material filmado poderá ser postado com o objetivo de abrir um novo espaço de diálogo entre corpos em movimento, a partir de um processo criativo em colaboração com o público.

Se7 Aberto dá continuidade ao projeto Mov Post, criado para o Facebook, que reorganiza e transforma ideias geradas por movimentos contidos em vídeos postados na rede.

Bailarinos: Andrea Anhaia, Carlos Arão, Cibele Maia, Ester França, Fábio Dornas / Vídeo: Chico de Paula / Edição: Cibele Maia, Júnio Nery / Registro da intervenção: Na Lata

Música: Cidadão Instigado toca Pink Floyd – Cidadão Instigado (CE)

A banda cearense Cidadão Instigado interpreta o álbum The Dark Side of the Moon (1973), oitavo disco da banda britânica de rock progressivo Pink Floyd.

Considerado um dos discos mais marcantes da história do rock, conquistou o segundo lugar no ranking dos 200 álbuns definitivos do Rock And Roll Hall of Fame mundial, pela revista Rolling Stones, especializada em música.

No show, o grupo formado por Fernando Catatau e sua trupe, reinventa e apresenta uma nova versão para o clássico do rock.

Com: Fernando Catatau (guitarra e vocal), Regis Damasceno (guitarra e vocal), Clayton Martins (baterial de vocal), Rian (baixo e vocal), Dustan (teclado e vocal), Dharma Samu/Alex Vasconcelos (saxofonista).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *