Cartazes do 51º Fefol e do 31º Mini Festival são apresentados na ‘Vila Brasil’

Publicado em 14 de julho de 2015 às 12h18
Atualizado em 14 de julho de 2015 às 12h26

Com evento aberto ao público, foi apresentado na “Vila Brasil”, no Recinto do Folclore, os cartazes do 51º Festival do Folclore, que este ano será realizado entre os dias 8 e 16 de agosto, e do 31º Mini Festival do Folclore, que se realizará entre os dias 10 e 13 de agosto, também no Recinto.

lancamento-dos-cartazes-(1)

Na solenidade, o secretário de Governo João Paulo Polisello, Pitta, fez a apresentação dos cartazes, na presença do vice-prefeito Gustavo Pimenta (PSDB), e dos secretários Guto Zanette (Cultura, Esportes e Lazer) e Eliana Bertoncello Monteiro (Educação); do diretor de Cultura e presidente da Comissão Organizadora do 51º Festival do Folclore, Caio Longhi; do vice-presidente da Comissão Flávio Santos; da Coordenadora dos Festivais, Maria Aparecida de Araújo Manzolli, e da Presidente do Fundo Social de Solidariedade, Aparecida Zuliani.

Primeiramente, foi apresentado o cartaz do 31º Mini Festival do Folclore, com desenho feito por Guilherme Henrique Guimarães, aluno da EMEB Zenaide Rugai Fonseca, da Cohab IV, que estava presente ao lançamento acompanhado da avó, Silvani Pereira Guimarães.

lancamento-dos-cartazes-(4)

Também a diretora da Escola, Neide Olmos, e a professora do período complementar Mônica Fabiana Perpetua Crepaldi André, do 5º ano “A”, instrutora de Guilherme, estiveram presentes.

Guilherme recebeu como incentivo e reconhecimento pelo desenho uma bicicleta. Em seguida à entrega do brinde, o presidente da Comissão destacou o diferencial do cartaz do 51º Festival do Folclore: “Optamos por um desenho para elucidar a homenagem ao Estado do Pernambuco. Assim, o artista plástico Cristian Assis desenvolveu o tema que hoje apresentamos como o cartaz oficial”.

lancamento-dos-cartazes-(6)

Para finalizar a noite, o músico Wadão Marques apresentou o Frevo Virado, tema do 51º Fefol, e outras de suas canções.

A Associação Cultural Anástasis apresentou um bloco de danças paulistas, assim como o Grupo Olimpiense de Danças Parafolclóricas Cidade Menina Moça-Godap que encerrou a festividade.

lancamento-dos-cartazes-(9)

O evento contou com apoio do Fundo Social de Solidariedade, que levou quitutes, quentão e chocolate quente para aquecer a noite, e do empresário Deco Lima (Ibiza e Victória Restaurantes), com a comercialização de pratos folclóricos, como o sucesso do Festival Internacional, a “Mula sem Cabeça”.

Assunto(s):

Leia também:

Faça um comentário