Já foi fazer teste gratuito de câncer de pele no Centro de Saúde? Vai até às 16h

O atendimento, que consiste no exame gratuito da população de risco, está sendo feito desde às 8 da manhã e vai até às 4 da tarde, no Centro de Saúde, conhecido como “Postão”.

A coordenação da campanha vai ficar mais uma vez a cargo da médica dermatologista Margarida Solange Benatti Murad, que contará com as também especialistas Nely Spegiorim Rimoli e Elisa Damião Martins Barbero, além de outros médicos, enfermeiros e dos funcionários da Secretaria Municipal da Saúde.

Leia mais clicando aqui, neste mesmo blog.

Sábado tem consulta de graça contra câncer de pele no Centro de Saúde com especialistas

Neste sábado, 5 de dezembro, ocorrerá mais uma edição do Dia Nacional do Combate ao Câncer de Pele da Sociedade Brasileira de Dermatologia em Olímpia.

O atendimento, que consiste no exame gratuito da população de risco, será feito das 8 às 16h, no Centro de Saúde, conhecido como “Postão” . A coordenação da campanha vai ficar mais uma vez a cargo da médica dermatologista Margarida Solange Benatti Murad, que contará com as também especialistas Nely Spegiorim Rimoli e Elisa Damião Martins Barbero, além de outros médicos, enfermeiros e dos funcionários da Secretaria Municipal da Saúde.

Continue lendo, por favor…

EXCLUSIVO: O Centro do Idoso por dentro, quase pronto para a inauguração do dia 19

Fachada do Centro de Referência do Idoso
Fachada do Centro de Referência do Idoso

O Blog aproveitou que o CRI (Centro de Referência do Idoso) estava aberto para limpeza e arrumação final, tendo em vista a inauguração marcada para o próximo dia 19, às 10h, para entrar, e rapidamente, fotografar cada cômodo. Segundo a secretária Silvia Forti, além do idoso o CRI atenderá também a saúde da Mulher. Sugiro, então, que acrescente a letra M à sigla, se transformando em CRIM, que tal? Totalmente construído com recursos próprios.

Leia e Veja mais…

Cresce o número de casos de AIDS em Olímpia e mais em homens, revela Saúde local

Marli Beluci, das Ações em Saúde
Marli Beluci, das Ações em Saúde

Segundo dados do Programa Estadual de DST/Aids Olímpia teve seu primeiro caso de Aids em 1.987 e tem até o momento 109 casos notificados. Dos quais, 49 foram notificados no próprio município e 60 no Estado de São Paulo, informou Marli Beluci, responsável pelas Ações em Saúde de Olímpia. Atualmente, 48 vem sendo tratados pela Secretaria Municipal de Saúde.

“Apesar de estar estabilizada no Brasil, a AIDS está diminuindo nos grandes centros e está crescendo nas cidades do porte de Olímpia”, revela Marli.

Fique sabendo…

Olímpia tem programas contra a AIDS todos os dias. O teste sai em 1 hora sem agendar

O mundo todo comemora hoje, 1° de Dezembro, o Dia Mundial de Combate à AIDS. Em Olímpia, embora não esteja sendo realizadas manifestações ou ações específicas, a enfermeira das Ações em Saúde, Marli Belucci, da Secretaria Municipal da Saúde, informou que continua em andamento o programa “Fique Sabendo” – o interessado em saber se está ou não com AIDS, procura o Centro de Saúde ou qualquer Unidade Básica de Saúde (UBS), e faz o exame sem qualquer quer agendamento prévio. O resultado sairá em 1 hora.

Continue lendo…

‘Herança Maldita’: Tribunal de Contas multa Carneiro por fracionar licitação de laboratórios

O ex-prefeito dos últimos oito anos, Luiz Fernando Carneiro (PMDB), terá de ressarcir os cofres públicos por fracionar licitação na área de Saúde, segundo determinou o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE), mais especificamente serviços laboratoriais. O resultado provém de ação impetrada pelo artista plástico Willian Antonio Zanolli.

O valor a ser ressarcido aos cofres públicos por fracionar licitação (ao invés de realizar uma concorrência única para todo o exercício, transforma o objeto em pequenos lotes para ‘favorecer’ mais fornecedores), é de 100 UFESPs (Unidade Fiscal do Estado de São Paulo), cujo valor para o período de 1º de janeiro a 31 de dezembro de 2009 é de R$ 15,85, portanto, de R$ 1.585,00.

Leia a íntegra da decisão do TCE…

Maquete da UPA é apresentada aos vereadores por arquiteto e secretária

Silvia Forti e Miguel Ramos
Silvia Forti e Miguel Ramos

O arquiteto Miguel Ramos apresentou aos vereadores, na sessão ordinária de ontem à noite, segunda-feira (23), detalhes da planta e da maquete da Unidade de Pronto Atendimento 24h (UPA) que, conforme foi divulgado com exclusividade por este Blog há várias semanas, será construída na área onde hoje é o Pátio Municipal (este será transferido para o antigo Matadouro Municipal, segundo dizem).

A parte frontal da UPA (defronte um supermercado)
A parte frontal da UPA

A secretária da Saúde Sílvia Forti fez a apresentação do projeto conquistado pelo prefeito Geninho Zuliani (DEM), junto ao Ministério da Saúde e, em seguida, Miguel mostrou detalhes de como será a UPA de Olímpia, um investimento de R$ 1.470.000,00, sendo apenas R$ 70 mil de contrapartida do município.

Continue lendo…

Movimento contra PL que incorpora atividades de terceiros aos médicos

Nessa onda de extinguir obrigatoriedade de curso superior ou até de mexer em profissões consagradas, mais uma dessas tem tirado o sono de quem lida com saúde pública.

O Partido dos Trabalhadores (PT) e o Ministério da Saúde, através de Maria Helena Machado, junto com a minoria de lideranças médicas, lograram aprovar o Projeto de lei nº 268/2002 no Senado e o substitutivo ao Projeto de lei nº 7.703/2006 na Câmara dos Deputados, dando a 340 mil médicos a exclusividade de exercer atos privativos de 3 milhões de profissionais da saúde, tais como biomédicos, enfermeiros, farmacêuticos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, nutricionistas, profissionais da educação física, psicólogos, técnicos em radiologia e terapeutas ocupacionais.

Continuar lendo Movimento contra PL que incorpora atividades de terceiros aos médicos

E se já não bastasse a UPA 24h, Olímpia terá a primeira ‘creche’ para Idosos: a “Centro Dia”

Rita Passos com Carmem Bordalho
Rita Passos com Carmem Bordalho

Informação exclusiva do Blog: Em menos de um mês de ‘convencimento’ junto à secretária estadual da Assistência e Desenvolvimento Social, Rita Passos, a secretária municipal Carmem Bordalho conquistou R$ 300 mil para a construção de uma ‘quase creche para idosos’: o “Centro Dia — Quero Viver”, um centro de convivência onde 50 idosos poderão permanecer das 7h às 18h com assistência médica multidisciplinar, cinco refeições diárias, atividades e, o principal: a valorização de sua auto-estima tendo companhia e tratamento o dia todo enquanto seus familiares estão fora de casa trabalhando.

Continue lendo…

Construção da UPA 24h está em licitação e será mesmo onde hoje é o Pátio Municipal

Este Blog saiu na frente ao noticiar a liberação de uma Unidade de Pronto Atendimento 24h (UPA) para Olímpia e, enquanto a própria secretária da Saúde Sílvia Forti fazia ‘mistério’ do local de sua construção, o prefeito Geninho Zuliani (DEM) confirmou, após o nosso anúncio, com exclusividade também, que seria construída onde hoje é o Pátio Municipal. O Pátio irá para outro local, provavelmente cogita-se a área do ex-Matadouro Municipal.

Agora, saiu o edital para a sua construção com prazo fatal para 30 deste mês, às 13h30, devendo os envelopes serem abertos meia hora depois. O custo é de quase R$ 1,1 milhão pelo Ministério da Saúde. Serão 700 metros quadrados de área que, inclusive, irão dar ‘um novo ar’ para aquela parte (escura e feia) da cidade. E, com a UPA 24h, virá o SAMU, a UTI móvel que vai ajudar a salvar vidas.

A maquete da UPA de Olímpia. Quase um novo hospital
A maquete da UPA de Olímpia, com o SAMU estacionado. Quase um novo hospital

Continue lendo…

A Saúde ideal? Prefeito garante que fez em 10 meses o que, em oito anos, o governo ‘de branco’ não fez

CRIEu sempre digo, repito e escrevo: há duas formas de enxergar o mundo, as situações, as pessoas e as intenções, através de um copo com líquido até a metade. O que você diria: está meio cheio ou meio vazio? O que seria melhor: que estivesse todo vazio ou todo cheio? Há os otimistas e os pessimistas. E, entre os dois, os aproveitadores, como os que exploraram, no final de semana, a sinceridade ‘tecnicamente correta’ da secretária municipal da Saúde Sílvia Forti, que afirmou, após demonstrar a evolução do cenário passado com o presente: “Falta muito para Saúde chegar ao ponto ideal”.

Eu assisti à audiência pública que Sílvia expôs o que vem fazendo nestes 11 meses de governo, no último dia 29, e, pasmem, ela é realmente técnica e, na minha opinião, um pouco ufanista, ao afirmar que um dia chegaremos ao ‘ponto ideal’. Quero saber em que cidade, Estado, País, Planeta, existe uma Saúde ideal.

Agora, que melhorou da água para o vinho, isso podem ter a certeza.

Continuar lendo A Saúde ideal? Prefeito garante que fez em 10 meses o que, em oito anos, o governo ‘de branco’ não fez

Olímpia terá a 1ª UPA 24h. É melhor do que UBS, vai aliviar Santa Casa até o final do ano

O prefeito Geninho Zuliani (DEM) acaba de informar ao Blog, em primeira mão, que Olímpia terá a primeira Unidade de Pronto Atendimento (UPA) até o final do ano. O ministro da Saúde José Gomes Temporão acaba de assinar uma Portaria autorizando recursos financeiros para o Fundo Municipal de Saúde de Olímpia para este fim. E para mais 16 cidades do interior paulista, um investimento de R$ 41,2 milhões,visando uma demanda de 3,8 milhões de pessoas. Segundo o prefeito Geninho também revelou, em primeira mão, para este blog, o local será no atual Pátio da Prefeitura que, evidentemente, será transferid0. “O local tem acesso aos quatro cantos, está bem localizado e atenderá perfeitamente ali”, revelou o prefeito.

As UPAs prestam assistência emergencial de baixa e média complexidade 24 horas por dia. Elas atendem demandas da população e estão integradas ao SAMU, à rede básica e ao Programa Saúde da Família. Quando chegam às unidades, os pacientes são avaliados. Eles podem ser liberados, permanecer em observação por até 24 horas ou ser removidos para um hospital.

A UPA de Olímpia está na categoria I, ou seja, enquadrada para cidades entre 50 a 100 mil habitantes e, por isso, a unidade será dotada de dois médicos, um clínico geral e um pediatra, para um atendimento estimado entre 50 a 150 pacientes por dia, dotada de 5 a 8 leitos de observação. A área mínima de construção será de 700 metros quadrados.

Continue lendo…