Apreensão de menor traficante em chácara de Severínia

A Polícia Militar de Severínia apreendeu na tarde de ontem, terça-feira (14), um dos quatro menores que estavam na a chácara do Galina embalando e trocando entorpecentes. A ação teve o apoio da Guarda Civil Municipal (GCM), motivada por denúncia anônima.

Nessa operação, ocorrida por volta das 15 h, o adolescente L.L.M, de 17 anos, foi apreendido após cerco efetuado pela equipe do sargento PM Otoniel, com soldado Giuliano, e GCMs Pereira e Hebert, com cinco porções de maconha já embaladas para o tráfico e R$ 16,50.

Os outros três menores conseguiram fugir, mas foram reconhecidos pelos policiais.

Mas, a apreensão do menor L.L.M. não foi fácil. Mãe e irmãs, também envolvidas em ocorrências de tráfico, seguindo a PM, tumultuaram com agressões aos policiais, inclusive pedradas, e foi necessário o uso de gás pimenta para dispersar a turba.

O adolescente, assim como a droga e o dinheiro, foram apreendidos e conduzidos ao plantão policial onde o delegado Marcelo Pupo de Paula ratificou a apreensão do menor, recolhendo-o à uma das celas da Cadeia local, deixando-o à disposição da Justiça.

Polícia Federal incinera mais de 4 toneladas de drogas

A Polícia Federal em Ribeirão Preto, nesta segunda-feira (13), incinerou 4,2 toneladas de drogas, sendo 72kg de cocaína e 4.128kg de maconha.

IMG_20150713_115931675_HDR

As drogas incineradas foram aprendidas em quatro flagrantes diferentes, sendo um deles em 2006 (15,5kg de maconha) e os outros três entre os meses de fevereiro e julho deste ano:

  • 13.2.2015: 72,3kg de cocaína, 4 pessoas presas e armas de fogo;
  • 19.6.2015: 605kg de maconha, 2 pessoas presas;
  • 27.6.2015: 3.510kg de maconha, 5 pessoas presas.

Participaram da incineração, além de policiais federais, membro do Ministério Público Federal, representante da Vigilância Sanitária e funcionários de uma usina de açúcar e álcool da região que colaboraram com o fornecimento de caldeira e pessoal para a realização da incineração.

Essa é a segunda incineração da Polícia Federal no ano de 2015, tendo a primeira sido realizada em 15.6.2015, quando foram incineradas 1.545kg de drogas (187kg de cocaína e 1358kg de maconha).

Somente em 2015, a Polícia Federal já apreendeu 4.207kg de drogas em Ribeirão Preto, o que supera o total de 2.738kg de drogas apreendidos em todo o ano de 2014.

Mulher é presa por embriaguez ao volante, desacato e resistência, em Severínia

Uma mulher de 30 anos, moradora de Severínia, responderá em liberdade por embriaguez ao volante, desacato e resistência ao flagrante dos policiais cabo Antunes e soldado Alessi, na madrugada desta segunda-feira (13), no centro daquela cidade.

ELISANGELA-DOS-SANTOS-PEREIRA

Durante patrulhamento, os PMs se depararam com o veículo Fiat Stilo, cor preta, placas EAB-3091, que foi abordado e, ao ser solicitada a documentação de praxe, do veículo verificou-se que era dirigido pela adolescente M.E.M.C., 17, mas antes tentou despistar os PMs afirmando que a documentação estava em sua casa, confirmando que tem carteira nacional de habilitação (CNH). Daí, se apresentou Elisângela dos Santos Pereira, 30, com forte odor etílico, muito falante, olhos vermelhos, e alegou ser proprietária do Fiat, apresentando a sua CNH e, ao alegar que iria pegar o documento do veículo, acionou a ignição, fugindo bruscamente em alta velocidade.

Ela foi acompanhada pela viatura policial, sendo abordada defronte à sua residência. Elisângela entrou em sua casa, pegou os documentos do veículo, que estavam vencidos.

Ao comunicá-la de que o veículo seria apreendido, ofendeu os pois com palavras de baixo calão, como ‘vão t… no…c.’, ‘policiais de m…’, ‘não vão prender o meu carro’. Diante do desacato, foi dada voz de prisão para Elisângela e, quando eles a estavam conduzindo para o interior da viatura, ela resistiu, novamente, motivo que levou os PMs a usarem de força física moderada, necessária para contê-la, bem como o uso de algemas.

Devido a ela se debater muito e chutar o vidro traseiro da viatura, para evitar que se machucasse com gravidade e danificasse a viatura, os policiais se deslocaram até à Delegacia de Polícia Civil, segurando-a no ‘contra-peso’ da viatura.

Quando mais calma, Elisângela foi convidada a realizar o teste do bafômetro, que se recusou, sendo então encaminhada ao hospital local, onde a médica Laís J. Criada atestou que o seu estado psicomotor encontrava-se comprometido em face da ingestão de bebida alcoólica, sendo reiterada a voz de prisão por embriaguez ao volante.

A motorista foi apresentada à autoridade policial, que ratificou a voz de prisão e após a lavratura dos autos arbitrou fiança no valor de R$ 1.500, que foi paga e liberada para responder aos crimes em liberdade.

Foram tomadas as medidas administrativas pertinentes a este caso.

A VERSÃO DE ELISÂNGELA

Na redação do Diário, Elisângela disse que o veículo estava de fato trafegando com a menor, e ela no banco traseiro, quando foram abordados. Ele pediu o documento da menor, que não foi apresentado. Segundo ela, a menor e o veículo foram liberados, e ato contínuo os PMs foram à sua casa, alegando que os documentos estavam em atraso e que seria apreendido. Não houve a fuga, como foi registrado no B.O.

IMG_7925

Ela se recusou a prender o carro, e foi quando ele, segundo ela, “invadiu a casa, tomou as chaves dela e levou o carro, mesmo sendo apresentados os recibos de que o veículo estava em dia, foi quando foi algemada alegando que houve desacato”, mas nega que tenha feito tal coisa.

Agora, com esses fatos, Elisângela afirma que está com advogados para corrigir o que ela considera como fato inverídico de que sofreu.

Travesti é decapitado em Paulo de Faria. Autores morreram no confronto com policiais

Paulo de Faria, com pouco mais de 8 mil habitantes, viveu um dia de horror neste domingo, dia 12. Uma travesti foi brutalmente assassinada e a intervenção das polícias Civil e Militar acabou provocando a morte de outras duas pessoas, supostos autores do crime.

Leandro decapitado

Leandro Rodrigues Dorta foi encontrado com a cabeça decepada. O local, segundo a PM, foi preservado para os trabalhos da perícia e investigação sobre a morte.

Em nota oficial, a PM diz que, por volta das 14h, foi informada sobre o crime. Ainda segundo a versão oficial, por volta das 17h, equipes das polícias Militar e Civil foram constatar denúncias sobre duas pessoas que seriam os autores do assassinato da travesti.

A PM segue dizendo que, ao chegar no local apontado, os policiais foram recebidos por um dos suspeitos, J.C.G.P., com um revólver calibre 22 em punho e este acabou alvejado por dois tiros. O segundo homem, F.S.S., estaria com uma arma branca segundo a PM e também levou dois tiros. Ambos morreram no local.

Foi instaurado inquérito Policial Militar para apuração das mortes em decorrência da intervenção policial.

Diarioweb

Caminhão com óleo diesel toma no trecho urbano de Rio Preto da BR-153

Um caminhão carregado com óleo diesel tombou, na manhã desta segunda-feira (13), no trecho urbano da BR-153 em São José do Rio Preto.

carro tomba

O veículo está carregado com mais de 20 mil litros de combustível e bateu contra outro caminhão, carregado com cilindros de gases. A área foi isolada, já que corre o risco de explosão. O congestionamento já chega a quatro quilômetros. O trânsito está sendo desviado pela marginal da rodovia.

Segundo informações da polícia, o caminhão perdeu força durante a subida, desceu de ré e bateu contra outro caminhão, depois tombou. O acidente foi próximo a represa municipal e houve vazamento. O local é atualmente responsável por 30% do abastecimento do município.

Equipes do Corpo de Bombeiros e técnicos da Cetesb estão no local para tentar controlar o vazamento. A Companhia de Abastecimento de Água da cidade ainda analisa se haverá racionamento na distribuição de água.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, não há registro feridos.

G1

Homem drogado ataca recepcionistas de motel, fere e tenta estuprar

PLANTÃO DO DIÁRIO – A Polícia Militar de Olímpia está fazendo o flagrante de tentativa de homicídio, estupro tentado e lesão corporal dolosa. Neste instante, aos 15 minutos de sábado (11), a PM faz a ocorrência com o indivíduo já dominado. Não tivemos mais informações, mas o caso está sendo apresentado pelo sargento Queiroz.

Consta que esse indivíduo, Flávio Mariano, ocupou um dos quartos do Motel Antares e, após fazer uso de entorpecentes e álcool, invadiu a recepção, atacando as funcionárias, tendo atingido uma facada no rosto de uma delas, mas conseguiu escapar dessa fúria, quando outra funcionária iniciava o turno, foi rendida, levada a um banheiro e, nua, espancada e foi agarrada por trás.

Como ela levou diversas pancadas, quase percebermos sentidos, pelo agressor, não tem certeza se foi violentada, afirmando que provavelmente não.

Não há mais detalhes, por ora, já que as fontes ouvidas pelo Diário afirmam que, por ora, trata-se de sigilo. Mas, com certeza, saberemos mais detalhes e passaremos aos leitores

Policiais civis e militares prendem autores de roubo e flagram menor com drogas

Equipes das polícias Civil e Militar de Guaraci cumpriram na manhã de hoje, quinta-feira (2), mandado de prisão de três adultos e um adolescente que, no último dia 17, roubaram uma lanchonete naquela cidade. Um dos adultos é de Olímpia. Na abordagem dos acusados, uma menor de 14 anos foi flagrada com quatro pedras de crack, sendo também apreendida.

IMG_7328

Da ação de cumprimento do mandado, graças à representação feita pela delegada Débora Cristina Abdala Nóbrega de prisão preventiva e apreensão de um dos menores envolvidos naquele roubo, S.A.S., 17, uma outra ocorrência acabou sendo desenvolvida devido ao nervosismo de uma adolescente de 14 anos, amásia do outro menor apreendido, que, ao ser revistada pela delegada, descobriu-se que portava quatro pedras de crack embaladas para o tráfico, daí ela também foi apreendida.

Essa ação foi coordenada pela delegada Débora, escrivão Diogo e investigadores Aldemir e Artur, com apoio da equipe do sargento César, e cabos PM Ferraccini e Silva Nunes, por volta das 11h de hoje, na residência da menor M.E.S., 14, na Vila Camargo. A mãe E.S.S., 33, foi arrolada como curadora na ocorrência.

IMG_7327

MANDADO DE PRISÃO

Foi cumprido, portanto, mandado de prisão contra Fernando Vitor de Lima, 19, Joice Jennifer Seconelo, 20 – ambos de Guaraci, e o olimpiense Tiago Gonçalves, 27.

IMG_7330

No último dia 17, acompanhados pelo menor S.A.S., Fernando, Joice e Tiago, roubaram uma lanchonete em Guaraci.

Com a representação feita pela delegada Débora, o mandado de prisão foi cumprido hoje com apoio da equipe do sargento PM César.

Mulher é presa com 24 pedras de crack, 18 delas escondidas na calcinha

Por volta das 20h38 de hoje, quarta-feira (1), a Polícia Militar de Olímpia prendeu em flagrante no tráfico de entorpecentes uma mulher de 33 anos no bairro Santa Ifigênia. Com ela, 24 porções de crack, que pesaram nove gramas, sendo 18 delas escondidas em sua calcinha.

  
Em patrulhamento pelo bairro, a equipe com cabos Nairton Reginaldo e soldado Henrique e Passarela, recebeu a denúncia de que em uma casa da Rua Sete estavam pessoas envolvidas no tráfico de drogas. Com apoio dos cabos Deiviti e Vicentini, os militares foram ao endereço denunciado e, de fato, flagraram sentadas em um sofá Elizangela Alves de Moura, 33, desocupada, e Daniela Patricia Pereira, 25, também desocupada.

Nas mãos de Elizangela, os PMs encontraram seis porções de crack embaladas em papel alumínio, e em um de seus bolsos, a quantia de 46,05 reais. Questionada, ela confessou a propriedade da droga e ainda revelou que, escondida em seu corpo, na calcinha, havia uma caixa de cigarros com mais 18 pedras de crack, também embaladas para o tráfico.

Já com Daniela, nada foi encontrado naquele momento. Ambas receberam voz de prisão dos policiais militares e foram encaminhadas ao plantão da Delegacia de Polícia Civil.

  
No plantão, a investigadora Lucimara fez revistas minuciosas Elizangela e Daniela, sendo confirmadas as 18 pedras de crack escondidas na calcinha da primeira e nada de ilícito com a segunda, sendo esta arrolado como testemunha dos fatos.

O delegado Ricardo Afonso Rodrigues confirmou a prisão de Elizangela, que, após os procedimentos de praxe, foi encaminhada à Cadeia Feminina de Colina.

Filho mata o pai com golpes de enxada, em Severínia

PLANTÃO DO DIÁRIO – Um filho assassinou o pai com golpes de enxada no início da noite desta segunda-feira (29), em Severínia.

A Polícia Militar ainda está colhendo as informações. A vítima se chama Osvaldo Libório (foto), 70 anos.


O filho, José Luiz, que estava foragido, foi pego, segundo fontes, nas proximidades da Usina Guarani.

O Diário trará os detalhes oficiais assim que for possível.

Na ‘Casa da Vanda’, quatro são presos com quase 60 gramas de drogas

A Polícia Militar de Olímpia prendeu quatro pessoas, sendo um adolescente de 15 anos, com 31 porções de maconha, 14 pinos de cocaína, 5 porções de crack, além de apreender um caderno com anotações do tráfico, cerca de 500 pinos vazios para o envase de cocaína e R$ 202 em espécie. No total, 57 gramas de entorpecentes.

IMG_7241

Em patrulhamento pelo bairro Santa Ifigênia, os policiais militares cabo Nairton e soldado Henrique receberam informação anônima de moradores de que, na ‘Casa da Vanda’, conhecida dos meios policiais, estavam sendo embaladas drogas para o tráfico.

Diante disso, com apoio de outra viatura com soldados Pedra e Passarela, e motos da ROCAM, os PMs foram ao local, chegando à casa da Vanda, entrando pelos fundos, encontrando, de fato, quatro pessoas embalando drogas, um deles adolescente, D.G.C., 15 anos.

Os demais qualificados são Carlos Alberto de Souza, 53, pedreiro; Maria Edivânia LIra do Nascimento, desocupada, 34; e Romário Ferreira dos Santos, ajudante, 25.

Aos PMs, o pedreiro Carlos confirmou que vende apenas o pinos vazios encontrados atrás da geladeira da residência. Negou ser dono das 26 porções de maconha encontradas debaixo da mesma geladeira e entre as suas roupas, bem como os dois pinos de cocaína escondidos dentro de um rádio.

drogas

Edivânia declarou que nada sabia das drogas encontradas no banheiro de sua casa e no quintal. E que alugou o cômodo dos fundos para Carlos e que, também, não sabia a respeito das drogas que foram encontradas naquele cômodo.

Por sua vez, Romarinho disse que as cinco porções de maconha encontradas dentro do colchão, no quintal, e os sete pinos de cocaína dentro de um potinho, também no quintal, lhe pertenciam. E mostrou aos policiais, dentro da casa da Vanda, escondidos nos tijolos do banheiro, as cinco porções de crack e os cinco pinos contendo cocaína, mas disse que tudo lhe pertencia.

O adolescente nada declarou.

Todos foram encaminhados ao plantão da Delegacia de Polícia Civil onde o delegado titular Marcelo Pupo de Paula ratificou a prisão dos adultos, encaminhando-os à Cadeia de Severínia (Vanda foi para a Cadeia Feminina de Colina), e a apreensão do menor, que será apresentado no plantão judiciário em Barretos no próximo expediente.

Polícia indicia dois por vazamento de imagens do corpo de Cristiano Araújo. E já foram demitidos

A Polícia Civil indiciou duas pessoas pelo vazamento de fotos e vídeos em redes sociais do momento em que o corpo do cantor Cristiano Araújo, que morreu em um acidente de carro na BR-153, em Goiás, era preparado para o sepultamento.

montagem

De acordo com o delegado Eli José de Oliveira, do 4º Distrito Policial de Goiânia, elas vão responder pelo crime de vilipendiar cadáver (desrespeito ao corpo), com pena que vai de um a três anos de prisão.

“São os dois funcionários da Clínica Oeste, onde o corpo foi preparado. Além disso, uma terceira pessoa, que foi quem divulgou as imagens, também poderá ser indiciada pelo mesmo crime”, disse Oliveira.

Segundo o delegado, os funcionários da clínica, os técnicos em tanatopraxia (procedimento de retirada dos fluídos do corpo para o enterro) Marco Antônio Ramos, de 41 anos, e Márcia Valéria dos Santos, de 39, já foram ouvidos e liberados. O terceiro envolvido ainda vai prestar depoimento. Ele é colega de Márcia em um curso de enfermagem e apontado como o responsável por divulgar as imagens.

“A Márcia disse que o Marco só percebeu que ela estava gravando quando já estava no meio da filmagem, mas não a impediu. Depois, ela mandou esse vídeo para o colega, que estuda com ela, e foi ele quem postou nas redes sociais”, explicou Oliveira.

Em uma das fotos, o cantor aparece com hematomas no rosto e, na outra, ele está com o terno que vestia quando foi sepultado. Já o vídeo mostra o processo de preparação do corpo.

“Nos depoimentos, tanto o Marco quanto a Márcia assumiram que sabiam do regimento interno da clínica que impede o registro de imagens dos cadáveres. Ela afirmou que já trabalhava no local há quatro anos e que o ato foi impensado. Por isso, a clínica não deve ser responsabilizada. A não ser que os familiares entrem com ação na Justiça”, destacou o delegado.

Oliveira ressaltou que inquérito sobre o caso já está em fase final de conclusão. A sócia-proprietária da clínica, Laurinete Menezes Oliveira, também foi ouvida. “Ela ressaltou que todos os funcionários assinam o termo, que os responsabiliza pelos atos. Sendo assim, a clínica fica passível de uma ação cível, mas não criminal”.

Na manhã desta sexta-feira (26), a assessoria de imprensa da Clínica Oeste confirmou que os funcionários já foram demitidos.

Em nota, o estabelecimento afirmou que repudia a ação dos empregados. “A Clínica Oeste existe há quatro anos e reitera seu compromisso com a ética, a transparência, o zelo pela prestação do serviço e o respeito às famílias, e se solidariza com todos os que, como ela, repudiam tal ato”, destacou o texto.

Na quinta-feira, o diretor de comunicação do cantor Cristiano Araújo, Rafael Vannucci, disse que os advogados que cuidavam da carreira do artista irão analisar o vazamento nas redes sociais de fotos e vídeo feitos durante a preparação do corpo para o velório e o sepultamento. Ele explicou que ainda não viu as imagens, mas que já ouviu comentários sobre o caso.

“O escritório do Cristiano Araújo, o CA Produções Artísticas, vai analisar os fatos e zelar pela imagem dele mesmo após a sua morte. Vamos tentar agir da melhor forma possível, mas a decisão de fazer qualquer coisa é da família”, explicou.
O delegado destacou, ainda, que qualquer pessoa que divulgar as imagens fica passível de ser indiciada pelo crime de vilipendiar cadáver. “A gente não vai atrás de casos isolados, mas se houver denúncia, ela será apurada”, concluiu Oliveira.

Instituto Médico Legal

O médico legista Peterson Freitas Moreira, diretor clínico do Instituto Médico Legal (IML) de Goiânia, disse que os registros não foram feitos dentro do órgão. Ele, inclusive, disse estar “indignado” com a situação.

“Isso é um absurdo. Ficamos sabendo do vazamento há poucas horas. O vídeo não foi feito aqui. Os dois funcionários que aparecem não trabalham no IML. Além disso, no caso das fotos, não somos nós quem vestimos os corpos”, enfatizou.

O médico explicou ainda que, no caso do sertanejo, foi necessário analisar o corpo, mas nenhum órgão foi retirado. Ele revela que participou da necropsia de Cristiano com mais dois profissionais e que nenhum estava com celulares. Além disso, um policial fazia a segurança da sala.

Segundo Peterson, em alguns casos, é preciso fotografar o corpo como forma de comprovar laudos e documentos. Porém, isso é feito de forma profissional e somente para interesse do IML. “Se um servidor age desta forma, ele tem que responder um processo administrativo, podendo até ser expulso do órgão”, informa.

Em nota, a Secretaria de Estado da Segurança Pública e Administração Penitenciária já havia informado que a Polícia Civil já concluiu que as imagens não foram feitas no IML e aponta que o local onde o vídeo foi feito pode ser a sala de um estabelecimento de preparação de corpos para velório e sepultamento.

Já o Conselho Regional de Medicina do Estado de Goiás (Cremego) destacou que repudia a divulgação das imagens do corpo do cantor e que a clínica está regularmente inscrita no órgão. “Vamos apurar a divulgação das imagens nas redes sociais.

Esclarecemos que a gravação do preparo do corpo só é permitida se necessária para registro interno e técnico deste ato médico. Ressaltamos que a divulgação do procedimento pode configurar infração ético-profissional”.

Morte

Cristiano Araújo morreu em um acidente de carro na BR-153, entre Morrinhos e Pontalina, na quarta-feira (24) quando voltava de um show em Itumbiara, no sul do estado. No veículo também estava a namorada do cantor, a estudante Allana Coelho, de 19 anos, que morreu no local, além do motorista do músico, Ronaldo Miranda, e do empresário Victor Leonardo – os dois se feriram, mas já receberam alta do Instituto Ortopédico de Goiânia (IOG).

Fonte: G1

Caixa eletrônico da Praça explode e criminosos trocam tiros com a PM

O caixa eletrônico da Caixa foi explodido na madrugada desta segunda-feira (22), na Praça Rui Barbosa. Até o momento, os criminosos não foram encontrados.

Segundo consta, cerca de 15 criminosos explodiram o caixa automático da Caixa Federal durante a madrugada.

Na fuga, os ladrões deixaram cerca de R$ 36 mil no chão.

O equipamento estava instalado na Praça da Matriz, no centro da cidade.

A polícia foi chamada após o estouro e surpreendeu a quadrilha, que revidou com tiros de fuzil.

Casal é preso em flagrante no tráfico de cocaína no Santa Ifigênia

A Polícia Militar de Olímpia prendeu, na noite de ontem, sexta-feira (19), um casal acusado de tráfico de drogas, no bairro Santa Ifigênia. Foram sete pinos e uma porção de cocaína, além de R$ 50.

trafico

Em patrulhamento pelo bairro, cabo PM Nairton e soldado Henrique, com apoio de outra viatura com cabos PM Reginaldo e Ribeiro, no cruzamento das ruas Cinco com a Cláudia Ledesma Miessa, se depararam com Renato Alves de Souza, 30, desocupado, conhecido como Renato Jiló, que agiu de forma suspeita ao avistar a viatura e perceber que seria abordado.

Rapidamente, Jiló desceu a Rua Cinco e, antes de ser abordado, arremessou algo sobre o muro de uma das casas. Foi alcançado, abordado e revistado, sendo encontrado em um dos bolsos de sua bermuda um pino de cocaína e R$ 50. Os PMs conseguiram encontrar o que ele havia dispensado: mais dois pinos contendo cocaína.

IMG_7063

Diante dos fatos, foi levado para a sua residência, estando em seu interior a amásia Bianca Naiara de Oliveira, 26, do lar. Na revista pela casa, os PMs encontraram uma bolsinha contendo um saquinho plástico onde, em seu interior, havia uma porção de cocaína que, posteriormente, pesou quatro gramas. Bianca confessou que a droga lhe pertencia.

Em busca pela residência, os militares encontraram, entre os blocos do muro, mais quatro pinos de cocaína.

Assim, Renato Jiló e Bianca foram presos em flagrante e conduzidos ao plantão da Delegacia de Polícia Civil, onde a delegada Maria Tereza Ferreira Vendramel ratificou a voz de prisão, determinando a apreensão das drogas e o encarceramento dos autores.

Irmão de vereador de Severínia é indiciado na Polícia por ‘doação de asfalto’ para Fazenda Nata

O irmão de um vereador de Severínia foi indicado por peculato por ter desviado massa asfáltica da Prefeitura para uma fazenda particular no último dia 22, conforme noticiado com exclusividade pelo Diário de Olímpia.Com (leia aqui).

O prefeito Edwanil de Oliveira (Nil) determinou a instauração de um processo administrativo para apurar a responsabilidade e circunstâncias sobre doação de material de recapeamento asfáltico para Fazenda Nata, segundo informou o assessor de Imprensa Tadeu Fonseca.

breno-e-bruno-alves

Segundo boletim de ocorrência lavrado naquele dia, às 17h37, Bruno da Silva Alves, 25, na qualidade de servidor municipal, disse ao delegado Marcelo Pupo de Paula que não recebeu nenhuma vantagem, ou dinheiro, para ceder a massa asfáltica para a Fazenda Nata, já que considerou que a mesma “era objeto descartável” e que “não seria reaproveitada”, portanto “não teria mais utilidade para recapeamento e tapa buracos de Severínia.

Bruno trabalha, ou trabalhava, no pátio de serviços da Prefeitura de Severínia, como uma espécie de secretário. Para algumas fontes ouvidas pelo Diário, isso configura nepotismo (contratação de parentes, inclusive de primeiro grau, no serviço público). Além disso, consta que tem gado arrendado no pasto da Fazenda Palmeira, do mesmo grupo da Fazenda Nata.

IMG_20150522_160952359

Daí, Bruno, que é irmão do vereador Breno Alves (PSDB), decidir fazer a “doação para a Fazenda Nata”, razão pela qual o delegado considerou que, neste aspecto, Bruno não pode ser incurso no crime de peculato (um dos tipos penais próprios de funcionários públicos contra a administração em geral, via de regra, só pode ser praticado por servidor público).

IMG_9867

Porém, o delegado registrou no Boletim de Ocorrência que “outrossim, tal funcionário pode ter agido com culpa, na modalidade imprudência, pois apenas de não ter exigido e não recebido qualquer quantia em dinheiro para a doação da massa asfáltica, pode ter gerado prejuízo aos cofres públicos, caso referido material possa ser reaproveitado em outra finalidade, gerando assim, dando ao erário, porém conforme preceitua o parágrafo 1º do referido artigo de peculato (312 do Código Penal), trata-se de crime apenado com detenção de três meses a um ano”.

O delegado Marcelo registrou, ainda, que “para a configuração de eventual prejuízo ao erário, necessária a realização de perícia no material (massa asfáltica) que foi devidamente apreendido, visando saber sobre o seu reaproveitamento, razão pela qual requisitou-se os trabalhos da Polícia Científica de Barretos, os quais estiveram na Fazenda Nata, bem como farão posterior análise do material (massa asfáltica) que se encontra apreendi na carreta, visando sempre a busca da verdade real através da instauração de inquérito policial”.

Um operador do Direito ouvido pelo Diário ontem, após o B.O. estar na Redação, questiona: “Bruno deveria ser qualificado como peculato de desvio, não poderia como servidor desviar material público e nem considerá-lo inservível, já que, se não serve para tapar os inúmeros buracos de bairros carentes da cidade, como serviu para melhorar o pavimento de uma propriedade particular de alto padrão?”

Para o assessor de imprensa da Prefeitura, Tadeu, Bruno justificou: “Estamos trabalhando a semana toda com tapa buracos e tinha essa sobra, como não serviria mais para nosso serviço e a fazenda sempre empresta equipamentos para o município, achei que não teria problema”.

OS FATOS

Segundo consta no B.O., “após recebimento da denúncia realizada por Dênis Correia Moreira, presidente da Câmara Municipal de Severínia, o escrivão Luiz Carlos se deslocou até a Fazenda Nata para averiguar uma situação de desvio de material para recapeamento asfáltico, de propriedade da prefeitura, sendo que o referido material estava sendo transportado em uma carretinha particular até a Fazenda Nata, encravada neste município”.

IMG_20150522_155232798_HDR

O relato prossegue: “Diante da informação, o policial Luiz Carlos solicitou apoio da Polícia Militar e deslocou-se até a Fazenda Nata, logo após o trator adentrar na propriedade, realizou a abordagem e solicitou que o motorista desembarcasse, ocasião em que foi identificado como Antônio Marçal de Castro, 36, o qual foi indagado sobre o material que transportava na carreta, e disse que não tinha certeza de que era, apenas estava cumprindo ordens e havia buscado aquele material no Recinto de Exposição local”.

IMG_20150522_155024098_HDR

“Foi constatado que tratava-se de material para recapeamento (massa asfáltica) e que Antônio havia recebido ordens do administrador da Fazenda, senhor Sérgio dos Santos, 45, para que buscasse aquele material e transportasse até determinado local da Fazenda. Ainda na propriedade, foi constatado que próximo da represa foi realizado um trabalho de recapeamento e tapa buracos, acreditando ser recente, razão pela qual foi solicitada perícia técnica no local, tendo comparecido o perito Luiz Carlos do Instituto de Criminalística de Barretos”, informa o B.O.

O local foi fotografado, o trator e a carreta foram apreendidos e conduzidos até a Delegacia de Polícia.

Todas as partes foram ouvidas e identificadas e qualificadas, inclusive o prefeito Nil.

P.S.: ao contrário do noticiado pelo Diário, pelas primeiras informações transmitidas, o trator, carreta e tratorista, não são da Prefeitura de Severínia.

Polícia Militar de Guaraci prende traficante que enterrava maconha

Um homem de 20 anos foi preso ao meio-dia desta sexta-feira (29), no Jardim Solar Campestre, em Guaraci, pela Polícia Militar, ao ser encontrado em sua casa, enterrados perto do poste de energia, 190 gramas de maconha divididas em seis pacotes.

  
Segundo o boletim de ocorrência lavrado pelos policiais militares sargento Cesar, Cabo Cleber e soldado Borges, após receberem denúncia anônima de que Ueslei da Silva Martins, mantinha em sua residência grande quantidade de drogas, após mudar-se do Jardim do Bosque para o Solar Campestre, os PMs foram ao local e surpreenderam Ueslei sentado defronte à casa.  

 Abordado e revistado, nada de ilícito foi encontrado com ele, mas os policiais insistiram na vistoria mais minuciosa, pois a denúncia também informava que ele escondia drogas fora da casa, já que o local tem muita vegetação.

  
  
Os policiais desconfiaram de um buraco tampado é coberto por um tijolo, e  ao cavarem encontraram seis invólucros grandes, envoltos em fita crepe, e era maconha que, pesada, totalizou 190 gramas.  

 Também em revista pela casa, os militares encontraram a quantia de 62 reais no quarto. Ueslei não soube dizer a procedência do dinheiro, mas confessou que a maconha era sua.

  
Diante dos fatos, recebeu voz de prisão e conduzido à Delegacia de Polícia Civil  local, onde foi autuado pelo delegado António de Miranda, com base na lei de tráfico de entorpecente. 

 Ueslei foi encarcerado na Cadeia de Severínia, onde ficar à disposição da Justiça.

Presidente da Câmara de Severínia tem ônibus queimado na madrugada de hoje

Um ônibus de uma empresa de transporte de trabalhadores rurais, que tem como dono o presidente da Câmara de Severínia (SP), Denis Correia Moreira, o Denão, foi incendiado durante a madrugada desta quinta-feira (28). Ele é de oposição.

P5282013

O veículo estava parado em frente à casa da irmã dele. A polícia fazia patrulhamento pelo bairro quando viu o ônibus em chamas. A equipe do Corpo de Bombeiros foi chamada e moradores tentaram apagar o fogo com mangueiras e extintores antes da chegada dos oficiais.

O ônibus ficou com parcialmente destruído e a Perícia irá até o local. As causas do incêndio serão investigadas.

G1